Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

A Turquia e seus encantos

Na nova jornada da colunista, ela visita a Turquia e começa a contar um pouco do que viu por lá.

Foto: Mylene Rizzo


Viajar pela Turquia é uma surpresa a cada dia. Situações, pessoas e, principalmente, paisagens criam um mosaico variado e encantador. Apesar de a Capadócia não ser mais um destino desconhecido dos brasileiros como a Turquia, existem muitos aspectos que nos são bastante estranhos.

A começar pelo tipo físico dos turcos. No Brasil, o termo abrange uma gama enorme de nacionalidades e etnias: o "turco" serve para todos os árabes e libaneses que, de preferência, trabalham no comércio. Pois o turco verdadeiro não tem um tipo muito definido. É como o brasileiro, mas, diferentemente do que esperávamos, encontramos muitas pessoas claras e, principalmente, de olhos verdes.

A Capadócia, "terra dos belos cavalos árabes", como diz seu nome, é uma região da Anatólia, interior da parte asiática da Turquia, conhecida na história por ser berço dos primeiros cristãos, já no século 4. Por sua formação de solo vulcânico macio, os cristãos, perseguidos pelo romanos, encontravam aqui um ambiente propício para se esconder em túneis escavados em enormes cidades subterrâneas, que chegaram a comportar mais de 16 mil pessoas.

As cidades mais importantes e interessantes para ver as formações típicas da Capadócia, em forma de cogumelos ou "chaminés de fadas", como eles preferem chamar, são Goreme, Uçhisar e Ürgüp. Aconselho que evitem ficar em Ürgüp, pois é onde se hospeda a maioria dos turistas e é a cidade com menos atrativos, hotéis enormes e sem charme. Todas são bem próximas, a menos de 20 km de distância umas das outras e em forma um triângulo, mas Uçhisar (se pronuncia Utisar) é muito pitoresca, minúscula e a única que oferece um visual privilegiado de Goreme e do vale inteiro. Ali se podem encontrar hotéis charmosos que mantém a arquitetura original, mas com todo o conforto moderno.


Várias opções de passeios são oferecidas aos visitantes, e quase todas elas podem ser feitas a cavalo, a pé ou de carro até o local mais próximo. Um deles são os voos de balão ao amanhecer que fazem jus à fama que têm: uma paisagem inesquecível com uma estrutura perfeita de equipamento e domínio da técnica. Não é à toa que a Capadócia é conhecida como um dos melhores lugares do mundo para estes passeios. É muito interessante ver os balões "nascendo" como cogumelos coloridos ao nascer do sol criando imagens de sonho e fantasia.

Leia as colunas anteriores de Mylene Rizzo:

Parc de La Villette

Os encantos de Sevilha

Bodrum, Turquia

Quem é a colunista: Mylene Friedrich Rizzo.

O que faz: Fala sobre história no curso "Encontros com Arte" e acompanha grupos de viagens culturais.

Pecado Gastronômico: doce de ovos.

Melhor lugar do mundo: é o próximo para onde vou viajar.

Fale com ela: mrizzo @terra.com.br  ou acesse seu blog Viajando com Arte .




 


Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo