Guia da Semana

Queen

Confira a história da banda



Formado por Freddie Mercury (vocalista), Brian May (guitarra), Roger Taylor (bateria) e John Deacon (baixo), o grupo de rock britânico Queen foi uma das mais populares bandas inglesas dos anos 1970 e 1980. A ideia de montar o grupo vem desde 1967, quando Brian May, Tim Staffell e Roger Taylor formaram o trio Smile, durante o ensino médio no Imperial College, em Londres. Após a saída do baixista e vocalista do grupo, Tim Staffell, em 1970, este os apresentou para um colega, Freddie Bulsara. Nesta época, Freddie passou a adotar o sobrenome Mercury e se tornou o vocalista da banda, que mudou o nome para Queen. Para completar a formação do grupo, foi recrutado John Deacon como baixista.

Em 1973, lançaram o primeiro LP, Queen, seguido de Queen II, no ano seguinte. Mas foi em 1975 que conquistaram o mundo, com a gravação do álbum A Night At The Opera, de onde saíram os hits Love Of My Life, Bohemian Rhapsody e God Save The Queen. Em 1976, chegou às lojas A Day at the Races, com destaque para a canção Somebody To Love. No ano seguinte, Mercury compôs a música que se tornaria um hino do rock, We Will Rock You, que saiu no disco News of the World, e que também contou com o sucesso We Are The Champions. Em 1980, fizeram a trilha sonora do longa Flash Gordon, estrelado por Sam. J. Jones, Ornella Muti e Timothy Dalton.

Em 1981, realizaram seu primeiro show no Brasil, no estádio do Morumbi, em São Paulo, para um público de 200 mil pessoas, um recorde para a época. Três anos depois, lançaram o álbum The Works, com destaque para as canções Radio Ga Ga (seu videoclipe foi bastante exibido pela MTV americana na ocasião) e I Want To Break Free. Em 1985, retornaram a terras brasileiras como um dos artistas internacionais a se apresentarem na primeira edição do festival Rock in Rio, e que mais uma vez emocionou seus fãs. No ano seguinte, produziram o álbum A Kind Of Magic, que foi baseado na trilha sonora do filme Highlander, do mesmo ano, protagonizado por Christopher Lambert. O trabalho trouxe as faixas Friends Will Be Friends e Who Wants To Live Forever.

No dia 24 de novembro de 1991, Freddy Mercury faleceu em decorrência do vírus HIV. Curiosamente, um dia antes ele havia admitido em um comunicado oficial ser portador do vírus da doença. Em abril de 1992, foi realizado um show em sua homenagem no estádio de Wembley, em Londres, intitulado The Freddie Mercury Tribute Concert. O evento contou com as presenças de músicos renomados, como George Michael, Elton John, Axl Rose e Slash (que fizeram uma releitura para a canção We Will Rock You), entre outros. Em 25 de novembro do mesmo ano, foi inaugurada uma estátua em sua homenagem em Montreux, na Suíça, local que Mercury considerava como sua segunda casa. De lá para cá, foram lançados alguns CDs póstumos.

Em 2005, o cantor Paul Rodgers saiu em turnê com Brian May, John Deacon e Roger Taylor, sob o nome de Queen + Paul Rodgers´s Tour 2005 - em 2008, gravaram um álbum de músicas inéditas, chamado The Cosmos Rocks, com Rodgers nos vocais.

Foto: Divulgação

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA