Guia da Semana

Juiz proíbe distribuição do longa Giallo

Ator Adrien Brody afirma não ter recebido cachê

25 de novembro de 2010

Vencedor do Oscar de melhor ator por seu trabalho em O Pianista, Adrien Brody conseguiu na justiça a proibição da distribuição do filme Giallo-Reféns do Medo. O ator, que é protagonista do longa, acusa a produtora de não ter pago seu cachê e direitos de imagem, que chegam a aproximadamente US$ 640 mil.

O juiz federal norte-americano que cuida do caso, proibiu a distribuição e venda do filme em todo território dos EUA. No Brasil, porém, Giallo-Reféns do Medo pode ser encontrado em qualquer locadora.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

"Mulher-Maravilha" ganha coleção de colecionáveis pela Funko

Lançamento vem para entrar no clima do novo filme da heroína

“A Grande Muralha” – Zhang Yimou abraça a fórmula de Hollywood em aventura com Matt Damon

Filme também traz a atriz chinesa Tian Jin como comandante de um exército

Elenco de "Simplesmente Amor" se reúne em sequência especial do filme

Curta-metragem vem para arrecadar fundos à instituição de caridade britânica

Emma Watson aparece em novas imagens de "A Bela e a Fera"; confira

Atriz contou à EW sobre a transformação de Bela em uma princesa empoderada

Star Wars ganha título em português e acaba com mistério sobre último jedi

"Episódio VIII" se chamará "Os Últimos Jedis" e chega aos cinemas em dezembro

Conheça 4 animações brasileiras que vão te surpreender

Descubra esse lado ainda pouco reconhecido (mas muito premiado) do cinema nacional