Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

Muito além de Buenos Aires

Córdoba, a segunda maior cidade da Argentina, é uma ótima opção de turismo.

Fotos: Monica Campi
Calçadão em Córdoba

Em tempos de crise mundial, fica difícil pensar em viagens internacionais, certo? Bom, de certa forma sim, mas se formos visitar nossos vizinhos sul-americanos, talvez não seja desse jeito. Se levarmos em consideração que a nossa moeda está bem mais valorizada do que o peso argentino, por exemplo, então um passeio pelo país vizinho não seria uma má idéia. Principalmente se você for para alguma outra cidade que não seja a capital Buenos Aires, como Córdoba, na região central do país e segunda cidade mais importante da Argentina.

Córdoba, capital da província homônima, é basicamente uma cidade universitária; abriga a primeira universidade da Argentina, a Universidad Nacional de Córdoba, e quase todos os turistas que passam por lá vão para aprender espanhol. E passear pelos arredores também, claro. Foi justamente isso que fui fazer por lá. O bom dessa cidade é que ela fica próxima a várias outras do interior da Argentina como Mendoza, Santa Fé e San Juan, viagens, aliás, que valem a pena fazer; muitos turistas utilizam Córdoba como ponto de parada e acabam ficando semanas a mais, e é fácil entender o porquê.

Ao contrário das cidades turísticas, a melhor época para se visitar a cidade é durante o período escolar, justamente por ter muito mais movimento. O que é bom para quem gosta de tirar as férias durante a baixa temporada e visitar lugares bacanas pela metade do preço. Até porque em Córdoba, se você for durante feriados e festividades, a cidade estará mais vazia e muitos bares e restaurantes chegam até a fechar durante esse tempo.

Por ser uma cidade que abriga mais jovens, sua arquitetura também é mais moderna. Prédios com formas arrojadas, de baixa estatura e muitos feitos de tijolos. Uma bela paisagem que se misturava com o Paseo de La Cañada, rio aberto e canalizado que corta todo o centro da cidade e uma parte do subúrbio. Andar pela cidade também é um passeio agradável. Em especial entre o centro e o bairro Nueva Córdoba, onde vive a maioria dos estudantes e estrangeiros que vão para a cidade. E como não podia ser diferente em uma cidade Argentina, Córdoba também possui um grande parque, o Sarmiento, próximo à universidade e que vale gastar um dia por lá.

Aliás, um passeio bacana de se fazer é pelo grande calçadão, o Paseo de las Flores. Lá existem lojas de roupa, acessórios, eletrônicos, guloseimas (tem muitos alfajores Havana!!!), restaurantes e até cinema. Esse calçadão ocupa mais de seis quarteirões em pleno centro da cidade e é uma ótima região para se fazer compras e comer. Outro lugar para se comprar acessórios e lembranças regionais é a feirinha Paseo de las Artes, espécie de feirinha hippie no bairro de Nueva Córdoba e que nas proximidades também possui restaurantes e outras vielas com lojinhas de artes. Definitivamente, Córdoba é uma cidade cultural e gastronômica no interior da Argentina, que tem um custo benefício muito bom, com muitas opções de lazer e bares, o que é ideal para viagens com amigos ou até uma viagem mais romântica.

Mas para quem quer variar um pouco da cidade e conhecer mais a redondeza e a natureza da região, as Sierras de Córdoba é um bom passeio e que abriga duas boas opções para diferentes bolsos. A mais famosa é para o município de Villa Carlos Paz, que abriga as baladas mais concorridas de Córdoba e onde está o agito quando os estudantes saem de férias. Por ser uma cidade mais turística e de veraneio, acaba sendo mais cara e com opções culturais e gastronômicas mais sofisticadas. Mas, mesmo assim, vale a pena dar um passeio de um dia pela cidade.

O outro lugar nas Sierras para visitar é uma cidade mais cultural e que muitos cordobenses usam como sua "praia artificial". Alta Gracia também é conhecida como a cidade natal de Che Guevara. Aliás, a casa onde o pequeno Ernestito nasceu e cresceu hoje dá espaço para o Museo Casa de Ernesto Guevara, que não tem muitas atrações, mas vale uma visitinha antes de ir se refrescar no riacho. Depois de seguir por uma estrada, chegamos a uma trilha que nos levaria para um riacho bem refrescante e que muitos cidadãos freqüentam no verão.

Córdoba é uma cidade para todos os gostos e que agrada a quem procura diversão e quem procura tranqüilidade. Um lugar inclusive ideal para se morar. Não à toa, vivi por lá durante um mês, morando em um hostel, onde conheci muitos europeus e argentinos pra lá de simpáticos. Uma viagem que vale muito a pena fazer com bastante tempo, ou até mesmo em uma semaninha. Existem ônibus que saem de São Paulo e do sul do país e que vão direto para Córdoba, um trajeto melhor para quem tiver mais tempo e um espírito de aventura. Para os que preferem conforto, as companhias aéreas oferecem vôos com conexão em Buenos Aires, o que também é uma boa, pois você pode ainda visitar a capital argentina por algumas horas.

Enfim, é uma viagem que compensa em tempos de crise e você ainda vai conhecer um outro lado da Argentina, que não se resume apenas à capital Buenos Aires. Córdoba é uma bela cidade e com um ótimo custo benefício.

Quem é a colunista: Monica Campi

O que faz: jornalista

Pecado gastronômico: doces e junkie food

Melhor lugar do Brasil: Todo o Nordeste

Fale com ela: [email protected]





Atualizado em 11 Fev 2014.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo