Guia da Semana

Dica de leitura: Diversidade Sexual e Homofobia no Brasil

A homossexualidade e a reação da sociedade em relação a ela são retratadas em uma ampla pesquisa e analisadas no livro

O livro, que será lançado no dia 23 de junho, é uma coleção de artigos que exemplificam a pesquisa "Diversidade Sexual e Homofobia no Brasil - Intolerância e Respeito às Diferenças Sexuais", que foi feita em 2009 por duas entidades: a a fundação alemã Rosa Luxemburg e brasileira Fundação Perseu Abramo. São artigos que estudam as dificuldades e as formas de preconceito que os homossexuais ainda sofrem.

Um deles é de Vange Leonel, cantora, compositora, escritora e conhecida ativista LGBT. Em seu Lesbofobia, ela fala da forma como as lésbicas são vistas sob a lente do machismo e patriarcalismo brasileiro. Outro tema discutido são as transexuais e travestis, que no livro são retratadas em dois artigos: Transexuais: identidade e cidadania, de Elizabeth Zambrano; e Travestis: entre a atração e a aversão, de Keila Simpson.
 
A homofobia é mostrada em vários textos, como o Viver sob ameaça: preconceito, discriminação e violência homofóbica no Brasil, de Sérgio Carrara e Paula Lacerda, que retratam como homens jovens e heterossexuais são os mais intolerantes com a homossexualidade - o que vai na contramão do que se espera de uma juventude com a cabeça mais aberta e compreensiva. Outro trecho do livro é o artigo Homofobia na escola: o olhar de um educador social do movimento LGBT, de Lula Ramires, que analisa o papel dos professores na educação dos jovens sobre homossexualidade.


Diversidade Sexual e Homofobia no Brasil
De: Gustavo Venturi e Vilma Bokany (organizadores)
Editora: Fundação Perseu Abramo
Páginas: 252


Lançamento do livro Diversidade Sexual e Homofobia
23 de junho
Avenida São João, 126, 1º andar, Centro
(11) 5571-4299
Horário: 16h
Entrada: gratuita

Foto: Divulgação

Atualizado em 15 Fev 2013.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças