Guia da Semana
Viagens
Por Redação Guia da Semana

Incidentes em cruzeiros

Veja a cronologia dos incidentes em cruzeiros na temporada 2008/2009.

19 de dezembro de 2008 - A estudante Isabella Baracat Negrato morreu a bordo de um cruzeiro universitário no MSC Opera, em Ilhabela, no litoral norte de São Paulo. O laudo oficial constatou por aspiração de líquido - no caso, o próprio vômito. Segundo a MSC Cruzeiros, "o médico responsável, vendo a situação delicada, solicitou o desembarque imediato. Porém a passageira veio a falecer durante o desembarque".

5 de janeiro de 2009 - A bordo do MSC Sinfonia, Aline Mignon Almeida, 32, cadeirante e portadora de distrofia muscular degenerativa, morreu enquanto navegava em Pernambuco após apresentar vômito e diarreia.

8 de janeiro de 2009 - 380 pessoas passaram mal no navio MSC Sinfonia, retido em Salvador (BA) 18 horas depois. Apesar dos primeiros indícios de intoxicação alimentar (a Vigilância disse que haveria um problema no armazenamento da maionese e o teor do cloro estava abaixo do normal), foi constatado pelo Laudo Oficial o Norovírus. É uma infecção relativamente comum em navios, mas tem origem externa. A transmissão ocorre por meio de objetos, como maçanetas, corrimãos e bancos. O sintoma mais comum é a diarreia aguda.

10 de janeiro de 2009 - Passageira do MSC Musica, uma mulher de 74 anos teve uma parada cardíaca ao desembarcar no Porto de Santos, quando fazia o check out. Uma equipe médica tentou reanimá-la, mas não conseguiu.

16 de janeiro de 2009 - O empresário paulista Diego Mendes Oliveira, 26, morreu por sofrer de meningococcemia, uma infecção generalizada causada pela bactéria meningococo. Ele teve febre alta, diarreia e vômitos e foi atendido na própria cabine por três vezes. Na quarta, foi encaminhado ao ambulatório.

20 de janeiro de 2009 - A pedagoga mineira Jane Lúcia Alves Botelho, de 58 anos, passa mal durante cruzeiro no Costa Mediterrânea. Depois de vômito e diarréias, foi levada à enfermaria do navio e depois ao hospital Santa Inês, em Balneário Camboriú (SC). Morreu três dias depois em decorrência de uma infecção generalizada. A causa foi hepatite autoimune.


Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Turismo: 5 destinos brasileiros que serão tendência no 2º semestre de 2021

Viagens

10 lugares da Bahia para conhecer online

Viagens

10 atrações turísticas do Sul do Brasil para ver online

Viagens

10 pontos turísticos do Nordeste brasileiro para ver online

Viagens

10 destinos religiosos ao redor do mundo para ver online

Viagens

6 atrações turísticas em Mykonos, na Grécia, para ver online

Viagens