Guia da Semana
Arte
Por Redação Guia da Semana

Mazzaropi - O Caipira do Século

Ícone do cinema nacional ganha mostra no Sesc Santo André em comemoração aos 100 anos.

Este evento terminou

Mazzaropi - O Caipira do Século

Data 10 Jan 2012-31 Jan 2012
10 a 31 de janeiro.

Preço(s) Grátis.

Horário(s) Terça, 20h.

Santo André
Rua Tamarutaca, 302, 08010-480

Telefone (11) 4469-1200

Responsável por personagens como Jeca Tatu e tantos outros caipiras que divertiram espectadores do cinema nacional, Amácio Mazzaropi ganha uma mostra em homenagem aos 100 anos que comemoraria em 2012.

Até o fim de janeiro, Mazzaropi - O Caipira do Século leva quatro títulos ao Sesc Santo André, sempre às terças, às 20h.

O ator e cineasta, filho de pai italiano e mãe portuguesa, viveu desde os dois anos em Taubaté, iterior de São Paulo. Foi de lá que tirou inspiração para criar personagens caricaturais que fizeram sucesso no rádio, no teatro, na televisão e no cinema.

Confira a programação da mostra:

10 de janeiro

Zé do Periquito (1960, 110 minuntos)
Direção: Amácio Mazzaropi

Na narrativa, Mazzaropi é um tímido e pobre jardineiro de um colégio. Ele se apaixona por uma jovem estudante e, em sua inocência, é levado a acreditar, por influência de alguns rapazes maldosos, que o sentimento dela é recíproco. É o bastante para que ocorra uma série de situações hilárias.

17 de janeiro

O Lamparina (1964, 104 minutos)
Direção: Glauco Mirko Laurelli 

Um pacato homem do campo, Mazzaropi acaba usando um disfarce a fim de não defrontar um bando de cangaceiros, mas acaba sendo confundido com um deles. Incrementando a farsa, ele faz com que sua família inteira se passe por seu bando e todos acabam indo parar no acampamento dos verdadeiros cangaceiros onde o "destemido" Lamparina vai ter de mostrar que é um cabra valente de verdade. 

24 de janeiro

O Puritano da Rua Augusta (1965, 102 minutos)
Direção: Amácio Mazzaropi

Nesta comédia, Mazzaropi é um pai de família super careta e extremamente conservador que deixa os filhos loucos com sua mania de manter a moral e os bons costumes sempre em primeiro lugar. Porém, após sofrer um ataque do coração nada mais é como antes. Ele passa a se comportar como um jovem outra vez: muda o cabelo, as roupas e até o gosto pela música.

31 de janeiro

O Corinthiano (1966, 98 minutos)
Direção: Milton Amaral

O longa narra a paixão do brasileiro pelo futebol e a rivalidade histórica entre Corinthians e Palmeiras. Aqui Mazzaropi é Seu Manuel, barbeiro fanático pelo Corinthians, capaz de loucuras: andar com um burro preto e branco, bater boca com torcedores de times rivais, fazer promessas malucas, orações, sofrer e xingar na arquibancada.


Mapa do local

Explore ao redor

Hotel Villa di Capri

Na Cidade

Adega do Alemão

Compras

Biblioteca Municipal Raimundo Menezes

Arte

Emagrecentro - São Miguel Paulista

Na Cidade

Parque Chico Mendes

Turismo

Q Nata Sorveteria

Restaurantes

Notícias recomendadas

Museu Histórico Nacional do Rio de Janeiro disponibiliza online seu acervo de pintura com mais de 400 itens

Arte

B3 cede obras de grandes nomes do movimento modernista ao MASP

Arte

Inhotim lança duas novas exposições virtuais no Google Arts & Culture

Arte

Google Arts&Culture disponibiliza obras do artista plástico e militante político Antonio Benetazzo; saiba mais!

Arte

Agora você pode visitar a exposição dos 20 anos de Harry Potter em uma plataforma online do Google; saiba mais!

Arte

Museu da Empatia chega a São Paulo com instalação interativa; saiba mais!

Arte