Guia da Semana

13 Filmes inspirados em fatos reais (que parecem mentira)

De possessão ao voodoo, conheça as histórias reais por trás dos filmes de terror.

Vale tudo na hora de vender um filme, não é mesmo? Vale até jurar de pés juntos que a história que você está prestes a ver nas telas – seja de demônios, alienígenas ou até animais gigantes – foi inspirada em fatos reais.

Quando o longa finalmente chega aos cinemas, muita gente se sente enganada ao perceber que esses fatos estão um pouco longe do “real”, mas, se pensarmos bem, tudo depende do que você entende por “inspiração”.

O Guia da Semana listou 13 filmes que se dizem inspirados por fatos reais, mas que não enganam ninguém. Confira:

Galeria de fotos

  • Invocação do Mal (2013)
  • A Bruxa de Blair (1999)
  • Horror em Amityville (1979)
  • O Exorcismo de Emily Rose (2005)
  • Contatos de 4º grau (2009)
  • Cloverfield (2008)
  • Atividade Paranormal (2007)
  • O Exorcista (1973)
  • A Hora do Pesadelo (1984)
  • A Bolha Assassina (1958)
  • O Iluminado (1980)
  • King Kong (1933)
  • Chucky, O Boneco Assassino (1988)

Atualizado em 2 Abr 2016.

Por Juliana Varella
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Cinemark inaugura nova unidade no shopping West Plaza

Cinema é o mais completo da rede na capital paulista e marca os 20 anos da empresa no Brasil

10 Filmes imperdíveis que estreiam nos cinemas em outubro de 2017

Sequência de “Blade Runner” e novo filme de Kathryn Bigelow são destaques

Bilheterias: Kingsman 2 supera It – A Coisa e tem abertura melhor que o longa original

Filme chega ao Brasil na próxima quinta-feira, 28

Mostra Internacional de Cinema de São Paulo revela pôster e primeiras atrações

Vencedores da Palma de Ouro e do Festival de Toronto são destaques entre os filmes confirmados na programação

Estreias da semana: "Mãe!", "Esta é a Sua Morte – O Show" e mais 6 filmes

Suspense de Darren Aronofsky com Jennifer Lawrence promete dividir opiniões

“Ensaio Sobre a Cegueira” tem sessão gratuita com debate no MIS

Filme será acompanhado por bate-papo com historiadora