Guia da Semana
Arte
Por Redação Guia da Semana

Entrevista: Elizabeth Savala

Atriz, que está em SP com uma comédia, fala da carreira, da peça e de novos projetos.

Por Douglas Brito




Paulistana nascida no bairro do Butantã, Elizabeth Savala mudou-se para o Rio de Janeiro aos 19 anos para atuar em sua primeira novela, Gabriela. Em 2005, a atriz comemora 30 anos de carreira e volta para São Paulo com a peça Friziléia, uma Esposa à Beira de um Ataque de Nervos, uma comédia que narra a história de uma mulher insatisfeita com a vida. O espetáculo estreou no dia 11 de março, no Teatro Bibi Ferreira e vai até 18 de dezembro. Confira a resenha da peça!

A atriz falou com exclusividade para o Guia da Semana e contou alguns detalhes do espetáculo, da sua personagem, novos projetos e da relação com o público. Confira a entrevista!

Em uma cena típica do cotidiano familiar, Friziléia se vê presa aos afazeres domésticos e ainda tem que enfrentar a falta de dinheiro. "Ela está numa situação limite, e esse é o dia D, ou melhor, o dia F, dia de Friziléia", explica a atriz.

Com o casamento e os filhos, Friziléia é obrigada a cuidar da casa e está totalmente fora do mercado de trabalho. E, quando tenta ajudar no Orçamento doméstico com alguns trabalhos artesanais, o resultado é cômico. "Ela até que tenta, mas não tem a mínima habilidade", conta Elizabeth.

O realismo da montagem é grande, segundo a atriz. "Nenhuma mulher na face da Terra não se identifica com a Friziléia", afirma. Tanto que a atriz ouve muitas mulheres espantadas com a semelhança com suas próprias vidas. "No fim da peça, elas me falam: ´Isso é Big Brother´, ´Vocês colocaram uma câmera em casa´. É incrível", diz em meio às risadas.

Elizabeth afirma que tenta ao máximo aumentar a interação com as pessoas durante o espetáculo. "Eu desço e ando no meio deles, o público realmente participa". Além disso, a atriz acha essencial essa relação em uma apresentação com humor. "A comédia é bem mais solta. Pode dizer o que você quiser". Bem mais à vontade com o gênero, Elizabeth comemora esse período mais maduro da sua carreira e principalmente, os personagens engraçados que interpreta. "Graças a Deus passei a fase da mocinha", afirma, relembrando o começo da carreira.

Como nasceu em São Paulo, mas morou, casou e teve filhos no Rio, Elizabeth fica dividida ao falar dos dois lugares. Hospedada e um hotel na região da Paulista, ela se deslumbra. "Daqui tenho uma linda vista do parque (Trianon) e da cidade. Eu adoro São Paulo", diz com um sotaque carioca. Apesar de não sentir nenhuma diferença em relação à platéia das duas cidades, ela define o estilo de cada uma. "O Rio não é uma cidade voltada para o teatro, já São Paulo é mais preparada para receber as peças", conclui.

Além do trabalho no teatro, Elisabeth está na televisão com a nova novela das seis, Alma Gêmea, de Walcyr Carrasco e com direção de Jorge Fernando. O autor e o diretor também trabalharam juntos na novela Chocolate com Pimenta, onde Elizabeth fez o divertido papel de Jezebel. Na nova produção da Globo, a atriz não tem esse aspecto cômico. "É dessa vez eu sou mais séria", conclui.

Atualizado em 6 Set 2011.

Mais notícias

Conheça a 'Transe', plataforma digital que promove e conecta agentes das artes visuais no Brasil

Arte

Cirque du Soleil lança site especial durante a quarentena; saiba tudo!

Arte

15 museus brasileiros para visitar online

Arte

8 lives de galerias e museus para você curtir arte em casa

Arte

Curitiba recebe visita de museu egípcio itinerante; saiba mais!

Arte

Google Arts & Culture disponibiliza tour virtual e coleções digitais do acervo do Museu Nacional

Arte