Guia da Semana
Arte
Por Redação Guia da Semana

Migração interna

Baseado em pesquisas, utilizando cartas, notícias, trechos de filmes relacionados à imigração, Strangenos estreou no Espaço dos Satyros e fica em cartaz até maio.

Foto: Juliana Dias


Quando um artista pensa em produzir um monólogo, a primeira coisa em que ele precisa pensar é em como prender o público, pois é uma pessoa em cima de um palco, com ou sem cenário, rodeada de telespectadores ansiosos para assistir a um espetáculo.

Assim é em Strangenos, espetáculo do Teatro Labirinto que estreou essa semana no Espaço Satyros I, na Praça Roosevelt. Dirigido pela costarriquenha Gina Monge, nele, o ator Daniel Alberti interpreta diversos personagens que estão em busca de um sonho que vai desde o trabalho até a vontade de uma mãe em receber a visita de um filho. Tudo começa no escuro com muito jogo de luzes e somente um homem e um banco no centro do palco.

A expressão corporal é o destaque, pois Albert passa de um personagem ao outro por meio de movimentos com o corpo em que quando se comprime se transforma em uma velhinha italiana ou quando está com a postura mais reta, em um interiorano que se aventurou na cidade grande, mas sente saudades de casa. A loucura, espera, solidão também são representadas por alguns dos muitos personagens que aparecem durante os 60 minutos de apresentação.

Outro destaque também é a integração com o público. O espaço é pequeno, cabem apenas 70 pessoas, e o ator conversa, brinca com os espectadores, tendo até alguns imprevistos e mostrando que a improvisação também faz parte do espetáculo. Além disso, Daniel Alberti e Gina Monge conversaram com os espectadores após a apresentação para escutar dúvidas e ouvir sugestões de todos sobre o trabalho. Strangenos fica em cartaz até 27 de maio.

Leia a coluna anterior de Maraísa Bueno:


A moda pega

Quem é a colunista: Maraísa Bueno.

O que faz: jornalista e repórter da equipe do Guia da Semana.

Pecado Gastronômico: uma boa massa e, é claro, chocolate!

Melhor Lugar do Brasil: minha casa, na pequena cidade de Serrania, sul de Minas Gerais (também não dispenso uma boa praia!).

Para Falar com ela: maraisabf@gmail.com, no twitter (@maraisabf) ou acesse seu blog


Atualizado em 10 Abr 2012.

Mais notícias

Conheça a 'Transe', plataforma digital que promove e conecta agentes das artes visuais no Brasil

Arte

Cirque du Soleil lança site especial durante a quarentena; saiba tudo!

Arte

15 museus brasileiros para visitar online

Arte

8 lives de galerias e museus para você curtir arte em casa

Arte

Curitiba recebe visita de museu egípcio itinerante; saiba mais!

Arte

Google Arts & Culture disponibiliza tour virtual e coleções digitais do acervo do Museu Nacional

Arte