Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

Tradição chinesa

Especialista aponta os principais motivos que levaram a China a ser uma potência no turismo em 2009.

Foto: Getty Images

Um dos destinos mais comentados do momento sem dúvida é a China. Os motivos para isso são muitos, tanto que as expectativas para turismo neste 2009 são totalmente positivas. Mas o que faz uma pessoa viajar mais de 22 horas, com fuso horário adiantado em 11 horas?

Certamente é a cultura totalmente diferente da nossa e do resto do mundo, um idioma nem um pouco similar ao português e, é claro, uma gastronomia única. Estive recentemente no país e me surpreendi diariamente com o que encontrava. Esse Tigre Asiático, como é comumente conhecido, impressiona por sua economia estável e crescente, com mais de um 1,3 bilhão de habitantes, ou seja, a maior população do mundo!

A capital Beijing é prova de como a China se desenvolveu, com grande avanço em todos os sentidos, nos últimos três anos. Tanto que possui o maior aeroporto internacional do mundo, com três terminais e uma arquitetura e limpeza impressionantes, a apenas uma hora do centro da cidade.

É um local com três mil anos de história e três dinastias: Yuan, Ming e Quing, e 20 milhões de habitantes. No total, são nove linhas de metrô, além das avenidas largas, com prédios imponentes por toda a parte, bem como um trânsito caótico, já que são cerca de quatro milhões de carros nas ruas.

Lá é possível conhecer tesouros como a Praça da Paz Celestial, onde está o retrato do respeitado Mao Tse Tung; a Cidade Proibida (ou Palácio Imperial) construída no século XV, com 9.999 habitações e toda referência na harmonização do Feng Shui. Além disso, o número nove é considerado do poder no taoísmo e há um equilíbrio entre os elementos Yin e Yang.

A Grande Muralha da China, situada em Beijing, é uma das sete maravilhas do mundo. Foi construída entre 300 a 400 anos a.C. e demorou aproximadamente 2.300 anos para ser construída. Tem 8.160 quilômetros com muralhas antigas e modernas, totalizando em 42 mil quilômetros,  incluindo todo o trecho. É simplesmente imperdível; aliás, andar de riquixá pelas ruas estreitas da cidade velha é uma grande oportunidade. Ainda se destacam o Palácio de Inverno e a Pagoda Branca, que ficam no Beihai Park. Vale a pena visitar.

Na próxima coluna contarei sobre a minha passagem pela cidade futuro: Shangai, que possui mais de 19 milhões de habitantes e mistura passado e futuro em sua cultura.

Quem é o colunista: Lucila Nedelciu, diretora da Raidho Tour Operator

O que faz: Empresária, se dedica a proporcionar viagens especiais e de autoconhecimento para seus clientes

Melhor lugar do Mundo: Índia

Fale com ela: [email protected]

Atualizado em 26 Set 2011.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo