Guia da Semana

Um brinde à animação

Saiba como é o mercado nacional de animação e os eventos que marcam o dia mundial do gênero

Divulgação
Curta nacional Leonel Pé-de-Vento, de Jair Giacomini, integra evento de comemoração à data

Quem acredita que animações de um passado remoto, como Branca de Neve e os Sete Anões (1937), que teve cerca de dois milhões de ilustrações produzidas de forma artesanal, foram o ponto de partida do gênero pode acreditar: no século XIX os primeiros experimentos nesta atividade começavam a aparecer. A história da animação começou oficialmente em 28 de outubro de 1892, quando Emile Reynaud apresentou, três anos antes dos irmãos Lumiére, no Museu Grevin, em Paris, a primeira projeção de seu teatro óptico. A demonstração é considerada o início do desenho animado no mundo.

Como forma de tributo, a data foi instituída como Dia Internacional da Animação. Difícil é imaginar métodos arcaicos de construir estes longas, em tempos em que é possível ver imagens digitalmente construídas que parecem reais nas telonas. Filmes como Madagascar, Shrek, Expresso Polar e muitos outros são exemplos.

Guilherme Alvernaz (foto), diretor de animação da produtora Oca Filmes, explica que a animação sempre contou com um processo artesanal de produção e isso não difere muito hoje em dia. Mudaram sim as ferramentas que o animador utiliza para a produção de seus filmes. "O lápis e o papel continuam coexistindo com o computador, bem como a massa de modelar o recorte e qualquer outra técnica utilizada na produção. Atualmente o computador entrou tanto como um complemento nessas técnicas como quanto ferramenta básica em uma nova técnica de animação que é a animação em 3D, ou CGI", completa.

TÉCNICAS DE ANIMAÇÃO
3D ou CGI - é a animação produzida diretamente no computador, que simula um ambiente tridimensional com luzes, sombras e texturas próximas do real.

2D - é a animação com lápis e papel, também chamada de animação tradicional, uma vez que é a técnica mais difundida e conhecida. Aqui cada pose do personagem é desenhada separadamente em uma seqüência lógica que, quando projetada em uma determinada velocidade (24 quadros por segundo), dá a impressão de movimento. Mas o termo 2D hoje em dia engloba toda animação feita em duas dimensões, como as executadas em flash por exemplo.

Stop motion - é a animação feita com objetos reais, sejam bonecos de massinha ou qualquer outro objeto fotografado quadro a quadro.

Motion capture - não é exatamente uma técnica de animação. Consiste na captura dos movimentos reais de um ator e na transposição desses movimentos para um personagem em 3D. É mais como um suporte para o desenvolvimento da animação.

Cutout - é a animação feita de recorte de papel seguindo a mesma técnica do 2D e do stop motion. Hoje em dia existem vários softwares que simulam essa técnica.

Fonte: Guilherme Alvernaz, diretor de animação


Animação no Brasil

Mesmo com uma produção muito tímida em relação aos Estados Unidos, por exemplo, a animação brasileira está em expansão e tem motivos para comemorar o dia. Enquanto no exterior a técnica completou 115 anos, por aqui contabiliza uma história que começou há nove décadas. Segundo dados da Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA), a animação brasileira conta com um total de 19 filmes, sendo que quatro foram feitos no ano passado, entre eles Brichos, que já estreou nos cinemas, e Garoto Cósmico (foto), que ainda não tem data definida para lançamento.

"A região que mais produz animações é a Sudeste, incluindo curtas, longas, séries e publicidade. Estima-se que atualmente em torno de 100 produtoras de animação atuam no mercado brasileiro", informa o diretor de animação Andrés Lieban. Ele ainda comenta que atualmente há 20 filmes em fase de produção e pré-produção no Brasil e se alivia com a entrada no país num mercado que movimenta algo em torno de US$ 90 milhões no mundo.

O movimento do mercado estimula também a comemoração da data. Este ano, o Dia Internacional da Animação contará com uma mostra de curtas brasileiros e estrangeiros que acontecerá simultaneamente em 50 cidades brasileiras, às 19h, do dia 28/10. Para se ter uma idéia, quatro anos atrás, quando a data entrou para o calendário nacional, um pequeno evento foi feito no Sesc Vila Madalena, em São Paulo. Os dois anos seguintes contaram com celebrações e quatro e 19 cidades, respectivamente.

Luciana Druzina, Diretora de Eventos ABCA e Coordenadora Nacional do Dia Internacional da Animação, afirma que a expectativa de público é de 40 mil pessoas. No mundo, a data contará com eventos em 51 países, muitos dos quais receberão curtas brasileiros por meio de um intercâmbio de produções.

Confira a programação completa do Dia Mundial da Animação em www.abca.org.br/dia

Animações que vem aí!*
Ta Dando Onda - 26 de outubro

Deu a Louca na Cinderela - 15 de novembro

A Lenda de Beowulf - 30 de novembro

Bee Movie - A Históra de uma Abelha - 7 de dezembro

Meu Monstro de Estimação - 1º de fevereiro de 2008

Wall-E - 27 de junho de 2008

*Datas sujeitas a alteração

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

15 Filmes para ver em streaming e curtir o feriado no sofá

Neste Dia do Trabalho, assista aos melhores filmes em cartaz nos serviços de streaming

“La La Land” chega ao streaming para deixar seu feriado mais perfeito

Filme com Emma Stone e Ryan Gosling estreia no Looke, Now, Vivo Play e Google Play.

10 Filmes da seleção de Cannes que você vai querer ver em 2017

Biografia de Godard e novos filmes de Michael Haneke e Roman Polanski são destaques no festival

Filmes exibidos em Cannes têm desconto no streaming no mês de maio

Now e ITunes fazem promoção cinéfila para acompanhar o festival

26 remakes ou reboots que você nem acredita que estão nos planos de Hollywood

"Os Pássaros", "A Mosca" e "Eu Sei O Que Vocês Fizeram No Verão Passado" estão entre os filmes que podem ganhar novas versões nos cinemas

“Corra!” – terror sobre preconceito racial é uma das melhores coisas que você verá nos cinemas neste ano

Filme de Jordan Peele estreia no dia 18 de maio nos cinemas