Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

Bixiga: 116 anos de tradição

Formado por imigrantes italianos, o bairro é sinônimo de cultura, lazer e tradição.

Por Natália Elias




Bexiga ou Bixiga? Nenhum dos dois. Muitos não sabem, mas o Bixiga não é um bairro, mas sim um outro nome dado à Bela Vista, localizado entre o centro da cidade e a Avenida Paulista. Diversas foram as homenagens prestadas ao que já foi considerado o coração italiano da cidade. O Guia da Semana preparou um roteiro especial sobre o bairro, sua história e tradições.

A História

Nascido de um projeto de loteamento no final do século XIX, a partir de um desmembramento do bairro da Consolação, o Bixiga foi formado por imigrantes que não queriam ou não podiam trabalhar nas fazendas de café no interior de São Paulo. Eram italianos que tinham a promessa de que ganhariam terra para plantar em um país que tinha "dez vezes mais terras do que a Itália", mas quando desembarcavam nesse território, eram tratados como escravos. Estes, então fugiam e iam se alojar na região próxima ao Centro, onde podiam observar o crescimento da cidade com a economia cafeeira.

As ruas 13 de Maio, Rui Barbosa e Conselheiro Carrão passaram a receber um número cada vez maior de pessoas e festas tradicionais começaram a ganhar notoriedade. Entre elas, a festa de Nossa Senhora Achiropita, uma das mais conhecidas de São Paulo, comemorada há 79 anos. A Bela Vista cresceu e, em 1950, foi reconhecido como bairro boêmio da cidade. Foi nessa época que foram construídas as cantinas, bares e teatros, que tornaram o Bixiga referência de diversão e cultura.

Muitos nomes também ajudaram a tornar o bairro conhecido, mas o principal divulgador foi Armando Puglisi, mais conhecido como Armandinho do Bixiga. Nascido em 1931, transformou a casa onde nasceu em um museu em homenagem a memória do bairro: aos vendedores de queijo na rua, ao bloco carnavalesco (hoje escola de samba) Vai-Vai, do qual foi presidente, e as famílias que ficavam nas calçadas conversando enquanto as crianças brincavam na rua. Promoveu a região no Brasil e no exterior, assim como foi o criador do bolo gigante, feito em comemoração ao aniversário da cidade de São Paulo.

ROTEIRO ESPECIAL

Para o dia
Quem gosta de passeios culturais, vai se sentir em casa no Bixiga. O Guia da Semana preparou um roteiro DIURNO que levará você a teatros, museus, feiras e festas tipicamente italianas. O Bixiga tem atividades, atrações e espaços que agradam toda a família.

Para a noite, o roteiro indica restaurantes, bares e casas noturnas que atraem todo o tipo de público. Confira a programação NOTURNA do bairro, preparada especialmente para os apreciadores da boa massa, ou ainda para os boêmios convictos que não cansam de paquerar, dançar, ouvir música ou ainda assistir a interessantes peças de teatro.

Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo