Guia da Semana
Cinema
Por Juliana Varella

“La La Land”: musical com Ryan Gosling e Emma Stone está conquistando a crítica mundial e promete ser seu próximo filme favorito

Novo filme de Damien Chazelle estreia em janeiro nos cinemas brasileiros.

Longa foi aplaudido no festival de Veneza, onde Emma Stone foi premiada como Melhor Atriz (Foto: Divulgação)

Quem diria que um musical – no estilo mais old school, com os personagens cantando e dançando em cena enquanto expressam seu amor à música, ao cinema e um ao outro – se tornaria uma febre instantânea entre críticos do mundo inteiro. Exibido recentemente nos festivais de Veneza e Telluride, “La La Land”, terceiro longa de Damien Chazelle (“Guy and Madeline on a Park Bench” e “Whiplash”) vem acumulando análises unanimemente positivas (a mais fraca disse que o filme “não é perfeito”) e já desponta como um dos queridinhos na corrida do Oscar 2017. Em Veneza, segundo a revista Variety, bastaram 10 minutos para que a audiência estourasse em aplausos, após a primeira sequência musical.

O encanto de “La La Land” contagiou até mesmo a concorrência: durante uma entrevista para divulgar “Sully – O Herói do Rio Hudson”, o ator Tom Hanks fez questão de citar o musical e elogiá-lo. “Quando você vê algo que é totalmente novo, que você não podia imaginar, você pensa ‘Graças a Deus que isso apareceu’, porque um filme como ‘La La Land’ seria um anátema para os estúdios. Em primeiro lugar, é um musical e ninguém conhece as músicas.” Depois, ele ainda completou a reflexão notando que esse não é um filme que segue alguma tendência específica e pelo qual o público já está esperando. Para desespero dos estúdios, esta não é uma sequência nem um remake e ninguém sabe quem são aqueles personagens. “Mas” – concluiu – “se o público não abraçar algo tão maravilhoso quanto isso, então estamos todos perdidos”.

E quem somos nós para discordar de Hanks, certo? Enquanto o filme não chega ao Brasil, saiba o que os principais veículos internacionais estão falando sobre ele:

“O mais audacioso musical de cinema em muito tempo e – ironia das ironias – é porque é o mais tradicional” – Owen Gleiberman, Variety

“’La La Land’ serve para nos lembrar de que filmes ainda podem ser mágicos, e ainda podem proporcionar o canal para que vejamos mágica no mundo ao nosso redor.” - Brian Tallerico, RogerEbert.com

“Amantes de musicais clássicos serão arrebatados por este absolutamente inesperado e original terceiro filme de Damien Chazelle” – Todd McCarthy, Hollywood Reporter

“Faz muito tempo desde que vimos algo tão lírico, adorável e, mais importante, original, na tela.” – Pete Hammond, Deadline

“La La Land quer nos lembrar do quão belos os sonhos meio-esquecidos dos velhos tempos podem ser – aqueles feitos de nada além de faces, música, romance e movimento. Ele tem a cabeça nas estrelas e, por um pouco mais do que duas horas maravilhadas, te leva junto até elas.” – Robbie Collin, Telegraph

“Como ‘Whiplash’ provara, as maiores habilidades de Chazelle estão em capturar a fisicalidade da música” – Eric Kohn, Indiewire


Por Juliana Varella

Atualizado em 15 Set 2016.

Mais notícias

Divulgados trailer e pôster inéditos do filme "Cruella"; confira!

Cinema

Resenha: 'En las estrellas'

Cinema

Confira a lista dos indicados ao Oscar 2021

Cinema

Oscar 2021: saiba onde assistir aos filmes indicados

Cinema

10 mostras de cinema online para conferir em março de 2021

Cinema

Mostras de cinema gratuitas e online para conferir em fevereiro

Cinema