Guia da Semana

Mercadorias e Futuro

Monólogo com José Paes de Lira está no Espaço Parlapatões

Este evento terminou

Mercadorias e Futuro

Data 24 Nov 2008-16 Dez 2008
Até 16 de dezembro de 2008.

Preço(s) R$ 20,00.

Horário(s) Terça, 21h.

Peças de teatro: Monólogo

Metrô República
Praça Franklin Roosevelt, 158, Centro 13092-143

Telefone (11) 3061-9799

Mercadorias e Futuro é um monólogo criado por José Paes de Lira, vocalista da banda Cordel do Fogo Encantado, e está até 16 de dezembro no Espaço Parlapatões. A direção é de Leandra Leal e José Paes e Lira é responsável pela interpretação e criação do texto. A peça apresenta o vendedor de livros Lirovsky, que inventou uma parafernália de máquinas em forma de carrinho para ajudar em seu ofício. Dessa aparelhagem, são disparados sons, imagens e luz, colocando em cena um aparato de recursos tecnológicos contemporâneos. Junto de improvisos, os aparelhos criam a trilha sonora do espetáculo.

Fotos: Divulgação.

Compartilhe

Mapa do local

Powered by ParkMe

Comentários

Explore ao redor

Espaço dos Satyros Um

Espaço dos Satyros Um

Miniteatro

Miniteatro

Espaço dos Satyros Dois

Espaço dos Satyros Dois

Rose Velt

Rose Velt

Saiba mais sobre o bar localizado próximo a Praça Roosevelt no centro de São Paulo

Armazém da Cidade

Armazém da Cidade

49m

Esquinica

Esquinica

314m

Notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA