Guia da Semana

Festival do Rio divulga programação da repescagem

Publicação: quinta, 09 de outubro de 2008

Como em todos os anos, após o Festival do Rio, serão exibidos os principais filmes do evento. A repescagem dura uma semana e irá acontecer em duas salas do Estação Botafogo. Confira a programação:

Estação Botafogo 1

Sexta (10)
13h - "Om Shanti Om", de Farah Khan (Índia)
16h15 - "Encarnação", de Anahí Berneri (Argentina)
18h - "A boa vida", de Andrés Wood (Chile/Argentina/Espanha/França)
20h - "Na cidade de Sylvia", de José Luis Guerin (Espanha)
22h - "A mulher sem cabeça", de Lucrecia Martel (Argentina)

Sábado (11)
13h15 - "Tokyo Sonata", de Kiyoshi Kurosawa (Japão/Holanda/Hong Kong)
15h30 - "Easy Virtue", de Stephan Elliott (Reino Unido)
17h30 - "Homem andando na neve", de Masahiro Kobayashi (Japão)
19h45 - "Versalhes", de Pierre Schoeller (França)
22h - "Rebobine, por favor", de Michel Gondry (EUA)

Domingo (12)
13h15 - "O lar", de Ursula Meier (Suíça/França/Bélgica)
15h15 - "Os sete dias", de Ronit e Shlomi Elkabetz (Israel/França)
17h30 - "Velha Juventude", de Francis Ford Coppola (Romênia/França/Italia)
20h - "A onda", de Dennis Gansel (Alemanha)
22h - "Sukiyaki Western Django", de Takashi Miike (Japão)

Segunda (13)
14h - "A raiva", de Albertina Carri (Argentina)
16h - "Wonderful town", de Aditya Assarat (Tailândia)
18h - "Sobre o tempo e a cidade", de Terrence Davies (Reino Unido)
20h - "Cordeiro de Deus", de Lucía Cedrón (Argentina/França/Chile)
22h - "M - Vidas duplas", de Ryuichi Hiroki (Japão)

Terça (14)
13h - "Puffball", Nicolas Roeg (Reino Unido/Canadá)
15h15 - "O pai de Giovanna", de Pupu Avanti (Itália)
17h30 - "O banquete", de Mimmo Calopresti (Itália)
19h45 - "Gonzo: Um delírio americano", de Alex Gibney (EUA)
22h - "Quatro noites com Anna", de Jerzy Skolimowski (França/Polônia)

Quarta (15)
14h - "A mãe", de Antoine Catti e Pavel Kostomarov (Suíça/França/Rússia)
16h - "Intimidades de Shakespeare e Victor Hugo", de Yulene Olaizola (México)
18h - "Cavalo de duas pernas", de Samira Machmalbaf (Irã)
20h - "E Buda desabou de vergonha", de Hana Makhmalbaf (Irã/França)
22h - "Assim me diz a Bíblia", de Daniel Karslake (EUA)

Quinta (16)
14h - "A doce vida africana", de Cosima Spender (Reino Unido)
15h45 - "Gilbert & George - artista duplo", de Julian cole (Reino Unido)
18h - "Mataram a Irmã Dorothy", de Daniel Junge (EUA)
20h - "Africa Unite", de Stephanie Black (EUA/Jamaica)
22h - "Chris & Don: Uma história de amor", de Tina Maskara e Guido Santi (EUA)

Estação Botafogo 3:

Sexta (10)
13h40 - "Maior, mais forte, mais rápido", de Christopher Bell (EUA)
15h45 - "Involuntário", de Ruben Östlund (Suécia)
17h45 - "Sob as bombas", de Philippe Aractingi (França/Líbano/Reino Unido)
19h45 - "Vista para o mar", de Nicky Gogan e Paul Rowley (Irlanda)
21h45 - "Na hora de fechar", de Masahiro Kobayashi (Japão)

Sábado (11)
13h40 - "Chevolução", de Trisha Ziff e Luis Lopez (EUA)
15h45 - "Uma guerrilheira curda", de Annegriet Wietsma (Holanda)
17h40 - "As águas de Katrina", de Tia Lessin e Carl Deal (EUA)
19h30 - "Walt Disney & El Grupo", de Theodore Thomas (EUA)
21h45 - "De repente, o inverno passado", de Gustav Hofer e Luca Ragazzi (Itália)

Domingo (12)
13yh40 - "Darling! Transformando vidas", de Julian Shaw (Austrália)
15h45 - "Depois da queda de Bagdá", de Kassin Abid (Reino Unido/Iraque)
17h45 - "A guitarra", de Amy Redford (EUA)
19h45 - "Fomos à terra dos sonhos", de Guo Xiaolu (China)
21h45 - "REC", de Jaume Balagueró e Paco Plaza (Espanha)

Segunda (13)
13h40 - "Operando milagres", de Josua Z. Weinstein (EUA)
15h45 - "Mortas por honra", de Buthina Canaan Khoury (Palestina)
17h45 - "A corte do norte", de João Botelho (Portugal)
20h15 - "A história desconhecida de New Orleans", de Dawn Logsdon e Lolis Eric Elie (EUA)
21h45 - "Anita O´Day: A vida de uma cantora de jazz", de Robbie Cavolina e Ian McCrudden (EUA)

Terça (14)
13h40 - "A milicia de Camarões", de Osvalde Lewat-Hallade (França/Camarões)
15h45 - "Durakovo: vila de tolos", Nino Kirtadze (França/Alemanha)
17h45 - "Diego Rivera: A revolução do olhar", de Gabriel Figueroa Flores e Diego López (México)
20h - "Lucio: anarquista, falsificador e ladrilheiro"
21h50 - "Ser como os outros", de Tanaz Eshaghian (EUA/Canadá/Irã)

Quarta (15)
13h40 - "O sal desse mar", de Annemarie Jacir (França/Palestina/Suíça)
15h45 - "Criando laços", de Yin Lichuan (China)
17h45 - "Celia, a rainha", de Joe Cardona e Mario de VArona (EUA)
19h45 - "Raquela, uma Cinderela com algo a mais", de Olaf de Fleur Johannesson (Islândia)
21h45 - "Combinação selvagem: um retrato de Arthur Russell", de Matt Woff (EUA)

Quinta (16)
13h40 - "Refugiados pela vida", Hady Zaccak (Emirados Árabes/Líbano)
16h00 - "Uma petição para Alá", de Ali Reza Amini (Irã)
17h45 - "Parto orgásmico", de Debra Pascali-Bonaro (EUA)
19h45 - "Minha mágica", de Eric Khoo (Singapura)
21h45 - "Confidencial", de Peter Galison e Robb Moss (EUA)

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

15 Filmes que dão uma aula sobre preconceito racial

Títulos como “Moonlight” e “Estrelas Além do Tempo” têm colocado o tema no centro das atenções

Marvel Studios divulga pôsteres incríveis de "Guardiões Galáxia Vol 2"

Filme estreia nos EUA em 27 de abril

10 Filmes que você vai querer ver nos cinemas em abril

"Joaquim" e "Guardiões da Galáxia Vol. 2" estão entre os destaques do mês

Pennywise está assustador em nova foto de "It: Uma Obra-Prima do Medo"

Adaptação do livro de Stephen King estreia em setembro

Aquaman rouba a cena em novo teaser de "Liga da Justiça"; assista

Filme estreia no dia 16 de novembro

Ryan Gosling explica risada durante gafe no Oscar 2017

Apresentadores entregaram o prêmio ao filme errado