Guia da Semana

Estreia na banheira

Momento inesquecível para os pais, o primeiro banho também é motivo de bastante insegurança. Confira algumas dicas para tornar este ritual mais fácil para você e o seu bebê

Foto: Getty Images


A chegada de um bebê sempre traz uma mudança de rotina, que apesar da ansiedade, oferece experiências únicas aos pais. Entre os ritos de passagem mais tradicionais, está o primeiro banho. Apesar da insegurança, a verdade é que este momento pode ser encarado como uma oportunidade para unir ainda mais a família, mesmo com o estranhamento do recém-nascido frente à nova experiência.

De acordo com o pediatra Moisés Chencinski, autor do livro Gerar e Nascer - um canto de amor e aconchego, além da aproximação entre pais e bebê, o acontecimento tem um papel importante no desenvolvimento do sistema neurológico, já que atua em diversos sentidos sensoriais - visual, tátil, olfativo e auditivo. Além disso, é fundamental para determinar como será esse hábito nos anos seguintes, que deve ser relacionado como algo prazeroso do dia-a-dia.

Antes de cair na água

Antes de iniciar o ritual, alguns cuidados básicos são essenciais. O banho deve ser dado em um ambiente livre de correntes de ar, com portas e janelas fechadas. Além disso, é aconselhável lavar bem a banheira e desinfetá-la com álcool antes do uso.
Outro detalhe importante é separar previamente tudo o que será utilizado mais tarde. Tenha à mão o sabonete neutro, toalha macia, algodão, fralda descartável, e álcool 70%, para limpar o coto umbilical e as roupinhas.

Já a profundidade da banheira deve ser de cerca de 15 cm. A água deve ser morna, entre 36ºC e 37ºC. Para testar, o ideal é colocar o antebraço na água e conferir se está agradável. Detalhe importante: cheque a temperatura antes - nunca acrescente água fria ou quente enquanto a criança estiver lá dentro.

Na banheira

Foto: Getty Images


Com os preparativos prontos, é chegada a hora de envolver o bebê com a toalha e segurá-lo de maneira firme e delicada. Após esse passo, deve-se inclinar a cabeça dele sobre a banheira e lavar seu rosto com água morna e os cabelos com sabonete neutro. Para secar a cabeça, pressione-a levemente, sem esfregar a toalha no couro cabeludo.

Feito isso, retire as fraldas e limpe as genitais com água morna e algodão, de frente para trás, evitando levar resíduos de fezes para a uretra. Ao contrário do que muitos pais costumam fazer, o uso de lenços umedecidos não é indicado. Eles podem ser úteis se houver necessidade de trocar o bebê durante passeios, em uma idade mais avançada.

Chegou a hora

Ao segurar o bebê durante o banho, alguns pais podem ficar inseguros, já que ele parece ainda mais frágil nessa situação. Para facilitar, deixe a banheira em uma altura confortável, colocando o bebê na água firmemente com o braço na axila esquerda do bebê, de maneira que as costas e o pescoço dele se apóiem no seu antebraço. Embaixo, apóie o bumbum com a mão direita e lentamente o leve à água, até que ele se sinta confortável.

A seguir, com a espuma (jamais esfregue o sabonete diretamente na pele do bebê), lave o peito, os braços, a barriga, as pernas e a parte da frente dos genitais.  Retire o sabão e vire o bebê com a mão direita, apoiando-o no braço esquerdo para lavar suas costas e o bumbum. O banho deve ser rápido, mas algumas regiões do corpo do recém-nascido precisam de atenção especial, como os genitais, as dobrinhas, as axilas, o pescoço, as orelhas, as mãos e os pés, que podem acumular sujeira, suor e felpo de roupas.

Cuidados com o umbiguinho

Foto: Getty Images


A limpeza do umbigo deve ser feita com cuidado especial durante o primeiro banho. Nessa hora, a maioria dos pais fica em dúvida sobre como deve ser feita a higiene do local, para que ele não machuque ou infeccione. Mas com jeitinho e delicadeza, a tarefa é bem mais simples do que parece.

A primeira coisa a ser feita é higienizar o local com água e sabão neutro e depois, ao secar o bebê, aplicar álcool com concentração de 70%, em movimentos circulares, para retirar toda a sujeirinha acumulada. Geralmente, depois de 15 dias, o coto umbilical é eliminado pelo corpo. É quando se deve ficar atento ao fechamento completo da região, que segundo os médicos, deve ficar arejada, sem gaze ou curativos.

Toque final

Quando retirar o seu filhote da água, coloque-o sobre a toalha aberta no trocador e seque-o de cima para baixo, sem esquecer das orelhas, dobrinhas e vãos entre os dedos das mãos e dos pés. A seguir, coloque a fralda, vista o bebê e penteie os cabelos com escovinha de cerdas macias.  Se ele tiver muito cabelo, evite deitá-lo no berço com os fios muito molhados, pois a umidade favorece o desenvolvimento de micoses.

A mãe deve ficar atenta aos produtos de higiene utilizados no bebê. O sabonete deve ser neutro e para a hidratação da pele. Após o banho a mãe pode passar óleo de amêndoas doces para combater irritações.  O uso de talcos, xampus ou colônias não é recomendável nos primeiros meses, pois os produtos podem desencadear alergias e a criança pode aspirar o pó para os pulmões, provocando problemas respiratórios.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte