Guia da Semana

Boletim pendurado

Saiba como ajudar o seu filho a se sair melhor no próximo semestre



A chegada do mês de julho é aclamada pela maioria das crianças. Porém, para aqueles que rechearam o boletim com notas vermelhas, este é o melhor período para se recuperar e rever tudo o que não foi absorvido durante o primeiro semestre.

Muitos pais aproveitam as férias escolares e procuram locais especializados em reforço escolar. Alguns tomam medidas por conta própria e, juntos com os pequenos, tentam reparar o que foi perdido na primeira metade do ano.

O cotidiano atribulado da família e a falta de tempo para o acompanhamento escolar, podem ser algumas das causas do baixo rendimento. "Toda a criança depende da presença de um adulto, mas muitos pais e mães que ficam fora de casa acabam não se dando conta disso. Para a recuperação, é preciso estabelecer uma rotina disciplinar dentro de casa", explica Ivani Anauate Ghattas, coordenadora do Ensino Fundamental do Colégio Humboldt.

Além do modo de vida, outro problema apontado são as atividades extraescolares, que, por vezes, acabam resultando no acumulo de conteúdos. "O mau desempenho se dá por eles não saberem como estudar. Temos casos de crianças que seguem métodos de estudos planejados pelos pais", aponta Ivani.

Nos casos em que há dificuldades de aprendizagem ou raciocínio, as aulas de reforço são importantes para retomada das boas notas. Antes disso, é importante recorrer a uma avaliação especializada, geralmente feita por um psicopedagogo, e verificar se o pequeno apresenta algum distúrbio.  



A participação da família contribui muito para o ensino da criança. Confira algumas dicas para a melhora do desempenho escolar:

- Demonstrar interesse sobre o que a criança aprendeu na escola. Peça que ela lhe ensine algo. Faça perguntas e comentários;

- Estabeleça horários de estudo e lazer;

- Pergunte se ela tem dificuldades em alguma disciplina;

- Acompanhe diariamente a agenda do seu filho;

- Por ser um forte atrativo para a criançada, controle o uso da internet;

- Defina um horário para os estudos, a lição de casa e as demais atividades fora da escola;

- Ofereça ajuda, mas não faça as tarefas por ele;

- Estimule a pesquisa e a leitura;

- Observe a conduta da criança nos momentos em que ela estuda e quando realiza suas tarefas.

Fotos: Getty Images.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte