Guia da Semana

Guia da Semana

Quem vai ao teatro sabe que é muito comum encontrar montagens inspiradas em histórias reais. Para te ajudar a escolher uma biografia para assistir, o Guia da Semana preparou um roteiro com as peças em cartaz na capital. Confira!

>> Saiba quais são as peças que estreiam no teatro nesta semana
>> Vai ao teatro? Veja quais são as peças imperdíveis desta semana
>> Confira os musicais que vão agitar a cidade em 2012

Camille Claudel e Auguste Rodin


Em 1881, a jovem escultora Camille Claudel (1864-1943) viajou para Paris e tornou-se aluna do famoso artista plástico Auguste Rodin (1840-1917). O envolvimento dos dois foi além do profissional e, apesar de Rodin ter um relacionamento sério, tornaram-se amantes por 15 anos. Com o fim do romance proibido, Rodin continuou rumo ao sucesso e Camille se entregou à loucura.

A história de amor e obsessão chegou aos palcos da capital com direção de Elias Andreato e Melissa Vettore e Leopoldo Pacheco nos papéis principais e segue a temporada no Grande Auditório do Masp.

JT Leroy


No início dos anos 2000, a cantora punk Laura Albert assumiu o pseudônimo de Jeremiah Terminator Leroy, ou JT Leroy, um garoto de 16 anos, gay, travesti, drogado e com problemas mentais. A história de JT ganhou fama e conquistou personalidades como Madonna e Bono Vox e, para alcançar ainda mais sucesso, Laura pediu a sua cunhada Savanah que se passasse pelo autor. Juntas, elas enganaram editoras, produtoras de cinema e fãs.

Com direção de Paulo José e elenco composto por Natália Lage e Débora Duboc, a história ganhou uma versão para os palcos com o nome de JT – Um Conto de Fadas Punk e está em cartaz no Teatro Anchieta.

Tim Maia


Sucesso com canções como "Gostava Tanto de Você", "Azul da Cor do Mar" e "Não Quero Dinheiro", Tim Maia (1942-1998) se tornou um dos maiores ícones da música brasileira. Sua trajetória dos 12 aos 55 anos é retratada no musical Tim Maia - Vale Tudo, de autoria de Nelson Motta.

A frente do espetáculo desde sua estreia, o ator Tiago Abravanel se afastou da superprodução para participar das gravações da próxima novela da Rede Globo. Até o fim da temporada, Danilo de Moura substitui o ator no papel do cantor.

Nise da Silveira


Uma das primeiras mulheres a se formar em medicina no Brasil, Nise da Silveira (1905-1999) tornou-se uma psiquiatra respeitada e revolucionou o tratamento da esquizofrenia ao implantar ateliês de pintura em hospitais psiquiátricos.

Protagonizado por Mariana Terra, o monólogo Nise da Silveira – Senhora das Imagens envolve encenação, música e dança, com coreografia assinada pela bailarina Ana Botafogo.

Giordano Bruno


Processo de Giordano Bruno, em cartaz no Ágora Teatro, traz a história dos últimos dias do filósofo Giordano Bruno (1548-1600), que foi perseguido e queimado vivo pela inquisição em função de suas ideias a frente de seu tempo. O responsável por dar vida ao idealista é o ator Celso Frateschi.

Mark Rothko


Inspirado pela vida do pintor abstrato e artista plástico russo, Mark Rothko (1903-1970), o roteirista John Logan, responsável por filmes como A Invenção de Hugo Cabret e Rango, escreveu Vermelho em 2009. O espetáculo estreou na Broadway e foi vencedor de seis Tony Awards.

A versão brasileira segue em cartaz no Teatro Geo até 29 de julho e apresenta Antonio Fagundes no papel do artista.

Por Carine Medeiros

Atualizado em 26 Jun 2012.