Guia da Semana

Filmes alemães estão em cartaz neste mês

Projeto Ciclos de Cinema promove exibições sextas e sábados

Os Ciclos de Cinema de novembro levam filmes alemães ao auditório do Museu Arqueológico de Sambaqui. As produções foram selecionadas a partir do acervo legendado em português do Goethe-Institut São Paulo, contemplando cineastas como Helmut Käutner, Volker Schlöndorf, Pierre-Hery Salfati, entre outros. As sessões ocorrem sextas e sábados, às 19h15, com entrada grátis.


Programação:

05/11 - A ruiva (Die Rote). Helmut Käutner. 1962, p&b, 90 min.

06/11 - Despedida de ontem (Abschied von Gestern). Alexander Kluge.1966, p&b, 88 min.

12/11 - A Apreensão (Die Beunruhigung). Lothar Warneke. 1981, p&b, 96 min.

13/11 - Poder dos sentimentos (Die Macht der Gefühle). Alexander Kluge. 1983, p&b e cores, 115 min.

19/11 - Igreja São Nicolau (Nikolaikirche). Frank Beyer. 1995, cores, 133 min.

20/11 - A música e o silêncio (Jenseits der Stille). Caroline Link. 1996, cores, 109 min.

26/11 - A Nona (Die Neunte). Pierre-Henry Salfati. 2004, cores, 80 min.

27/11 - Nono dia (Der neunte Tag). Volker Schlöndorff. 2004, cores, 97 min.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

"Mulher-Maravilha" ganha coleção de colecionáveis pela Funko

Lançamento vem para entrar no clima do novo filme da heroína

“A Grande Muralha” – Zhang Yimou abraça a fórmula de Hollywood em aventura com Matt Damon

Filme também traz a atriz chinesa Tian Jin como comandante de um exército

Elenco de "Simplesmente Amor" se reúne em sequência especial do filme

Curta-metragem vem para arrecadar fundos à instituição de caridade britânica

Emma Watson aparece em novas imagens de "A Bela e a Fera"; confira

Atriz contou à EW sobre a transformação de Bela em uma princesa empoderada

Star Wars ganha título em português e acaba com mistério sobre último jedi

"Episódio VIII" se chamará "Os Últimos Jedis" e chega aos cinemas em dezembro

Conheça 4 animações brasileiras que vão te surpreender

Descubra esse lado ainda pouco reconhecido (mas muito premiado) do cinema nacional