Guia da Semana

Conheça “Winter Sleep”, vencedor do Festival de Cannes 2014

Palma de Ouro vai para drama turco, enquanto Julianne Moore e Timothy Spall levam prêmios de atuação

O turco Nuri Bilge Ceylan surpreendeu a todos ao receber a Palma de Ouro no último dia 24, pelo drama “Winter Sleep”. O diretor foi agraciado com o prêmio mais alto da noite no encerramento do Festival de Cannes e dedicou o troféu a todos os jovens da Turquia e aos mineiros que perderam suas vidas no ano passado.

O filme narra a trajetória de Aydin (Haluk Bilginer), um homem que comanda um pequeno hotel nas montanhas da Anatólia (Turquia) ao lado da esposa e da irmã. Ele se considera o senhor da região e vive como um líder, mas, na verdade, é detestado por todos à sua volta. É um ator fracassado e um pretensioso colunista num jornal local. Quando o inverno chega e o movimento cai, esses conflitos afloram e as posições de dominância serão testadas.

O longa tem mais de três horas de diálogos intensos, mas Jane Campion, presidente do Júri deste ano, declarou que “teria ficado ali mais duas horas alegremente”. Alegria talvez não seja a melhor palavra para descrever as reações ao filme: uns, o consideraram uma “provação”; outros, como o diretor Nicolas Winding Refn, também membro do júri, admitiram terem chorado ao final.

Além de Ceylan, também saíram vitoriosos desta edição os atores Julianne Moore, por “Maps to the Stars”, e Timothy Spall, por “Mr. Turner”. “Mommy”, do diretor-prodígio Xavier Dolan, e “Adieu au Langage”, do veterano Jean-Luc Godard, empataram no prêmio do Júri.

Confira a lista completa de vencedores do 68º Festival de Cannes:

 

Longas-Metragens

Palma De Ouro: Winter Sleep – Nuri Bilge Ceylan

Grand Prix: Le Meraviglie (The Wonders) – Alice Rohrwacher

Prêmio De Direção: Bennett Miller - Foxcatcher

Prêmio De Roteiro: Andrey Zvyagintsev, Oleg Negin Para Leviathan

Prêmio De Interpretação Feminina: Julianne Moore (Maps To The Stars - David Cronenberg)

Prêmio De Interpretação Masculina: Timothy Spall (Mr. Turner - Mike Leigh)

Prêmio Do Júri: Mommy - Xavier Dolan / Adieu Au Langage (Goodbye To Language) - Jean-Luc Godard

 

Curtas-Metragens

Palma de Ouro: Leidi - Simón Mesa Soto

Menção Especial: Aïssa - Clément Trehin-Lalanne / Ja Vi Elsker (Yes We Love) - Hallvar Witzø

 

 

Atualizado em 26 Mai 2014.

Por Juliana Varella
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Novos comerciais de "A Bela e a Fera" mostram cenas inéditas do filme

Live-action chega ao Brasil no dia 16 de março

Waiting for B. - documentário revela a rotina dos fãs que acamparam para ver show da Beyoncé

Filme integra a programação da Sessão Vitrine e estreia no dia 2 de março

15 Filmes imperdíveis que chegam aos cinemas em março de 2017

“A Bela e A Fera”, “Logan” e “Vigilante do Amanhã” estão entre as estreias do mês

"Mulher-Maravilha" ganha coleção de colecionáveis pela Funko

Lançamento vem para entrar no clima do novo filme da heroína

“A Grande Muralha” – Zhang Yimou abraça a fórmula de Hollywood em aventura com Matt Damon

Filme também traz a atriz chinesa Tian Jin como comandante de um exército

Elenco de "Simplesmente Amor" se reúne em sequência especial do filme

Curta-metragem vem para arrecadar fundos à instituição de caridade britânica