Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

Belas cachoeiras na ilha

Deixe a praia e vá conhecer as incríveis cachoeiras de Ilhabela.

Foto: Arquivo Pessoal

No melhor pleonasmo, a linda Ilhabela (SP) tem mais a oferecer do que somente incríveis praias: a região é rodeada por cachoeiras. E, em mais uma de minhas visitas àquela porção de terra, resolvi explorar este aspecto.

Já é popular a trilha que leva até a isolada e paradisíaca praia de Bonete. Segui, com um amigo, em direção ao começo do percurso. O caminho é deslumbrante, e são comuns placas de "Vende-se esta vista!", referindo-se a terrenos.

O carro fica em um estacionamento na Ponta de Sepituba. Dali, partimos por uma estrada que apenas veículos 4x4 conseguem passar. Um deles, inclusive, nos ofereceu carona, mas agradecemos e dispensamos. Afinal, a proposta era seguir, como que sem rumo, na direção de Bonete, e chegar até a Cachoeira da Lage, cerca de um quarto do percurso até a praia semideserta.

A trilha não é pesada, e encontramos famílias completas no caminho, além de aventureiros com mochila, já sem fôlego, voltando de Bonete. Mesmo com sobes e desces - alguns incrivelmente íngremes logo de início -, se a lama não estiver úmida em excesso, dá para seguir sem escorregar exageradamente. Ao chegar ao ponto mais alto, a vista é incrível e não há placas de venda. Ainda bem.

O percurso demora cerca de 40 minutos. Mas para quem é devagar ou, no meu caso, para a cada 10 passos para fotografar musgos, troncos, folhas, lama e derivados bizarros, pode levar em torno de uma hora.

No caminho, surpresa: um cipó! Desejo que ele esteja sempre lá para todos, pois nada mais divertido do que se pendurar sentindo-se um Tarzan na selva. O playground natural chega a sua grandeza na Cachoeira da Lage, cenário que inclui tobogãs naturais. Os Peter Pans visitantes mergulham em meio à mágica da Mata Atlântica.

Quem segue o caminho - o que não foi nosso caso -, vai até o Rio do Areado e continua o trekking por mais uma hora até Bonete. A trilha completa, da Ponta até a praia quase deserta, dura quatro horas. Seja até onde você for, irá longe na apreciação, prazer e deslumbre.

A trilha segue por uma estrada que ligaria Sepituba a Bonete, mas que não sobreviveu às condições climáticas locais - ou seja, é aberta e não necessita guia. Vá cedo para ter chance de chegar à cachoeira para deslizar pelo tobogã infinitas vezes com o testemunho do Sol, pois a temperatura é mais agradável.

Leia as colunas anteriores de Lygia de Luca:

Desligue-se do urbano

Se joga

 

 
Quem é a colunista: um outro você.

O que faz: escreve, fotografa, dança, pratica yoga, pinta e se aventura.

Pecado gastronômico: chicken tikka masala, açaí e chocolate.

Melhor lugar do mundo: onde eu possa viver como se ninguém estivesse olhando.

Fale com ela: [email protected]

 


Atualizado em 26 Jan 2012.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo