Guia da Semana

Casais clássicos do cinema

Com o Dia dos Namorados, o clima de romance está no ar. Por isso, o Guia relembra 15 casais apaixonados da sétima arte

amor não segue fórmulas, aliás, está longe de ser uma ciência exata; é imprevisível, não marca dia nem horário para aparecer; nem sempre é lindo e pode não ter um final feliz. Mas não importa como seja, o amor sempre rende boas histórias, contadas há muito tempo no cinema.

>> Saiba o que fazer no Dia dos Namorados
>> Confira as estreias da semana
>> Top 10 traz os filmes mais vistos do fim de semana
>> Saiba o que está em cartaz nas telonas

E com o Dia dos Namorados chegando, nada melhor do que uma sessão pipoca com os melhores filmes românticos para inspirar os apaixonados.

Guia da Semana entra no clima da data comemorativa mais doce do ano e elege 15 casais clássicos da sétima arte, desde os personagens de Vivien Leigh e Clark Gable em O Vento Levou, até o casal mais amado dos adolescentes contemporâneos interpretados por Kristen Stewart e Robert Pattinson, na Saga Crepúsculo.

Prepare as lágrimas, os suspiros e apaixone-se! 

Amor clássico: ...E o Vento Levou (1939)

Vencedor de oito estatuetas do Oscar, o filme dirigido por Victor Fleming é um dos maiores clássicos do cinema. O romance ambientado em meio à Guerra Civil Americana traz a história de amor e ódio de Scarlet O'Hara e Rett Butler, interpretados por Vivien Leigh e Clark Gable.

 

Amor vira-lata: A Dama e o Vagabundo (1955)

Quem não se lembra da clássica cena de Lady e Vagabundo comendo macarronada à luz de velas com direito a música ao vivo, num jantar romântico à moda do vira-lata, onde acontece o primeiro beijo do casal? A animação foi lançada pela primeira vez em 1955, relançada pela Disney em 1997 e 2006.

 

Amor para cantar e dançar: Grease - Nos Tempos da Brilhantina (1978)

O filme musical de maior arrecadação de todos os tempos traz a história de amor de Danny e Sandy, cantada e dançada por John Travolta e Olivia Newton-John. Eles se apaixonam durante as férias na Califórnia, mas se separam quando a doce Sandy tem que voltar para a Austrália. Os planos mudam e ela acaba se matriculando na mesma escola que Danny. Na frente dos amigos, ele tem que manter a fama de mau, mas vai amolecendo aos poucos, enquanto ela ganha ares de mulher fatal. 

 

Amor puro e primitivo: A Lagoa Azul (1980)

Um dos filmes mais reprisados da TV brasileira, o romance protagonizado por Brooke Shields e Christopher Atkins nos anos 80 não poderia ficar fora da lista. Na história, Emmeline e Richard são os únicos sobreviventes de um naufrágio ao lado do marinheiro Paddy Button (Leo McKern). Com a morte de Paddy, as duas crianças crescem juntas na ilha deserta onde vivem. Com a chegada da adolescência, eles descobrem o amor e o sexo de forma única e primitiva.

 

Amor que supera as diferenças: Uma Linda Mulher (1990)

Pretty Womanm magnata perdido, vivido por Richard Gere contrata uma bela prostituta - Julia Roberts - para acompanhá-lo em eventos sociais por uma semana. Compra roupas, maquiagem e a transforma em uma verdadeira lady. Depois disso, iniciam uma bela história de amor dos cinemas.  

Amor eterno, sabe?: Ghost - Do Outro Lado da Vida (1990)

Patrick Swayze e Demi Moore são os responsáveis por mais uma linda história de amor, além de protagonistas de uma das mais clássicas cena de amor da sétima arte: Sam e Molly fazendo, com toda a sensualidade que têm direito, um vaso de cerâmica ao som de Unchained Melody.

 

Amor de primeira viagem: Meu Primeiro Amor (1991)

Aos 11 anos, Vada Sultenfuss - uma garota solitária, hipocondríaca e obcecada pela morte, criada pelo pai - e Thomas J. Sennett - seu melhor amigo - descobrem juntos as doçuras do primeiro amor. Vencedor do MTV Movie Awards na categoria melhor beijo, a produção é protagonizado por Anna Chlumsky e Macaulay Culkin.

 

Amor maduro: As Pontes de Madison (1995)

Meryl Streep e Clint Eastwood vivem uma intensa e apaixonante relação amorosa no longa dirigido pelo próprio Eastwood em 1995. A trama traz o envolvimento entre uma proprietária rural do interior de Iowa e um fotógrafo da National Geographic durante os quatro dias em que a família dela se mantém ausente.

 

Amor em alto mar: Titanic (1997)

Recentemente relançada em 3D, a história de amor entre Jack e Rose à bordo do Titanic foi eternizada nas telonas por Leonardo DiCaprio e Kate Winslet. O longa adota como pano de fundo a história do imponente transatlântico para apresentar o romance entre uma linda mulher, que está noiva de um homem muito rico e arrogante, e um jovem aventureiro, sem nenhuma posse, que embarca no navio após ganhar a passagem num jogo de cartas. 

 

Amor regado a absinto: Moulin Rouge - Amor em Vermelho (2001)

O casal que dá o tom ao romance musical ambientado na Paris de 1899 é Ewan McGregor e Nicole Kidman. Ele é um jovem poeta que desafia o pai e se muda para o boêmio bairro de Montmartre. A vida no local gira em torno de Moulin Rouge, uma boate que exala sexo, drogas e adrenalina, tudo embalado pelo can-can. Ao visitar o local, o escritor logo se apaixona por Satine, a mais bela cortesã da Cidade Luz. 

 

Amor de ogro também é amor: Shrek (2001)

Ele vive no pântano e não quer saber de companhia alguma, mas, de repente, se vê cercado por criaturas mágicas. Para ter sua vida de volta, o ogro deve resgatar uma bela princesa que é prisioneira de um dragão. Mas essa aventura muda totalmente a vida do mau-humorado ogro, que acaba ganhando um melhor amigo, o burro falante, e um grande amor. Essa é a história do casal mais verde dos desenhos animados: Shrek e Fiona.

 

Amor heroico: Homem-Aranha (2002)

Assim como os ogros, os super-heróis também amam. Na trilogia assinada por Sam Raimi, Peter Parker e Mary Jane Watson são interpretados por Tobey Maguire e Kristen Dunst. O casal retrata a história de amor vivida pelo Homem-Aranha enquanto o mais famoso herói da Marvel salva o mundo de outros mutantes que usam seus superpoderes para o mal.

 

Amor que o tempo não paga: Diário de uma Paixão (2004)

Baseado no romance de Nicholas Sparks, o longa conta com Ryan Gosling e Rachel McAdams no papel de Allie Hamilton e Noah Calhoun, jovens apaixonados impedidos de levar o romance adiante por pertencerem a diferentes classes sociais. Porém, o tempo não apaga os sentimentos e, mesmo quando estão bem velhinhos, desafiam tudo e todos para ficarem juntos.

 

Amor adolescente: Juno (2007)

Juno e Paulie (Ellen Page e Michael Cera) são amigos e vizinhos que resolvem perder a virgindade juntos. Porém, ela engravida e, considerando-se imatura para ser mãe, decide entregar o filho para uma família criar. Apesar da distância e do jeito diferente de Paulie, o amor adolescente releva muitas coisas e pode ser surpreendente.

 

Amor com fantasia: A Saga Crepúsculo (2008)

O casal adolescente do momento (tanto na vida real quando no universo cinematográfico) é Kristen Stewart e Robert Pattinson. Interpretando a frágil humana Bella e o vampiro Edward, ele protagonizam os cinco filme da Saga Crepúsculo (o quinto longa deve chegar aos cinemas em nomembro de 2012) e arrancam suspiros e gritos histéricos de milhares de adolescentes.

Atualizado em 5 Jun 2013.

Por Mariana Viola
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

10 Motivos para ver a animação “Sing – Quem Canta Seus Males Espanta”

Filme chega aos cinemas no dia 22 de dezembro

“Pets” tem sessão gratuita para incentivar a adoção de animais

Cine Matilha exibe a animação em sessão aberta para cães e seus donos

7 Fatos sobre “Fallen” que você precisa saber antes de ir aos cinemas

Adaptação do primeiro livro da saga adolescente estreia no dia 8 de dezembro

4 Motivos para ver “A Qualquer Custo” nos cinemas

Filme com Chris Pine e Jeff Bridges chega aos cinemas em janeiro

"50 Tons Mais Escuros" ganha trailer inédito; confira

Novo vídeo do longa está mais caliente do que nunca!

Clássico de Chaplin tem sessão gratuita no Auditório Ibirapuera

Exibição encerra a programação do centenário de Paulo Emílio Sales Gomes