Guia da Semana
Turismo
Por Redação Guia da Semana

Tranquilidade e paz

Uma visita ao Parque da Água Branca, que combina lembranças da vida no campo e educação ambiental.

Foto: Arquivo Pessoal

Situado no coração da zona oeste da cidade, entre os bairros de Perdizes, Barra Funda e Pompéia, o Parque da Água Branca é um dos mais importantes espaços públicos ao ar livre de São Paulo.

Fundado em 1929 e batizado Parque Dr. Fernando Costa, este oásis de calmaria e atmosfera rural evoluiu bastante até transformar-se no que é hoje.

São 137 mil metros de área verde e atrações como Aquário, Museu Geológico, Viveiro de Mudas e Observatório de Pássaros, além de equipamentos de ginástica e musculação. Uma mistura entre ciência e lazer que preserva a proposta original de um centro de pesquisas agropecuárias aberto à interação com as pessoas.

Logo na entrada, animais livres passeiam, à vontade, entre seguranças e crianças. Galos e galinhas, pavões, gansos, pardais e outros pássaros multicoloridos dividem o espaço com visitantes curiosos.

Além disso, o Parque da Água Branca é uma referência em educação ambiental e incentiva o visitante a pensar sua relação com a terra. Vale conhecer a Feira de Produtos Orgânicos, com um café da manhã aberto ao público às terças e nos fins de semana, das 7h às 12h. 

A aparência rústica e campestre do lugar atrai muitos visitantes durante a semana, e mais ainda aos sábados e domingos, quando ocorrem exposições e eventos, como a Feira de Filhotes e o Casa Aberta.

Este último, promovido pela Associação de Ambientalistas e Amigos no primeiro final de semana do mês, abre as portas do parque a movimentos de integração social e artística. O principal objetivo é permitir o acesso dos estudantes à arte pela utilização dos elementos visuais e sonoros do local.

As opções de lazer incluem cursos e atividades dedicados especialmente aos mais experientes, como o espaço Melhor Idade. Para as crianças, diversão garantida nos playgrounds e no parque de diversões. A todos os públicos, um ótimo ambiente para caminhadas, leituras, exercícios físicos, namorar ou simplesmente relaxar.

Durante a semana o espaço atrai também adeptos do hipismo, que praticam saltos e corridas na arena. Em suas arquibancadas, a sensação é de volta no tempo enquanto populares observam, tranquilos, as manobras dos cavalos sobre a terra.

Uma ótima opção para amenizar as tensões da metrópole, o Parque da Água Branca funciona todos os dias da semana das 6h às 18h. Aquário e Museus abrem das 9h às 17h. O parque localiza-se na Avenida Francisco Matarazzo, nº 455, bairro da Água Branca. Contato: 3865-4130/31. Estacionamento gratuito no local, entrada pela Rua Ana Pimentel, próximo da estação Barra Funda do metrô.

Quem é o colunista: Rafael Martins Gregório.

O que faz: Jornalista, músico, advogado e escritor.

Pecado Gastronômico: Pizza, chocolate, sorvete. Guloseimas exóticas em geral.

Melhor lugar do mundo: Minha cama e um colinho bom.

Fale com ele: rafaelmgregorio @gmail.com ou acesse seu blog.


Atualizado em 26 Set 2011.

Mais notícias

Chuva de meteoros será visível na noite desta quarta-feira

Turismo

Brasil estreia contra a Suíça na Copa do Mundo de 2018; jogo será no dia 17 de junho

Turismo

Agora você pode comprar passagens de ônibus no Guia da Semana – e pelo melhor preço!

Turismo

Hotéis Mercure oferecem descontos a seus hóspedes em ingressos de espetáculos dos teatros ‘Bradesco’ e ‘Opus’; saiba mais

Turismo

Disney divulga primeiras imagens do parque do Star Wars

Turismo

5 opções de hospedagens para quem vai curtir o Rock In Rio 2017

Turismo