Guia da Semana
Jogos
Por Álvaro Saluan, Pizza Fria

Acer Predator XB253Q GX | Review

Eu confesso, sou bastante novato na coisa dos monitores gamers. Porém, nos últimos meses, tive fazendo uma série de pesquisas.

Eu confesso, sou bastante novato na coisa dos monitores gamers. Porém, nos últimos meses, tive fazendo uma série de pesquisas para enfim garantir o meu. A partir disso, um mundo então desconhecido, se abriu pra mim. Detalhes nos jogos, contraste de telas, os tais hertz, variedade de painéis, tantas coisas que acabamos por ficar perdido. Depois de assimilar tantas informações, escolhi o meu (que é bem de entrada, vale ressaltar): o AOC G2 Hero 27′ 144hz 1ms. Mas por qual motivo estou falando isso? Pois bem, irei tê-lo como base para falar do incrível Acer Predator XB253Q GX, modelo robusto de 25′ (24,5 visíveis), com suporte a 240hz, 0,5ms, HDR 400 e compatível com G-Sync.

Mas sem mais delongas, vamos para as nossas impressões sobre o interessante modelo da Acer em mais uma análise do Pizza Fria!

Acer Predator XB253Q GX
Este é o Acer Predator XB253Q GX. (Imagem: Divulgação)

Recursos e especificações

Sinceramente, eu já ficava bem satisfeito com a experiência obtida em um monitor de 144hz. Ele atendia a minha demanda, sobretudo tendo suporte ao G-Sync (minha placa é uma RTX 3060 Ti). Com essa tecnologia, o monitor entrega totalmente o seu potencial, não sendo possível perceber aspectos como desfoque de movimento e quadros rompidos (o famoso tearing). Na realidade, esse salto de monitores padrão para os monitores chamados gamers foi muito interessante, pois foi só assim que percebi o potencial da minha placa de vídeo. E esse aspecto foi ampliado com o Acer Predator XB253Q GX, que conta com compatibilidade com G-Sync.

Em minha experiência, joguei na maior parte do tempo títulos competitivos como Counter Strike: Global Offensive e Valorant, e a diferença dos frames totais é notável, embora não te faça um assassino em série dentro do jogo, ao contrário do que muita gente acredita. Mas é verdade que seus 240hz (sem overclock) aliados a 0.5ms de tempo de resposta ajudam bastante na fluidez do jogo. Portanto, esse monitor é um bom modelo para jogadores que levam a competição a sério, pois um milissegundo pode fazer toda a diferença em um round. Mas essas grandes especificações contam com um “problema” para nós brasileiros: o valor. O Acer Predator XB253Q GX chega a custar em torno de R$ 2400,00, um valor considerável.

Acer Predator XB253Q
A caixa do Acer Predator XB253Q. (Imagem: Álvaro Saluan)

O Acer Predator XB253Q GX conta com a resolução FHD (1920×1080) mostrado em um painel IPS de cores excelentes, que conta com uma tela antirreflexos também excelente, apresentando uma luminosidade nativa de 400nits e um fraco HDR 400, que não correspondeu às minhas expectativas. Ao ser ativado, as cores ficaram meio estouradas e não foi tão legal quanto eu esperava que fosse.

Tudo isso somado, excluindo o HDR, claro, traz uma qualidade única para jogos, não deixando nada a desejar e cumprindo perfeitamente o seu papel. Nesse aspecto, o monitor sobra. E o melhor de tudo, é que ele também conta com caixas de som de 2w embutidas que, embora não tenham um som tão potente, auxiliam em tarefas mais básicas, já que pra jogar, o essencial é um fone de ouvido de qualidade. Ou seja, neste ponto, mesmo quebrando um galho, o áudio do Acer Predator XB253Q GX é ruim.

Acer Predator XB253Q GX
Na imagem, vemos a parte traseira do modelo e algumas de suas várias entradas. (Imagem: Divulgação)

Construção e acessórios

Logo ao montar o Acer Predator XB253Q GX, já fui surpreendido com o peso de seu suporte, que parece ser feito em ferro. Ele é estilizado, mas sem aquele exagero gamer. Desta forma, ele não tem LEDs ou muitas cores, contando apenas com a logo da Predator e detalhes em vermelho. No resto, ele mantém tons de cinza escuro e preto. E está maravilhoso assim. Ainda sobre o suporte, ele permite movimentos variados e ajuste de altura. O único problema que percebi foi que ele não tem um organizador de cabos, o que seria muito bom.

Na lateral que fica a nossa esquerda, ele apresenta duas portas USB 3.0 que podem ser muito úteis. Outras duas entradas USB 3.0 também estão na parte traseira do modelo, acompanhadas por uma entrada de fones de 3.5mm. Os botões de acesso a menus e outras opções ficam na parte de trás da nossa direita, sendo bem fáceis de se utilizar. Eles consistem em 3 botões normais e em 1 com quatro eixos. Por fim, ele conta com um led pequeno que indica se está ligado ou desligado.

Acer Predator XB253Q GX
Os botões de menu do Acer Predator XB253Q GX facilitam muito nas configurações (Imagem: Divulgação)

Sobre as entradas de vídeo, o Predator XB253Q GX apresenta boas opções. Ele é equipado com uma DisplayPort 1.4 e duas entradas HDMI 2.0. E o melhor: os cabos para ambas entradas estão disponíveis na caixa. Vale lembrar que para quem deseja utilizar o G-Sync e os 240Hz, é imprescindível o uso da entrada DisplayPort! Ainda sobre os cabos que acompanham o monitor, ele traz o tradicional cabo de energia e o cabo USB responsável pela conexão das portas laterais com o PC.

Desempenho em jogos

Agora, abandonando um pouco essa parte de números e termos complexos, vamos falar do que interessa: o Acer Predator XB253Q GX em jogos! Meus amigos, esse monitor entrega uma qualidade absurda. O jogo flui perfeitamente bem, sem quebras de linhas ou travadinhas desnecessárias ocorridas em transições rápidas. Mas vale ressaltar que para que isso ocorra, ele deverá ficar bem configurado e o mais importante, ter uma placa que aguente o tranco. Ao jogar títulos como Valorant e CS:GO, o monitor consegue ser surpreendente, onde os jogos fluem bem próximos dos 240Hz. Já jogos mais robustos como Control devem ser adequados, onde até mesmo a possibilidade de limitação de quadros pode ser uma boa ideia.

Em minha experiência pessoal com o Acer Predator XB253Q GX, senti toda a fluidez dos movimentos até mesmo na setinha do mouse. Até me permiti fazer comparações bestas com monitores mais simples e sim, é realmente perceptível a diferença. E honestamente eu achava que isso não fazia tanta diferença assim. Mas eu reforço aqui com vocês que isso não vai te transformar em um grande jogador competitivo, ao contrário do que muitos acreditam (e acabam sendo seduzidos pela possibilidade). O monitor é maravilhoso em jogos, mas não faz milagre!

Acer Predator XB253Q GX
O monitor é excelente contra reflexos. (Imagem: Álvaro Saluan)

Somando 240Hz, 0,5ms de resposta, seu tamanho preciso de 24,5 polegadas visíveis, compatibilidade com G-Sync, suas cores sólidas e vários detalhes citados nesta análise, o Acer Predator XB253Q GX pode ser um monitor ideal para quem quer qualidade e velocidade para jogar em níveis mais altos. Se você for entusiasta, claramente também lhe atenderá, mas o preço pode ser um problema. E ainda tem a questão do HDR, que deve ser citada novamente, pois certamente muitos devem estar se perguntando se ele vale a pena em jogos e a resposta é NÃO. Aliás, desconheço um monitor com essas características, nessa faixa de preço e que rode em 240Hz com HDR…

Vale a pena comprar o Acer Predator XB253Q GX?

Se você estiver interessado em investir uma grana em um monitor de qualidade, o Acer Predator XB253Q GX é uma excelente escolha. Apresentando cores muito nítidas em seu painel IPS em Full HD, 240Hz e 0,5ms, características essenciais para gamers e um design simples, mas funcional, o modelo da Acer surpreende e traz ótimas configurações. Inclusive, o menu do modelo é bem simples e funciona muito bem com o seu botão de quatro eixos. Seus únicos problemas são o valor, a ausência de um organizador de fios no suporte, seu seu áudio limitado e o fraco HDR, que mais parece artifício para deixar o modelo mais enxuto e vendável (como se precisasse).

Sendo assim, você que é gamer e é fã de um competitivo, o Acer Predator XB253Q GX é o modelo feito pra você! Caso você não leve tão a sério assim, ele pode ser muito útil também. No entanto, o mercado tem uma série de modelos em 144Hz e 1ms que certamente irá suprir sua necessidade. Portanto, vai muito de escolha e investimento. De qualquer forma, o modelo é excelente e se saiu bem em nossos testes.

*Review elaborada com produto cedido por empréstimo pela Acer.

Pizza Fria

Reviews, notícias e tudo sobre o mundo dos games

Por Álvaro Saluan, Pizza Fria

Atualizado em 6 Jul 2021.

Mais notícias

Dead Space Remake é anunciado para PC e consoles

Jogos

Battlefield 2042 revela “Portal”, uma nova experiência para os jogadores

Jogos

9 novidades que estarão em Dying Light 2 Stay Human

Jogos

Battlefield 1 e Battlefield V estão de graça no Prime Gaming

Jogos

Crash Bandicoot recebe bundle comemorativo de 25 anos para consoles

Jogos

Xbox Game Pass traz 12 novidades e 3 remoções em julho

Jogos