Guia da Semana
Teatro
Por Marco Sá

Jay Vaquer fala sobre carreira no teatro

Cantor e compositor conversou sobre investida em musicais e experiências no mundo teatral.

Jay assina a direção dos musicais "Cinderella" e "Peter Pan" no Rio de Janeiro (Divulgação)

O cantor e compositor carioca Jay Vaquer está vivendo novas experiêncas. Filho do guitarrista americano Anthony Vaquer e da cantora paraense Jane Duboc, ele se aventura no mundo do teatro, assinando a direção musical e trilha sonora de dois musicais no Rio de Janeiro.

+ Saiba mais sobre Cinderella - O Musical
+ Confira os preços de Peter Pan - O Musical
+ Veja as peças em cartaz no Rio de Janeiro 

O primeiro, Cinderella, estreou recentemente Teatro Vanucci. Já Peter Pan - O Musical ganha ares de super produção com cenários da Lúmini Art, e será encenado no Vivo Rio no próximo 4 de agosto.

O Guia da Semana conversou com o artista e ele conta mais sobre seus projetos no teatro, seus próximos discos e, claro, sobre a Cidade Maravilhosa. Confira a entrevista abaixo: 

Qual foi sua primeira experiência como espectador no teatro?

Nossa, foi ainda muito pequeno... Minha mãe (Jane Duboc) em cena... e a personagem dela morria no palco com a explosão de uma bomba. A plateia se divertia com a minha reação ao ver a minha mãe "explodindo" [risos] Aos prantos... "No, Mommy, no!" [risos].

E profissional, qual foi?

Me formei pelo Teatro Escola Célia Helena, em São Paulo, e já saí de lá com um musical que se chamava "É só isso, Presidente?", texto do Michel Fernandes e do Nelson Baskerville. Fiz as músicas e dividi os arranjos com o Rick Bonadio.

Cinderella e Peter Pan são dois musicais em que você assina a trilha e direção musical. Como surgiram as ideias?

Em ambos eu fui convidado, topei o desafio e fiquei muito feliz durante todo o processo. Simplesmente adoro realizar esse trabalho. Tenho imenso prazer. Aprendo muito com o elenco talentoso.

Em Cinderella por exemplo, o desafio é buscar um resultado que seja para a família toda: meninos, meninas, pessoas de todas as idades. O Rei Leão é assim, Shrek é assim, O Mágico de Oz é assim. O Rodgers and Hammerstein's Cinderella é assim. O Vaquer's Cinderella também [risos].

Pretende continuar investindo na área? Tem algum projeto em desenvolvimento?

Sim, vou conciliar minha carreira musical e teatral cada vez mais. Tenho sim, dois projetos em andamento, um deles com a minha querida e talentosa amiga Vanessa Gerbelli. É um prazer poder voltar a trabalhar com ela depois de "Cazas de Cazuza", um musical que foi fundamental para nossas carreiras.

Em maio, você apresentou no Rival o show "Dois atos". Essa separação já é uma influência do teatro na sua carreira musical?

O teatro e minha carreira musical sempre andaram juntos. Sou bem performático no palco. Quando lancei meu primeiro CD, já tinha uma história com peças. Mas esse lance dos "dois atos" é resultado da minha necessidade de viabilizar shows pelo Brasil sem engessar o caminho.

Demorei pra perceber que o show que fazia com a banda toda, não se pagava, porque eu precisaria de um "tamanho" (ou público) muito maior pelo Brasil para sobreviver. Desmembrei o trabalho em facetas, mas quando posso apresentar/reunir os dois universos (que são o mesmo, de certa forma) na mesma noite, acho uma maravilha.

O que seu público pode esperar ainda em 2013?

Muitos shows por todo o Brasil e dois CDs. Um com canções do Guilherme Arantes e outro autoral. Além disso, espero que Peter Pan e Cinderella alcancem tudo que merecem, e não é pouco. Vou lutar muito para que isso aconteça.

Você poderia dizer que lugares no Rio gosta de ir ou gostaria de conhecer?

Casas de show eu gosto de todas! Espero que o Canecão volte logo, com o nome que for... Como faz falta! Adoro o Theatro Net Rio, o Oi Casagrande, o Municipal. Quero conhecer esse Teatro Bradesco, no Village Mall, me disseram que é maravilhoso. Restaurante, tem o Nam Thai e amo o BB Lanches, peço logo o Conde com Maracujá [risos].


Por Marco Sá

Atualizado em 1 Ago 2013.

Mais notícias

22 espetáculos de Stand Up Comedy imperdíveis em São Paulo em setembro de 2019

Teatro

13 peças infantis imperdíveis em São Paulo em setembro de 2019

Teatro

12 peças de teatro e musicais imperdíveis em São Paulo em setembro de 2019

Teatro

9 peças infantis imperdíveis em São Paulo em agosto de 2019

Teatro

Mais de 20 espetáculos de Stand Up Comedy para assistir em São Paulo em agosto de 2019

Teatro

10 peças de teatro e musicais imperdíveis em agosto de 2019

Teatro