Guia da Semana

Scott Feiner

Americano mostra que pandeiro e jazz podem dar liga.

Este evento terminou

Scott Feiner

Data Ter 27 Mai 2008
27 de maio.

Preço(s) grátis.

Horário(s) terça, 19h.

Avenida Paulista, 119, 01311-000

Telefone 3179-3700

Radicado no Rio de Janeiro, o nova-iorquino Scott Feiner leva a ginga do pandeiro a temas de grandes nomes do jazz e da música norte-americana, como Wayne Shorter, John Coltrane e Stevie Wonder, entre outros. Respaldado por seu sexteto, o músico, que se apresenta gratuitamente no Auditório do Sesc Paulista, lançou há dois anos o disco Pandeiro Jazz, pela Delira Records. Seu repertório ainda abre espaço para composições de Tom Jobim, Chico Buarque e Luis Gonzaga.

Compartilhe

Mapa do local

Comentários

Explore ao redor

Sesc Avenida Paulista - Em reforma

Sesc Avenida Paulista - Em reforma

Café Cultural - (Gil Bistrot no Itaú Cultural)

Café Cultural - (Gil Bistrot no Itaú Cultural)

25m

Museu Herculano Pires - Itaú Numismática

Museu Herculano Pires - Itaú Numismática

25m

Itaú Cultural

Itaú Cultural

26m

Hospital Santa Catarina

Hospital Santa Catarina

38m

Casa das Rosas

Casa das Rosas

115m Centro cultural localizado na Avenida Paulista tem programação voltada para eventos literários

Notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA