Guia da Semana

África Hoje

Projeto exibe documentários africanos realizados no Brasil, na Caixa Cultural SP

Este evento terminou

África Hoje

Data 29 Mai 2012-10 Jun 2012
29 de maio a 10 de junho de 2012

Preço(s) Grátis

Horário(s) Terça a domingo às 16h, 17h30 e 19h

Praça da Sé, 111, 01001-001

Telefone (11) 3321-4400

A CAIXA Cultural São Paulo apresenta entre 29 de maio e 10 de junho o projeto África Hoje, primeira mostra exclusiva e internacional de documentários africanos realizada no Brasil. A programação traz debates e 24 filmes exibidos em sessões únicas. 

>> Confira a programação do circuito alternativo do cinema em SP 

Com curadoria do moçambicano Pedro Pimenta, organizador do Dockanema, principal festival internacional de documentários na África, e da cineasta Luciana Hees e organização do cineasta Marco Abujamra e da produtora Mariana Marinho, África Hoje oferece um panorama da produção africana contemporânea de documentários, realizados por cineastas de diversas nacionalidades (França, Egito, Espanha, Inglaterra, EUA e outros). Os filmes tratam de questões do continente, que em muitos aspectos dialogam com a realidade brasileira, além de oferecer uma vasta reflexão sobre a diversidade da condição humana. 

Dia 29/05         
16h - Dolce Vita africana (Cosima Spender, 2008, 59min, Inglaterra/Londres)
17h30 – Nomads’Home (Imam Kamel, 2010, 61min, Egito)
19h - Dias de Sea Point (Francois Verster, 2008, 96m, South Africa)
Dia 30/05           
16h - Khanimambo Moçambique (Constance Latourte, 2010, 54m, Moçambique/ Chile/França)
17h30 - Congo em quatro atos (Dieudo Hamadi, Divita Wa Lusala, Kiripi Katembo Siku, Patrick Ken Kalala, 2010, 71min, EUA/NY)
19h - Sister in Law (Kim Longinoto e Florence Ayisi, 2005, 104m, UK/ Camarões)
Dia 31/05
16h - Egito, estamos vigiando você (Liela Menjou e Sherief Alkatsha, 2007, 53m, Egito)
17h30 - As bruxas de Gambaga (Yaba Badoe, 2010, 60m, Ghana)
19h - Kinshasa Symphony (Martin Baer, Claus Wischmann, 2010, 95min, Alemanha)
Dia 1/06        
16h – Marrabentando (Karen Boswall, 2003, 52min, Moçambique)
17h30 - Dolce Vita (Cosima Spender, 2008, 59min, Inglaterra/Londres)
19h - Andar é Dançar (Deborah Stratman, 2005, 40min, EUA/Malawi)
Debate 19h45: com participação de Marco Abujamra, Luciana Hees, Mahomede Bamba e Alessandra Maleiro
Dia 2/06
16h - Behind the Rainbow (Jihan El-Tahri, 2003, 55min, África do Sul)
19h - Dansa Als Esperits (Ricardo Iscar, 2009, 78min, Espanha)
Dia 4/06
16h - Nem allah, nem mestre (Nadia El Fani, 2011, EUA/NY)
17h30 - Egito, estamos vigiando você  (Liela Menjou e Sherief Alkatsha, 2007, 53m, Egito)
19h - A Milicia de Camarões (Oswalde Lewat-Hallade, 2006, 90min, Camarões/França)
Dia 5/06         
16h - Nomads Home (Imam Kamel, 2010, 61min, Egito)
17h30 - Dansa Als Esperits (Ricardo Iscar, 2009, 78min, Espanha)
19h - Congo em quatro atos (Dieudo Hamadi, Divita Wa Lusala, Kiripi Katembo Siku, Patrick Ken Kalala, 2010, 71min, EUA/NY)
Dia 6/06         
16h - Cartas de Angola (Dulce Fernandes, 2011, 63min, Portugal/ Angola)
17h30 - Andar é dançar (Deborah Stratman, 2005, 40min, EUA/Malawi)
19h - As bruxas de Gambaga (Yaba Badoe, 2010, 60m, Ghana)
Dia 7/06
16h – Batuque (Julio Silvão Tavares, 2005, 52min, Cabo Verde)
17h30 – Subverses (Ella Raidel, 2011, 45m, Moçambique)
19h - Angano... Angano... Tales from Madagascar (Marie-clemencé e Cesar Paes, 1989, 63min, Madasgascar/ França)
Dia 8/06          
16h - Fronteira de Amor e Ódio (Camilo de Souza, 2008, 33min, Moçambique)
17h30 – Marrabentando (Karen Boswall, 2003, 52min, Moçambique)
19h – Oxalá Cresçam Pitangas (Kiluange Liberdade e Ondjaki, 2006, 60min, Portugal)
Mahaleo (Ceasar Paes e Raymond rajaonarivelo, 2005, 102m, Magadascar/França)
Dia 9/06
16h – Subverses (Ella Raidel, 2011, 45min, Moçambique)
17h30 - Khanimambo Moçambique (Constance Latourte, 2010, 54min, Moçambique/ Chile/França)
19h - Mahaleo (Ceasar Paes e Raymond rajaonarivelo, 2005, 102m, Magadascar/França)
Dia 10/06          
16h - Outras Frases (Jorge António, 2003, 52min, Portugal)
17h30 – Batuque (Julio Silvão Tavares, 2005, 52min, Cabo Verde)
19h – As duas faces da guerra (Diana Andringa e Flora Gomes, 2007, 100min, Portugal)

Compartilhe

Mapa do local

Powered by ParkMe

Comentários

Explore ao redor

Museu Padre Anchieta

Museu Padre Anchieta

147m

Empada Caipira

Empada Caipira

152m

Nicolas Café

Nicolas Café

165m

Sebo Nova Floresta

Sebo Nova Floresta

168m Conheça o Sebo Nova Floresta, uma opção para ler muito e gastar pouco no centro de São Paulo

Comida de Rua 24h

Comida de Rua 24h

172m Chefs e botecos famosos da cidade vendem suas especialidades a preços populares

Palco Praça da Sé

Palco Praça da Sé

172m Local receberá três palcos com o melhor do samba e pagode na Virada Cultural 2015

Notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças