Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

O reduto das compras alternativas

Fuja da rota monótona do comércio paulistano. Conheça os produtos alternativos das galerias de São Paulo e inove o visual!.

Por Santiago A. Sabella


Fazer compras nos shoppings espalhados pela cidade pode ser um um roteiro batido para quem busca diversidade no quesito "passeios". Uma alternativa inteligente para acompanhar as novidades de uma cultura de vanguarda das tranformações do guarda-roupa é garimpar as galerias de São Paulo. Siga as dicas e veja onde encontrar presentes e tendências da moda em roupas e acessórios.


Nelas podem ser encontrados todos os itens que estão nos shoppings, além de uma moda alternativa, com a diferença de que os preços são menores, apesar das marcas não estamparem grifes famosas. Vantagens como cartão de crédito e cheques são garantidas na maioria dos estabelecimentos. Para os alternativos, as galerias são verdadeiros paraísos de ofertas: raridades, camisetas de bandas, malabares, roupas costumizadas, miniaturas, cabeleireiros, piercings, acessórios extravagantes e uma infinidade de outros produtos. Roqueiros, capoeiristas, clubers, musicistas, rappers, patricinhas, baladeiros e todos os outros estilos são bem-vindos às compras! Com a certeza de que você corre menos riscos de encontrar por aí, pessoas com a mesma roupa que você.

O Centro de São Paulo é uma das regiões que mais abriga galerias, devido ao movimento intenso das ruas. Na Rua 24 de Maio, dois grandes galpões de lojas podem ser encontrados. Quem está à procura de salões de cabeleireiro estilo black encontra algumas opções na Galeria Presidente, que também oferece produtos para capoeiristas e para os fãs do lendário Bob Marley, como camisetas, CDs raros e acessórios. Alguns passos à frente, fica a Galeria do Rock, um excelente lugar para os roqueiros que gostam de ser fiéis ao estilo, para os adoradores de piercings e tatuagens e para os DJs que estão sempre atentos às novidades tecnológicas. Sem desviar a rota, na Rua Barão de Itapetininga, a Galeria Califórnia é um prato cheio para os colecionadores de pedras preciosas e apreciadores de produtos artesanais do nordeste e de outras regiões do Brasil.

Nas proximidades da Bela Vista, na Rua Augusta, os alternativos sentem-se em casa: a Galeria Ouro Fino é praticamente um reduto de produtos extravagantes: roupas e maquiagens que brilham no escuro, estilistas que pintam e bordam em cima de peças simples, sungas coloridas e muito mais. O público discreto e conservador também tem o seu lugar nessa mesma rua, na Galeria Le Village, um lugar calmo e sereno, com plantas decorativas e que oferece lojas especiais para os turistas que querem recordações do Brasil, ou ainda para aqueles que querem presentear amigos estrangeiros com artesanato nacional.


Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo