Guia da Semana

Sensação triplicada

Tubarões em sua direção, batalhas saltando da tela e a sensação de vôo livre em um precipício. Coloque seus óculos polarizados e curta a emoção do cinema 3D

Fotos: divulgação

O primeiro versão 3D da trilogia de Toy Story

Em busca de atrair o público e aumentar as bilheterias para as telonas, a indústria cinematográfica tenta reinventar as salas de exibição promovendo nesses ambientes um espaço para passar uma experiência exclusiva. Na era da pirataria e sites que permitem baixar gratuitamente filmes pela internet, a tecnologia tridimensional ganha uma releitura e volta aos cinemas, seduzindo cinéfilos e curiosos para conferir a evolução da sétima arte.

Ao longo da história

Embora seu início seja polêmico, acredita-se que a primeira exibição pública de filme em 3D foi realizada pelos irmãos Lumiére, em 1903. Com o título L'Árrivée du Train, tinha cerca de um minuto e mostrava a chegada de um comboio a uma estação. Durante a década de 50, as projeções 3D surgiram com a promessa de salvar o mercado cinematográfico, em baixa depois da chegada da televisão. O filme Bwana Devil (1952) tornou-se um sucesso e os estúdios aderiram a tecnologia lançando mais de 60 filmes.

Com a invenção do IMAX 3D nos anos 90, o cinema sofreu um novo boom, absorvendo a tecnologia que era usada não só nas grandes projeções, mas também em exposições e parques de diversões. Ainda sim, não emplacou. Depois do sucesso de Avatar - recorde de bilheteria na história do cinema americano, com mais de 2 bilhões de dólares -, acredita-se que o 3D voltou com força total, trazendo as grandes produtoras de Hollywood com os olhos para a tecnologia.

Hoje em dia, são quatro tipos de sistema de exibição tridimensional. O anágrifo é o mais simples, pode ser projetado em qualquer tipo de tela e necessita dos óculos de lente azul e vermelha. O Dolby Digital utiliza uma tela branca com um tratamento especial perolizado, que a torna mais cara. O Real D, atingindo 97% do mercado, tem a película refletida em uma tela prateada (adotado pela rede Cinemark). Por último o IMAX, com tela maior, possui duas faixas de filmes que correm simultaneamente pelo mesmo projetor, necessitando também de óculos polarizados.


O ogro Shrek fecha a série em salas tridimencionais

De acordo com o Sindicato das Empresas Distribuidoras Cinematográficas do Rio de Janeiro, o país possui 2376 salas de cinema, sendo 101 com a tecnologia 3D. Na bilheteria, as salas tridimensionais têm mostrado força e representam 8% do valor arrecadado e 5,5% do público, encerrando 2009 com R$ 79 milhões.

O que vem por aí...

Confira algumas películas que passarão pelos cinemas brasileiros em 2010:

Com estreia prevista para 26 de fevereiro, os estúdios da Pixar inicía o lançamento da série Toy Story, que conta as aventuras do boneco cowboy Wood, agora em formato 3D. A sequência, Toy   Story 2 vai para os cinemas dia 5 de março e fechando a sequência, o terceiro filme ( Toy Store 3), programado para 25 de junho, com a opção de ser assistido em formato Disney Digital 3D e IMAX 3D.

Em 26 de março, a DreamWorks Animation entra em cartaz com a animação Como Treinar o Seu Dragão ( How to Train Your Dragon), baseado no livro infantil de Cressida Cowell. A história apresenta um mundo mítico para contar sobre um filho de um chefe viking que para ser iniciado na hierarquia da tribo precisa capturar e matar um dragão.

Ansiosamente aguardado pelo público e crítica, a clássica obra de Lewis Caroll, Alice no País das Maravilhas ( Alice in Wonderland), estreia 23 de abril nos cinemas brasileiros. Além do formato 3D, o diretor Tim Burton, pretende eternizar a personagem com a participação de Mia Wasikowska no papel de Alice e Johnny Depp, encarnando o Chapeleiro Maluco. Pelos trailers divulgados, os efeitos especiais e as animações prometem agradar o espectadores.

Alice no País das Maravilhas apresenta um mundo onírico e nonsense

Com um enredo que mostra a união de um alienígena com um humano em busca de salvar um planeta alienígena, o longa A Batalha por T.E.R.R.A ( Battle for T.E.R.R.A) é lançado em 21 de maio nos cinemas. O filme aborda temas como amizade, sacrifício e alerta para a necessidade da defesa dos recursos naturais do planeta.

Já a quarta e última franquia da série, Shrek Para Sempre, não poderia ficar de fora e adere ao formato 3D. Com estreia para 9 de julho, a animação dirigida por Mike Mitchell mostra que, depois de várias aventuras, o ogro virou homem de família e vive tranqüilo em seu povoado, isso até assinar um contrato com o falante Rumplestiltskin, resultando em uma tragédia. Bem humorada, claro!

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Remake de "Rei Arthur" ganha novo trailer ao som de Led Zeppelin

Com direção de Guy Ritchie, longa chega aos cinema de maio

Emma Watson aparece cantando em novo vídeo de "A Bela e a Fera"

Atriz interpreta a canção "Belle", uma das primeiras do filme

Novos comerciais de "A Bela e a Fera" mostram cenas inéditas do filme

Live-action chega ao Brasil no dia 16 de março

Waiting for B. - documentário revela a rotina dos fãs que acamparam para ver show da Beyoncé

Filme integra a programação da Sessão Vitrine e estreia no dia 2 de março

15 Filmes imperdíveis que chegam aos cinemas em março de 2017

“A Bela e A Fera”, “Logan” e “Vigilante do Amanhã” estão entre as estreias do mês

"Mulher-Maravilha" ganha coleção de colecionáveis pela Funko

Lançamento vem para entrar no clima do novo filme da heroína