Guia da Semana

Juiz proíbe distribuição do longa Giallo

Ator Adrien Brody afirma não ter recebido cachê

25 de novembro de 2010

Vencedor do Oscar de melhor ator por seu trabalho em O Pianista, Adrien Brody conseguiu na justiça a proibição da distribuição do filme Giallo-Reféns do Medo. O ator, que é protagonista do longa, acusa a produtora de não ter pago seu cachê e direitos de imagem, que chegam a aproximadamente US$ 640 mil.

O juiz federal norte-americano que cuida do caso, proibiu a distribuição e venda do filme em todo território dos EUA. No Brasil, porém, Giallo-Reféns do Medo pode ser encontrado em qualquer locadora.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Título do novo "Star Wars" é revelado: "The Last Jedi"

Oitavo episódio da saga chega aos cinemas em dezembro

"Batman vs. Superman" lidera indicações ao Framboesa de Ouro 2017; veja lista completa

Ao contrário do Oscar, premiação elege os piores filmes do ano

J.K. Rowling desmente boato sobre filme de "Harry Potter e a Criança Amaldiçoada"

"Não há verdade nos rumores sobre a trilogia", disse a escritora no Twitter

Após vídeo de supostos maus-tratos, pré-estreia de "Quatro Vidas de Um Cachorro" é cancelada

Universal Pictures divulgou comunicado oficial informando o cancelamento

Animação francesa “A Bailarina” é opção para as férias

Filme mostra uma menina que sonha em ser bailarina, mas, para isso, terá que aprender lições importantes de vida

Rede Cinesystem inaugura seu primeiro cinema em São Paulo

Com nove salas e projeção a laser, cinema promete ser o mais moderno da cidade