Sítios Arqueológicos

Conheça alguns roteiros nacionais que revelam muitos segredos dos nossos antepassados

Última publicação: 06/09/2011


Parque Nacional da Serra da Capivara foi tombado pela UNESCO como patrimônio histórico da humanidade

De acordo com a Lei 3.924, de 26 de julho de 1961, todos os sítios arqueológicos são considerados bens patrimoniais da União e contam com proteção especial. Em 2002, a Portaria 230 estabeleceu estudos criteriosos de impacto arqueológico na licença ambiental de qualquer obra com o objetivo de preservar informações importantes para a memória coletiva.

Dados não oficiais apontam que o Brasil possui mais de 20 mil sítios arqueológicos espalhados pelo seu território. O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, o Iphan, tombou seis espaços repletos de sítios em todo o país: Sambaqui do Pindaí, em São Luís, no Maranhão; Parque Nacional da Serra da Capivara, em São Raimundo Nonato, no Piauí; Inscrições Pré-Históricas do Rio Ingá, no município de Ingá, na Paraíba; Sambaqui da Barra do Rio Itapitangui, em Cananéia, São Paulo; Lapa da Cerca Grande, em Matozinhos, Minas Gerais; e a Ilha do Campeche, em Florianópolis, Santa Catarina. Conheça um pouco mais sobre alguns deles.

Ilha do Campeche (Florianópolis) - Entre os sinais deixados pelos povos antigos, estão símbolos geométricos, flechas, zoomorfos, antopomorfos e algumas máscaras. Estudiosos apontam que só esta região possui mais inscrições rupestres que a Ilha de Santa Catarina, a Ilha do Arvoredo e Ilha das Aranhas. Segundo informações, são mais de 100 inscrições distribuídas em 10 sítios arqueológicos. Para chegar ao local, existem três pontos de saída de barcos: A partir da praia da Armação, da praia do Campeche e da Barra da Lagoa. Os valores variam de R$ 15,00 a R$ 35,00.

Lapa da Cerca Grande, Matozinhos (MG) - A cidade tem como grande potencial turístico a sua característica arqueológica. A Lapa da Cerca Grande é uma ampla gruta com 2 km de comprimento, com sete entradas e treze aberturas para luz externa. Especialistas que realizaram estudos na região encontraram cerca de 300 figuras, além de vestígios arqueológicos, como um esqueleto em posição sentada com a cabeça entre os joelhos. Além disso, foram descobertas também evidências de cultura indígena pré-cerâmica.

Parque Nacional Serra da Capivara (Piauí) - Com um perímetro de 214 km, o parque ocupa áreas dos municípios de São Raimundo Nonato, João Costa, Brejo do Piauí e Coronel José Dias, em Piauí. Entre suas principais características, a grande concentração de sítios arqueológicos, com pinturas e gravuras rupestres. No parque, estão registrados 912 sítios divididos em grutas e sítios ao ar livre, como por exemplo aldeias de caçadores, de ceramistas e sítios funerários. O Parque funciona diariamente, das 7h às 17h. O ingresso custa R$ 3,00 e o percurso dá direito a visita de 121 sítios arqueológicos.

Foto: Wikipedia

Comentários

Destaques do guia