Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

Modo offline

Um lugar para sair da correria, comer comidinha caseira e ainda ter uma sessão de massagem. Tudo isso sem sair - tanto - de São Paulo.

Sob o pergolado, desligar-se do dia a dia não é nada difícil (Divulgação)

Modo offline

Preço(s) Sob consulta.

Horário(s) 8h às 17h.

Rua Taguaí, 370, 07131-040

Telefone (11) 4146-3601

Comer e dormir é o que muita gente faz nos fins de semana, quando os sábados e domingos não estão preenchidos por atividades que não realizamos de segunda a sexta. Mas, se você procura sair do óbvio, quer tirar um dia para comer bem e relaxar, precisa conferir A Casa da Dona Diquinha, que fica na Granja Viana, na zona oeste da capital paulistana.

"As pessoas que moram em São Paulo são estressadas e vivem doentes, não na parte física, mas no espírito. Continuam trabalhando até no fim de semana, ficam naquele frenesi, presas no apartamento ou no trânsito", diagnostica Rogério Junqueira, proprietário da Casa, um lugar que é assiiim... uma Brastemp para se desligar da correria do dia a dia e ter umas horas reservadas somente para você.

O passeio é surpreendentes desde o primeiro contato: embora não seja um hotel, é fundamental fazer reserva e avisar quando você vai fazer uma visita. Sim, a Casa da Dona Diquinha é a casa de Junqueira. "Eu abro a minha casa para receber as pessoas. Eu converso com elas para saber da proposta em vir para cá", explica. Essa primeira conversa é essencial para o "plano de voo" do hóspede. A partir daí, Junqueira descobre se o visitante quer somente almoçar ou relaxar, ou as duas coisas. "De repente, ela só quer ouvir os passarinhos ou tomar um chá".


A culinária da casa da Dona Diquinha é orgânica: os ingredientes não viajam longas distâncias para chegar até lá. E lá também se pratica o slow food. "Comer devagar para se sentir bem", avisa. Nada de pedir o prato e esperar chegar na sua mesa. Se o cliente quiser, ele pode ajudar Junqueira na cozinha, com uma grande mesa comunitária que ajuda no contato com os outros visitantes e, assim, fazer do almoço um grande encontro. "Você conhece outras histórias, outras vidas e faz bem para você mesmo".

 

Para completar o momento relax, massagens e banhos ajudam nessa desconexão com o mundo urbano. Tal como um - quase - spa, a casa oferece tratamentos que vão dos banhos em banheira de hidromassagem com ervas e cromoterapia, a massagem ayurvédica, shiatsu, pedras quentes e reflexologia, por exemplo.

E não espere encontrar a Dona Diquinha para aprender algumas "diquinhas" de culinária. A personagem que dá nome ao local existiu de fato e era a empregada da fazenda do avô de Junqueira, bem ao estilo da tia Nastácia de Monteiro Lobato. "Ela cozinhava bem e promovia encontros com a família. ´Vamos para a fazenda para comer a comida da dona Diquinha´", lembra. É com esse espírito de juntar as pessoas em torno de uma mesa que ele restaurou a casa e a inaugurou, em maio de 2010. Afinal, nada melhor do que juntar uma turma legal, comer uma comida boa, relaxar depois do almoço e passar algumas horas desconectado do mundo lá fora. E voltar para casa com as baterias carregadas.

 


Mapa do local

Explore ao redor

Parque Shopping Maia

Compras

Caesar Park SP International Airport by Pullman

Turismo

Parque Transguarulhense

Turismo

Open Gourmet - Guarulhos

Restaurantes

Recanto Municipal da Árvore

Turismo

Água Doce Cachaçaria (Guarulhos)

Bares

Notícias recomendadas

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo