Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

Balneário Camboriú em dois dias

Entre trilhas, praias, passeios de bondinho e baladas, Balneário Camboriú oferece lugares incríveis e reservados.

Foto: Gabriela Forlin

Pontal Norte, um dos belos lugares de Balneário Camboriú

Desde que me mudei para São Paulo, há quase quatro meses, sou questionada constantemente sobre por que deixei "o paraíso". Geralmente eu brinco e respondo que prefiro morar no inferno, mas a verdade é que a definição destes conceitos depende muito do ponto de vista e aspirações de cada um.

Reflexões pessoais à parte, uma coisa é inegável: minha Santa (e bela!) Catarina oferece, sim, alguns "pedaços" de paraíso na Terra. Pode-se dizer que Balneário Camboriú é um deles - sob o meu ponto de vista, para passear e badalar, diga-se de passagem.

Com uma orla de aproximadamente 7 km, a cidade é pequena, mas chega a comportar um milhão de pessoas durante a temporada - dez vezes mais do que o número de habitantes fixos. A vantagem é que é possível conhecer o balneário (não apenas Camboriú, mas também as praias próximas) em pouquíssimos dias.

Dois passeios bacanas para os que vão passar um final de semana, por exemplo, é conhecer o Pontal Norte e o Parque Unipraias, na Barra Sul. O primeiro é uma construção mais nova, um investimento do governo para embelezar a Barra Norte e facilitar o acesso a pé às praias ao lado. Já o complexo Unipraias, com seus 47 bondinhos suspensos, existe desde 1999 e é hoje o principal ponto turístico da cidade.

O Pontal é uma passarela urbanizada que permite um belo passeio até as praias do Coco, do Buraco e dos Amores (esta já localizada ao sul de Itajaí). A primeira tem 50 metros de extensão e fica a apenas 200 metros do deque de madeira. É um pequeno recanto de águas límpidas e tranquilas, de onde se pode contemplar toda a Praia Central da cidade.

Já a Praia do Buraco tem mar agitado e fica a 3,5 km do centro. A Praia dos Amores fica ao sul da Praia Brava, no município de Itajaí. Está ao pé do Morro do Careca (de onde é possível fazer saltos de parapente) e, devido ao restolho de Mata Atlântica, é considerada Área de Preservação Permanente.

Para os mais aventureiros, é possível fazer o trajeto até esses locais através de uma trilha. Mas caminhar pela passarela permite uma vista mais bonita, além de ser uma oportunidade para conseguir ótimas fotos. Sem contar que você não corre o risco de cruzar com animais indesejados (de insetos a cobras), ou de ter o pé ou mão furados por algum espinho. Fica a dica.

O passeio do outro lado da cidade pode começar com uma visita ao Molhe da Barra Sul - uma passarela de 452 metros de extensão que adentra o mar. O local possui estrutura urbanizada com playground, bancos e palmeiras imperiais. Durante a noite, o Molhe tem uma iluminação especial, tornando-se uma ótima opção para um passeio mais romântico.

Logo em frente está o Parque Unipraias, um complexo turístico que abriga restaurantes, lojas, teleféricos, reserva ambiental, espaço para arvorismo e um brinquedo radical no estilo montanha-russa - porém mais lento e sem loopings. O símbolo do parque são os 47 bondinhos aéreos que interligam três estações: a do lado sul de Balneário, a do Morro da Aguada e da praia de Laranjeiras. É o único teleférico do mundo que liga duas praias. O trajeto completo, de ida e volta, tem 3.250 m e dura aproximadamente meia hora, se for realizado sem paradas. Obviamente, você não pagará R$ 30 para apenas andar de teleférico, o legal do passeio é justamente conhecer as estações e apreciar a vista de cima do morro.

Descendo em Laranjeiras, um reduto de 750 metros de águas calmas, limpíssimas e com ótimos restaurantes, é possível ir de ônibus até outros recantos. Nesta ordem, no sentido Florianópolis, estão as praias de Taquarinhas, Taquaras, Pinho (nudista), Estaleiro e Estaleirinho.

Particularmente, gosto de Taquaras - que ainda não foi tão explorada e, mesmo na temporada, é tranquila, além de ter águas calmas e limpas; e Estaleirinho - esta para curtir principalmente à noite, pois tem algumas das melhores (e mais caras) baladas de Balneário.

As opções são muitas, e de fácil acesso. Em dois dias é possível conhecer tudo isso e ainda escolher duas ou três praias para passar um tempo, tomar sol, comer e beber bem. Escrever sobre os passeios até me deu vontade de estar de lá. Felizmente o Réveillon está quase aí, e tenho exatamente um final de semana para aproveitar minha antiga cidade.

Quem é a colunista: Alguém que tenta ser a diferença que quer ver no mundo.

O que faz: Jornalista e tradutora.

Pecado gastronômico: Qualquer coisa que contenha chocolate ou maracujá.

Melhor lugar do mundo: Depois de conhecer o mundo todo eu conto! Mas Ilhas Fiji e Deserto do Saara já estão no TOP 10..

O que está ouvindo no carro, iPod, mp3: De Amy Winehouse a Jorge Drexler, The Strokes a David Guetta, The Kooks a Franz Ferdinand, Leoni a Katy Perry, Ben Harper a Lulu Santos, Oasis a Paulo Miklos, e por aí vai...

Fale com ela: Acesse seu Facebook ou siga seu twitter.


Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo