Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

Gramado e Canela pedalando

Agora ficou mais fácil conhecer a Serra Gaúcha da forma mais gostosa que existe: pedalando.

Foto: Arquivo Pessoal


 

As duas principais cidades da serra gaúcha, Gramado e Canela, são separadas por uma avenida plana, de cerca de três quilômetros. A Avenida das Hortênsias concentra boa parte das atrações da região e é tranquila para se percorrer de bicicleta. Aliás, toda a região, com seu charme de cidade européia, fica mais interessante pela perspectiva de uma bike. Até porque os motoristas dão o exemplo e respeitam os pedestres e ciclistas.
 
Mesmo com tudo favorecendo o turismo ciclístico, apenas no fim do ano passado apareceu uma agência local alugando bicicletas e promovendo passeios pelo roteiro.

Antigamente, para curtir a cidade sobre duas rodas, era necessário levar na bagagem uma magrela, como foi o meu caso. Mas vale a pena. Você consegue aproveitar tudo melhor, no mesmo tempo que um ônibus de excursão. Tirei a prova quando percorri toda a estrada do Caracol lado a lado com duas excursões e seus turistas confinados entre vidros, parecendo peixinhos de aquário.

Os valores das excursões promovidos por uma empresa local vão de 25 a 48 reais para os passeios mais leves e de 60 a 100 reais para as visitas a parte rural dos municípios.

Roteiro por Gramando e Canela.

Sem muito esforço, você pode percorrer as duas cidades seguindo o mapa das atrações. Existe um tour específico, mas o melhor é alugar as bikes e fazer tudo no seu tempo. Caso esteja hospedado em Canela, comece pelas atrações de Gramado como o Lago Negro, depois o Minimundo e, daí para a rua principal, onde estão concentradas a maioria das atrações.  A lista é grande, basta pegar o mapa no centro de informações e sair pedalando. Não esqueça de ter um cadeado para prender as magrelas.
 
Depois, na Avenida das Hortênsias, já no caminho para Canela, você encontra a casa dos carros hollywoodianos, o Museu do chocolate, o museu ferroviário e alguns cafés coloniais como não poderia deixar de ser. Antes de chegar lá, vale uma paradinha no Belvedere, um mirante bem na saída de Gramando, para fotografar o Vale do Quilombo.

Parque dos Pinheiros

Para quem quer uma pitada de natureza na sua estada na Serra Gaúcha, um passeio ao Parque dos Pinheiros é uma ótima opção. Localizado na parte norte do município, o parque foi construído com o intuito de conservar a natureza e abrigar a barragem que represa o arroio Meleiro. É um passeio de 12 quilômetros, em meio ao verde da serra, sem muito esforço.

Estrada do Caracol

Ela inicia no trevo de entrada de Canela e termina no parque da Ferradura. Fica no meio do caminho até a famosa Cascata do Caracol. Esse passeio é indicado para quem domina bem uma MTB e pedala com frequência. O problema está logo que você entra na estrada: uma descida maravilhosa, que na volta, vira uma subida que exige muita perna.

O ideal é ir direto para ver o cânion em forma de ferradura, que dá o nome ao parque no fim da estrada. Lá existem também trilhas para descer até o rio, mas fique atento ao horário, para não ter que visitar a cachoeira do Caracol com pouco tempo. No local há uma lanchonete para ajudar na reposição das suas energias. São duas as maneiras de apreciar a queda d´água: ao pé dela, pelo parque municipal, ou usando o teleférico  particular. Se estiver com tempo para as duas coisas, melhor ainda!

Linhas Turismo

O lado rural da região é explorado em três opções de passeios: Vale do Quilombo, Linha Bonita e Linha São Paulo. Esses passeios são feitos tradicionalmente pelas jardineiras Chevrolet dos anos 50 que partem do centro de Gramado. Mas, de bicicleta, as opções de paradas são suas, mesmo seguindo um grupo com um líder. Apesar de exigir um pouco mais de suor, a liberdade é total.


Essas linhas turísticas proporcionam um contato maior com as raízes coloniais da região. Os roteiros levam a localidades que originaram a cidade de Gramado. Lá, você é recebido pelos descendentes dos primeiros colonizadores italianos e alemães, além de conhecer a essência da cultura local. Arquitetura e culinárias típicas são as principais atrações.

Serviço: Bike Sport- aluguel de bicicletas e excursões de cicloturismo (54) 3286 3360

 


Quem é o colunista: Fotógrafo e editor do site Onde Pedalar.com

O que faz: Fotógrafo editorial.

Pecado gastronômico: Um só? Na Bahia, Biju; em São Paulo, pizza; em Curitiba, Strogonoff de nozes e, em Belo Horizonte, feijão.

Melhor lugar do mundo: Aquele que te faz se sentir bem, equilibrado.

Fale com ele: [email protected]


Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo