Guia da Semana

Qual é a data certa para a criança andar?

Dar os primeiros passos é algo gradativo e que demanda muito carinho e segurança

Foto:Getty Imagens


A hora de aprender a andar é o final de um ciclo para a criança, ela se torna mais independente e ganha maior liberdade para explorar o mundo. Seu desenvolvimento acontece de forma gradativa e todas as etapas precisam ser respeitadas, a cada novo gesto, o bebê está se preparando para uma conquista futura.

Passo a passo

Por volta dos seis meses, sentam apoiados nas mãos e já se arrastam, assim, estão desenvolvendo a postura para engatinhar. Mas, próximo ao nono ou oitavo mês os pequenos já começam a engatinhar, nesta fase já conseguem sentar sem apoio nas costas.

Entre 10 e 11 meses já dão os primeiros passos, mas precisam segurar nas mãos de um adulto para se firmar. As crianças só costumam andar entre 12 e 16 meses, a fisioterapeuta Denise Gurgel explica, "Algumas podem adiantar um pouco ou engatinhar mais próximo dos 12 meses, tudo dependerá do quanto a criança é estimulada, do quanto ela própria se estimula com o meio e da maturação pessoal".

Tipos de pais

Além de ser uma época de muitas conquistas e aprendizados para os filhos, esta fase traz também lições importantes para os adultos. Segundo a fisioterapeuta há dois tipos de pais, um tem medo de que a criança se machuque com os tombos e tropeços, mas isto faz parte do processo, "aprender a andar é um teste de equilíbrio e controle de forças para a criança". O importante é não demonstrar medo e passar segurança ao pequeno.

Já os pais do segundo tipo ficam ansiosos e começam a estimular a marcha muito antes de seu filho estar preparado, não entendem que cada um tem seu próprio ritmo. Sobre estes, o pediatra Éden Arantes afirma que é um erro muito comum e explica "começam a forçar a criança a andar antes do período natural, que é próximo aos 12 meses. Forçam a criança a ficar em pé, sem apoio", tanta estimulação precoce pode atrapalhar a estrutura física da criança.

Para dar mais segurança ao bebê e incentivá-lo a ficar em pé e andar, muita gente usa o andador, mas começar a caminhar sem estar preparado para isto pode trazer graves conseqüências. De acordo com o pediatra "o uso do andador é inadequado, pois sobrecarrega os membros inferiores da criança". É como se algumas etapas do desenvolvimento natural fossem puladas. A fisioterapeuta Denise Gurgel também é contra o andador, ela complementa "atrapalha e não é aconselhável, interferindo no aprendizado do andar, levando a desorientação espacial, incoordenação motora e distúrbio da fala".

Medo do novo

Esta nova fase pode ser intimidadora aos pequenos, um jeito de lhes passar mais segurança é ter paciência, se informar bem sobre quais são as etapas do desenvolvimento e deixar o corpinho do bebê se preparar naturalmente. É importante elogiar a cada nova conquista e evitar demonstrar preocupação ou gritar quando acontecer uma queda. Além disto, a casa deve ser adaptada, é necessário recolher os tapetes e tirar do alcance objetos pontiagudos e móveis com quinas, deste modo, os tombos são seguros.

Brincar pode ser um ótimo exercício de estimulação motora, mas é importante que a criança tenha um espaço físico livre para se movimentar. A fisioterapeuta dá uma dica "Se os pais puderem participar desses momentos brincando com os seus filhos, com certeza contribuirão para um desenvolvimento feliz e saudável". Também há exercícios passivos e massagens que os pais podem fazer nos bebês, assim, ele descobre seu corpo e sente-se livre para explorar o ambiente.

Vale lembrar que o desenvolvimento infantil precisa ser acompanhado por um pediatra e, caso a criança não consiga andar até os 16 meses, é preciso procurar um especialista para detectar a causa do atraso motor.

Fonte:
Dr. Eden Douglas Arantes, médico pediatra
Diretor da Clínica Médica Uni-Neo .
Telefone: (11) 5575-7413.

Denise Gurgel Barbosa, fisioterapeuta
Professora de Shantala
www.cursoshantala.com.br
Telefone: (11) 7697-9398

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte