Guia da Semana

Mande Bem no Vestibular

Confira algumas dicas de quem já enfrentou a maratona de exames e se deu muito bem



Encarar uma bateria de provas sem ter esgotamento físico e mental, nem perder o foco, parece uma missão impossível. Mas não é. Acredite: há quem tenha enfrentado essa maratona sem se desesperar; e obtido excelentes resultados.

Esse é o caso do universitário Luciano Menasce Rosset, hoje com 18 anos. Em 2009, o jovem passou por todas as etapas do vestibular: colégio em período integral, simulados, Enem, Fuvest,vestibulares... e acabou com uma coleção de aprovações no currículo.

Luciano teve ótimas notas no Enem e foi aprovado em Engenharia nos exames mais cobiçados pelos vestibulandos: Fuvest, Unicamp e Mauá, além de ter ficado na lista de espera da Ufscar. "Eu entrei na Poli em Engenharia Mecatrônica e acabei trocando de curso durante o ano; agora faço Ciências Moleculares. Pretendo terminar este curso e retomar a faculdade de Engenharia na Poli mesmo", conta o universitário.

Méritos à parte, o preparo do jovem começou muito antes da época do vestibular. No 9º ano do Ensino Fundamental, Luciano se matriculou em um colégio de ponta, onde ficou até o 3º ano do Ensino Médio. Sem fazer cursinho, o adolescente aproveitou as aulas integrais e os simulados propostos pelo Colégio Vértice, o primeiro colocado no ranking do Enem 2009.

"Eu queria fazer Engenharia na Poli ou em outra universidade pública e sabia que precisava estudar. A preparação deve começar no primeiro ano do Ensino Médio e se intensificar no último ano, quando há revisão de conteúdo e foco no vestibular", comenta Luciano.


A Voz da Experiência



Praticamente um expert em vestibular, Luciano dá algumas dicas para os vestibulandos manterem o autocontrole e darem o melhor de si em cada teste. "A primeira coisa que o jovem tem de ter na cabeça é que o estresse nessa fase é normal. Aconteça o que acontecer, ele vai ficar estressado", garante.

Mas, então, como driblar tanta adrenalina e canalizar conhecimento e raciocínio para obter bons resultados? "Não precisa estudar muitas horas por dia, mas é importante revisar todo o conteúdo das aulas. Entrar em contato com a matéria todo dia garante aprendizado e fixação do conteúdo", orienta.

Segundo Luciano, estudar excessivamente uma semana antes da prova ou na véspera também não adianta. "Quem estuda desesperadamente alguns dias antes não mentaliza, não memoriza, não aprende nem decora fórmulas. E isso só deixa o vestibulando ainda mais nervoso, pois ele acha que não vai saber o conteúdo da prova".

Outra dica é fazer simulados ao longo do ano e buscar na internet as provas anteriores. "É bom olhar as provas das universidades que você escolheu e tentar resolvê-las, mesmo que seja uma parte de cada matéria. Isso permite que se entre em contato com a linguagem da prova, o conteúdo e o tempo para resolvê-la", recomenda.

Um dia antes do teste, a dica é descansar, ingerir alimentos leves e dormir cedo. "No dia do exame, não se pode esquecer de levar algo para beber e para comer", reforça Luciano.

Enem x Vestibular

Tanto o Enem quanto os vestibulares tradicionais são testes de conhecimento e resistência. Afinal, enfrentar horas de prova e manter o rendimento não é tarefa fácil. Mas cada exame tem suas particularidades. "O Enem é mais trabalhoso, mas traz menos conteúdo do que o vestibular. Para ir bem no Enem é preciso resistência, porque a prova é muito extensa, são dois dias seguidos; e a prova é bastante cansativa", relembra Luciano.

As redações também têm diferenças. Segundo Luciano, a proposta de redação do Enem é mais flexível e ampla do que a os vestibulares tradicionais. "No Enem, há mais liberdade para argumentar. É apresentado um tema geral e você pode escolher por qual caminho seguir. Já no vestibular, a dissertação deve defender esse ou aquele ponto de vista, é tudo mais restrito".

Como última dica, o jovem lembra que a Fuvest divide igualmente as respostas entre as alternativas. "Se você perceber que marcou muito uma letra só, é melhor revisar, porque com certeza as maiores chances de erro estão nessas repetições", orienta.


Fotos: Getty Images

Atualizado em 25 Abr 2012.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte