Guia da Semana
Cinema
Por Redação Guia da Semana

007 - Cassino Royale

O agente 007 se envolve numa aventura com financiadores do terrorismo e uma bela mulher.

007 - Cassino Royale

Diretor: Martin Campbell

Elenco: Judi Dench, Daniel, Mads Mikkelsen, Eva Green, Daniel Craig

País de origem: EUA/ING

Ano de produção: 2006

Classificação: 14 anos

Baseado no primeiro livro de Ian Fleming, 007 - Cassino Royale conta uma das primeiras missões do famoso agente britânico. Escrita em 1953, a história acontece pouco depois de James Bond se tornar o sétimo a conseguir a nomeação "00", a licença para matar. No filme, ele também é um novato no cargo, mas tudo se passa nos tempos atuais sem haver uma continuidade com os demais filmes da série, o que não traz nenhum prejuízo.

>> 50 anos de 007 nos cinemas
>>
Confira as estreias da semana nos cinemas
>> Top 10 traz as maiores bilheterias do fim de semana

James Bond é mais impulsivo que no resto da série, mesmo assim ele tem que desmembrar uma quadrilha de empresários violentos e inescrupulosos que planejam financiar o terrorismo com dinheiro sujo. O nome do filme remete a um jogo de pôquer em que o agente está na mesa com Le Chiffre (Mads Mikkelsen), um desses criminosos, que precisa ganhar naquele jogo uma quantia superior a US$ 100 milhões, porém 007 não vai permitir que seja tão fácil. Com a ajuda de Vesper Lynd (Eva Green) e de sua chefe M (Judi Dench), o agente promete suar muito pra impedir que os vilões atinjam seus objetivos. Logo numa das primeiras cenas, há uma longa perseguição que tira o fôlego dos espectadores e anuncia que o filme terá muita ação em seus 144 minutos.

Daniel Craig não foi o primeiro Bond a viver nas telas a história de Cassino Royale. Já em 1953, Barry Nelson atuou num filme para a TV, e em 1967, foi a vez de David Niven atuar numa versão cômica, com a participação do famoso comediante Peter Sellers. Nenhum dos dois longas, porém, é considerado oficial da série, já que não foram produzidos pelos detentores dos direitos de James Bond. Craig, aliás, foi muito criticado por ser escolhido para ser o novo agente. Considerado muito baixo, muito feio ou mesmo muito loiro para interpretar o personagem, o ator não decepciona a quem vai conferir. Logo no início da película, é dito que um agente 00 não tem vida longa, mas o próprio filme vem provar que depois de 44 anos na função, o Bond dos cinemas continua intacto.


Notícias recomendadas

Saiba como assistir ao Oscar 2021 na TV e Internet

Cinema

Divulgados trailer e pôster inéditos do filme "Cruella"; confira!

Cinema

Resenha: 'En las estrellas'

Cinema

Confira a lista dos indicados ao Oscar 2021

Cinema

Oscar 2021: saiba onde assistir aos filmes indicados

Cinema

10 mostras de cinema online para conferir em março de 2021

Cinema