Guia da Semana

Saiba o que é e como funciona um Hortelão Comunitário

São sete espalhados por São Paulo, mas esse número pode crescer ainda mais.

Já ouviu falar de Hortelões Comunitários? Nada mais é do que uma horta cultivada em espaços públicos da cidade. A ideia que começou com um grupo no Facebook e encontros para trocas de sementes resultou em cerca de seis hortas espalhadas por São Paulo.

+ Ajude a preservervar as calçadas de São Paulo 
+ Conheça os coletivos que atuam em SP

Claudia Visoni e Tatiana Achcar são algumas das pessoas responsáveis por essa iniciativa. Ao criarem o grupo Hortelões Urbanos para trocar experiências e dicas de plantio doméstico de alimentos, elas sentiram a necessidade de ampliar o projeto, saindo das redes sociais pras ruas.

Foi então que a dupla e integrantes do grupo uniram forças  com Daniela Cuevas, Juliana Gatti e uma galera que troca de sementes e mudas no Parque da Luz para a criação dos Hortelões Comunitários e, a partir daí, as hortas foram só crescendo.

“Surge uma nova maneira de vivenciar a cidade, que não é nova, mas que nas últimas décadas tinha sido esquecida, as gerações mais antigas viveram isso era plantar alguma coisa no quinta, no terreno baldio e isso estava totalmente esquecido”, diz Claudia em uma conversa com o Guia da Semana.

Como começar um Hortelão Comunitário

Não pense que é só chegar e fazer a horta na pracinha aí perto da sua casa, Claudia recomenda que o primeiro passo a ser dado é conversar com pessoas que frequentam e moram perto o local em que você pretende fazer pois é fundamental saber se as pessoas tem interesse de te ajudar a cuidar das plantinhas.

O segundo passo é tentar um contato com a subprefeitura, o CADES (Conselho Municipal do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável). “As reuniões são abertas a população, então é só ligar e dizer que você quer participar da próxima reunião do CADE. Daí você pode aparecer como cidadão e dizer que você e mais um grupo querem fazer uma horta em tal praça”, explica a hortelã, que também é conselheira do CADE de Pinheiros.

Regulamentação no Brasil e no mundo

Ainda não existe um apoio efetivo para a criação de Hortas Comunitárias e muito menos uma politica pública no país, mesmo com um potencial é muito grande. “Existem estimativas que 40% dos alimentos consumidos em São Paulo, poderia ser produzidos em São Paulo mesmo”, diz Claudia.

Já em Rosário, na Argentina, a história é bem diferente. Depois da crise de 2002, a prefeitura incentivou as pessoas a se movimentarem para criar esses espaços, Claudia conta que “acabou virando uma fonte de trabalho e renda pra população. São milhares de pessoas, centenas de hortas”.

Também é possível encontrar esse trabalho da prefeitura junto com a população em Berlim e Londres, que para as Olimpíadas de 2012 emplacou o “2012 hortas para 2012”, projeto que deu tão certo alcançou um número maior do que o proposto.

Feliz da vida com suas hortas, Claudia manda um recado pra quem pensa começar um Hortelão Comunitário:

“É uma delicia você ir pruma praça encontrar um monte de gente legal e ficar com a mão na terra. Faz muito bem pra gente, acho que o maior beneficiado por esta atividade é a pessoa que está praticando”

Mutirões em São Paulo

Horta das Corujas
Onde: próximo à Av. das Corujas, Vila Madalena
Quando: todos os finais de semana alternando sábados e domingos a partir de 10h.

Horta do Ciclista
Onde: av. Paulista entre Bela Cintra e Consolação (canteiro central)
Quando: primeiro domingo do mês a partir de 12h.

Horta da Pompéia
Onde: rua Francisco Bayardo, perto da Av. Pompeia
Quando: todo domingo a partir de 11h com café da manhã comunitário.

Horta da Vila Anglo
Onde: Praça Antonio Resk, perto da Rua Heitor Penteado
Quando: todo sábado a partir de 10h e terças 9h.

Horta do CCSP
Onde: Centro Cultural São Paulo, metrô Vergueiro
Quando: todo último domingo do mês a partir de 9h com café da manhã comunitário.

Horta Comunitária do Parque Ipê
Onde: rua Marujada, 53, Campo Limpo
Quando: sábados a partir das 8h30.

Horta do IEE USP
Onde: Instituto de Energia e Ambiente na Cidade Universitária 
Quando: a cada duas semanas, sempre aos sábados das 9 às 13hs.

Horta FMUSP
Onde: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
Quando: quinta às 17h e sexta às 12h

 

Atualizado em 18 Mar 2014.

Por Juliana Andrade
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Fenômeno poderá ser visto de qualquer lugar a partir das 21h30 desta quarta-feira, 13

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Seleção brasileira ainda enfrentará Costa Rica e Sérvia

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Em parceria com a ClickBus, o Guia da Semana oferece passagens de ônibus para dentro e fora do Brasil

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Promoção ainda inclui desconto na estadia para quem conferir os eventos das casas

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Star Wars Land chega ao Hollywood Studios em 2019

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Confira opções de hospedagem para quem ainda não se programou para o festival

Cadastre-se para
NOVIDADES

Receba ofertas de
PASSAGENS

×
Receba novidades do Guia da Semana

Whatsapp Guia da Semana
Receba nossos tópicos mais quentes e notícias fresquinhas em seu Whatsapp

CADASTRE-SE

Notificações em seu PC ou celular
Receba notificações instantâneas com nossos tópicos mais quentes e notícias fresquinhas

CADASTRE-SE

Ofertas de passagens
Receba as melhores ofertas e promoções de passagens aéares em seu Whatsapp.

CADASTRE-SE

Newsletter do Guia da Semana
Dicas semanais para aproveitar o melhor que a cidade tem a oferecer.