Guia da Semana

Conheça “Winter Sleep”, vencedor do Festival de Cannes 2014

Palma de Ouro vai para drama turco, enquanto Julianne Moore e Timothy Spall levam prêmios de atuação

O turco Nuri Bilge Ceylan surpreendeu a todos ao receber a Palma de Ouro no último dia 24, pelo drama “Winter Sleep”. O diretor foi agraciado com o prêmio mais alto da noite no encerramento do Festival de Cannes e dedicou o troféu a todos os jovens da Turquia e aos mineiros que perderam suas vidas no ano passado.

O filme narra a trajetória de Aydin (Haluk Bilginer), um homem que comanda um pequeno hotel nas montanhas da Anatólia (Turquia) ao lado da esposa e da irmã. Ele se considera o senhor da região e vive como um líder, mas, na verdade, é detestado por todos à sua volta. É um ator fracassado e um pretensioso colunista num jornal local. Quando o inverno chega e o movimento cai, esses conflitos afloram e as posições de dominância serão testadas.

O longa tem mais de três horas de diálogos intensos, mas Jane Campion, presidente do Júri deste ano, declarou que “teria ficado ali mais duas horas alegremente”. Alegria talvez não seja a melhor palavra para descrever as reações ao filme: uns, o consideraram uma “provação”; outros, como o diretor Nicolas Winding Refn, também membro do júri, admitiram terem chorado ao final.

Além de Ceylan, também saíram vitoriosos desta edição os atores Julianne Moore, por “Maps to the Stars”, e Timothy Spall, por “Mr. Turner”. “Mommy”, do diretor-prodígio Xavier Dolan, e “Adieu au Langage”, do veterano Jean-Luc Godard, empataram no prêmio do Júri.

Confira a lista completa de vencedores do 68º Festival de Cannes:

 

Longas-Metragens

Palma De Ouro: Winter Sleep – Nuri Bilge Ceylan

Grand Prix: Le Meraviglie (The Wonders) – Alice Rohrwacher

Prêmio De Direção: Bennett Miller - Foxcatcher

Prêmio De Roteiro: Andrey Zvyagintsev, Oleg Negin Para Leviathan

Prêmio De Interpretação Feminina: Julianne Moore (Maps To The Stars - David Cronenberg)

Prêmio De Interpretação Masculina: Timothy Spall (Mr. Turner - Mike Leigh)

Prêmio Do Júri: Mommy - Xavier Dolan / Adieu Au Langage (Goodbye To Language) - Jean-Luc Godard

 

Curtas-Metragens

Palma de Ouro: Leidi - Simón Mesa Soto

Menção Especial: Aïssa - Clément Trehin-Lalanne / Ja Vi Elsker (Yes We Love) - Hallvar Witzø

 

 

Atualizado em 26 Mai 2014.

Por Juliana Varella
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Reese Witherspoon quer fazer "Legalmente Loira 3"

"As mulheres precisam desse tipo de positividade hoje em dia", disse a atriz ao E! News

10 Filmes da Sessão da Tarde para ver na Netflix

“Operação Cupido” e “Aventureiros do Bairro Proibido” estão entre os filmes nostálgicos em cartaz

“Estrelas Além do Tempo” revela as mulheres negras que mudaram a história da NASA

Longa inspirador e bem-humorado estreia no dia 2 de fevereiro nos cinemas

“A Cura”: diretor de “O Chamado” retorna ao terror com longa sinistro e hipnotizante

Filme chega aos cinemas no dia 16 de fevereiro

“O Poderoso Chefinho”: animação adorável sobre um bebê “adulto” estreia em março (e vai conquistar seu coração)

Filme explora a relação entre um menino de 7 anos e seu novo irmãozinho

Final do Super Bowl será transmitida ao vivo nos cinemas

Evento acontece no dia 5 de fevereiro e terá show de Lady Gaga no intervalo