Guia da Semana

Mostra O Artista

Itaú Cultural exibe produções nacionais e internacionais sobre artistas como Cildo Meireles, Matisse e Van Gogh.

Este evento terminou

Mostra O Artista

Data 11 Set 2012-16 Set 2012
11 a 16 de setembro de 2012

Preço(s) Grátis

Horário(s) Conforme programação

Próximo à estação Brigadeiro do metrô.
Avenida Paulista, 149, 01311-000

Telefone (11) 2168-1778

A Mostra O Artista acontece entre 11 e 16 de setembro, no Itaú Cultural, e é um dos desdobramentos da exposição Lygia Clark: uma retrospectiva, em cartaz no instituto até novembro.

>> Confira a programação do circuito alternativo do cinema em SP  

A programação exibe 12 produções nacionais e internacionais, sendo quatro delas inéditas no Brasil, com roteiros sobre artistas de várias tendências e épocas como os brasileiros Cildo Meireles e Nelson Leirner, os franceses Paul Gauguin e Matisse e os holandeses Van Gogh e Rembrandt. A curadoria é da pesquisadora Daniela Capelato, que selecionou obras biográficas, entre documentários, ficções, filmes de ensaio e experimentais, que mostram formas diversas de abordar a vida de um artista visual pelo olhar e sensibilidade de outro que usa a linguagem do cinema. 

Programação
11 de setembro, terça-feira
18h - Ouvir o Rio: Uma Escultura Sonora de Cildo Meireles, de Marcela Lordy
Brasil,  70 min, 2011(12 anos) 
20h – Utamaro e Suas Cinco Mulheres, de Kenji Mizoguchi
Japão, 70 min, 1946 (16 anos) 

12 de setembro, quarta-feira
18h – Assim É, Se Lhe Parece, de Carla Gallo
Brasil, 75 min, 2011 (12 anos)
20h – Ronda Noturna, de Peter Greenaway
Holanda, 141 min, 2007 (14 anos) 

13 de setembro, quinta-feira
18h – Enigma de um Dia, de Joel Pizzini
Brasil, 17 min, 1996 (Livre)
Na sequência – A Hipótese da Pintura Roubada, de Raoul Ruiz
França, 63 min, 1979 (12 anos)
20h – Sobras em Obras, de Michael Favre
Brasil – Suíça, 75 min, 1999 (Livre) 

14 de setembro, sexta-feira
18h – Aragon, O Livro de Matisse, de Richard Dindo
França - Suíça, 52 min, 2003 (12 anos)
20h – Paul Gauguin, de Alain Resnais
França, 12 min, 1950 (12 anos)
Na sequência – Goya em Bourdeax, de Carlos Saura
Espanha, 106 min, 1999 (14 anos) 

15 de setembro, sábado
16h - Paul Gauguin, de Alain Resnais
França, 12 min, 1950 (12 anos)
Na sequência – Van Gogh, de Alain Resnais
França, 20 min, 1948 (12 anos)
18h – Van Gogh, La Revanche Ambigue, de Abraham Segal
França, 70 min, 1989 (12 anos)
20h – Aragon, O Livro de Matisse, de Richard Dindo
França-Suíça, 52 min, 2003 (12 anos) 

16 de setembro, domingo
16h – Reprise de Van Gogh
Na sequência – Reprise de Van Gogh, La Revanche Ambigue
18h – Reprise de Enigma de um Dia
Na sequência – Reprise de A Hipótese da Pintura Roubada
20h – Reprise de Utamaro e Suas Cinco Mulheres

Compartilhe

Mapa do local

Comentários

Explore ao redor

Café Cultural - (Gil Bistrot no Itaú Cultural)

Café Cultural - (Gil Bistrot no Itaú Cultural)

Museu Herculano Pires - Itaú Numismática

Museu Herculano Pires - Itaú Numismática

Sesc Avenida Paulista - Em reforma

Sesc Avenida Paulista - Em reforma

26m

Hospital Santa Catarina

Hospital Santa Catarina

45m

Arícia Jóias

Arícia Jóias

118m

Baby Beef Rubaiyat - Alameda Santos

Baby Beef Rubaiyat - Alameda Santos

124m Referência na arte de servir grelhados à la carta, restaurante reúne cortes de gado próprio

Notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA