Guia da Semana

Hora de ir para a cama

Arrumar a malinha e ir para a casa do amiguinho pode ser um sonho para algumas crianças, para outras, a noite é bastante longa



Imagine a cena: o amiguinho do seu filho vem dormir na sua casa e, no meio da noite, ele acorda chorando e pedindo pelos pais. Situação frequente entre os 5 e 6 anos, alguns pequenos enfrentam a "aventura" de passar a noite longe do seu quarto como normal e bastante divertida. Já, para outros baixinhos, o incomodo de deixar os pais pode acarretar em muito choro e xixi na cama.

A inquietação durante a noite acontece porque os pequenos não sabem se os pais estão bem. "Na porta da escola, por exemplo, a criança chora não porque a mãe não vai voltar, mas porque ela acha que a mãe não vai ficar bem sem ela. Os filhos se preocupam com os pais e isso acontece também na hora de dormir fora de casa. Então, se os pais estão bem, os filhos também ficam", explica Angela Herrera, terapeuta de família da Vínculo Vida, que ainda afirma que a dificuldade é maior dos pais. "O casal precisa mais da criança do que ela do casal", diz.

Não há uma idade ideal para que seu filho durma fora de casa, mas há um momento certo para que ele crie essa autonomia. "Algumas crianças tornam-se independentes mais cedo, por exemplo, já dormindo sem precisar da companhia dos pais no quarto. Para outras, isto acontece um pouco mais tarde", explica a psicóloga Maria Beatriz Andriolo Siqueira.
Quando os pequenos ficam, tranquilamente, por algumas horas na casa de um amigo, os pais já têm um indicador de que a criança ficará bem durante a noite. Para acostumar os pimpolhos, o primeiro passo é testar o comportamento levando os baixinhos para passar a noite na casa dos avós. 



O desejo de dormir fora de casa deve vir da garotada. "Claro que com a permissão dos pais, quem deve convidar o amiguinho é a própria criança, isso traz mais segurança", afirma a terapeuta de família. E, para acostumar os pimpolhos à nova situação, Maria Beatriz destaca que é no dia-a-dia que o casal é espelho para os filhos.

Se, por exemplo, ao escovar os dentes, a criança já demonstra curiosidade em segurar a escova, pode ser um bom momento para ensiná-la. "Fazer estas atividades de rotina na frente dos pequenos é um bom estímulo para que eles tentem fazer sozinhos também. Aos poucos a criança vai adquirindo novos hábitos, como trocar de roupa e comer sem precisar de ajuda", completa.


  Dicas
  • Deixe a criança levar algum brinquedo ou objeto que goste (como fraldinha de pano, urso de pelúcia, por exemplo) de casa. Isto pode confortá-la;
  • Leve o travesseiro. Isto também pode ser um aliado na hora de dormir;
  • Deixe sempre mais de um número de telefone onde ela possa encontrar os pais, se precisar. Não é interessante que os pais liguem a todo o momento para saber do filho, pois pode causar insegurança na criança. O ideal é combinar um horário, talvez perto da hora de dormir, para que o pimpolho conte como foi o seu dia;
  • Se o pequeno ainda usa chupeta ou mamadeira, é bom deixar com os pais do coleguinha, dando as recomendações necessárias conforme a criança estiver acostumada;
  • Não abuse de recomendações, já que é um momento de lazer;
  • Deixe os responsáveis à vontade para ligar se houver qualquer dúvida. É importante que os pais conheçam os hábitos da família do amiguinho e que confie neles.


Fotos: Sxc.hu/ Getty Images

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte