Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

O Bonde carioca

Tradicional no cartão postal fluminense, o teleférico do Pão de Açúcar renova sua frota.

Fotos: Divulgação

Considerada uma das paisagens mais belas do mundo, a Baía de Guanabara é guardada pelo morro do Pão de Açúcar, circundado por uma vegetação de clima tropical, com resquício de Mata Atlântica e espécies nativas, que, em outros lugares do litoral brasileiro já foram extintos. O morro serviu como ponto de defesa dos invasores na época do Brasil Colonial, por sua posição privilegiada na costa carioca. Referência aos navegantes que aportam no Rio de Janeiro, transformou-se em atração internacional desde 1912, com a construção do teleférico que vai da praia até o seu topo.

O Bondinho do Pão de Açúcar foi o primeiro instalado no Brasil e o terceiro no mundo, o que estimulou o desenvolvimento do turismo nacional. Quando ficou pronto, só existiam outros dois: o do Monte Ulia, em 1907, na Espanha, com extensão de 280 metros, e o de Wetterhorn, na Suíça, com 560 metros, construído em 1908. O teleférico brasileiro possui duas linhas, uma ligando a base do morro da Babilônia ao pico do morro da Urca (220 metros) e outra, do morro da Urca ao Pão de Açúcar (750 metros).

Completando o centenário de funcionamento em 2012, o Bondinho já transportou mais de 37 milhões de passageiros para uma visão panorâmica e privilegiada do Rio de Janeiro. Lá de cima, o Aeroporto Santos Dumont, o Cristo Redentor, a Floresta da Tijuca, as diversas praias e morros cariocas são apreciados pelos olhos e lentes das câmeras, de turistas estrangeiros, de outras regiões do país e até mesmo dos cariocas.

Os teleféricos nunca tiveram acidentes fatais em seu transporte. O trajeto demora cerca de três minutos, e o intervalo é de 20 minutos entre a saída de uma e chegada de outra das quatro cabines. Como o lugar é a parada obrigatória para o turista que visita a cidade, a fila costuma ser grande e a espera longa para os que chegam tarde.

Fotos: Divulgação
Diferença significativa: o novo (à direita) e o antigo (à esquerda) bondinho

O Bondinho faz parte da história fluminense. Já recebeu ilustres visitas de personalidades internacionais como John Kennedy, Sting, Brooke Shields e Einstein. Foi cenário do filme 007 Contra o Foguete da Morte, em 1979, no qual James Bond luta contra o vilão Dentes de Aço. Agora pode estar entre uma das sete maravilhas naturais do mundo, segundo a votação da fundação New 7 Wonders ( www.new7wonders.com).

O resultado final só sairá em dezembro, com a escolha de 21 monumentos naturais por especialistas, no ranking das 77 mais votadas pelo público. Após isso, o voto popular seleciona pela última vez as sete primeiras das 21 paisagens que se tornarão marcos naturais do planeta. Da lista atualizada diariamente pelo site, as melhores colocadas brasileiras é o Rio Amazonas (8º); o arquipélago de Fernando de Noronha (20º) e as Cataratas do Iguaçu (42º). O Pão de Açúcar aparece na 130º posição.

Terceira geração

Ao longo dos anos, sua estrutura foi mudada somente duas vezes, a primeira em 1979, e a última ainda ocorre este ano. Preservando o aspecto de bolha, os dois novos carros custaram 3 milhões de euros e foram instalados em julho, pela Companhia Caminho Aéreo Pão de Açúcar, empresa privada que administra o bondinho. As outras duas cabines que faltam têm a previsão de entrega até setembro deste ano.

As diferenças deste novo modelo são os vidros fumê anti-reflexo que evitam distorções na hora de tirar a fotos; cabines sem barras que dificultam a locomoção no interior; redução da capacidade de 75 para 65 pessoas; som ambiente e até saídas para conectar o iPod. Na tecnologia, a mudança principal é do sistema analógico para o digital, facilitando para os funcionários o manuseio e monitoramento das cabines.

Ainda que não alcance o posto entre uma das sete maravilhas naturais do planeta, essa marca registrada do Rio de Janeiro dificilmente vai perder o seu glamour e deixar de ser visitada por aqueles que querem ver a Cidade Maravilhosa ainda mais bonita do que já é.

Moradores do Rio pagam meia

Com o final da 10ª edição do projeto Carioquinha, que oferecia descontos aos fluminenses com o passeio de Bondinho ao Pão de Açúcar, a Companhia Caminho Aéreo Pão de Açúcar volta com a Campanha Carioca Maravilha, presenteando com um desconto de 50% os moradores da cidade do Rio de Janeiro e Grande Rio.

A promoção é por tempo indeterminado e acontece diariamente. O preço do ingresso para esse público, que deve apresentar comprovante de residência em nome do próprio e carteira de identidade original, passa a ser de R$ 22,00.





Confira:
Bondinho do Pão de Açúcar

Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo