Guia da Semana
Jogos
Por João Gabriel Marques, Pizza Fria

Captain Tsubasa: Rise of New Champions | Review

Baseado no icônico mangá e anime, que fez sucesso no Brasil durante a década de 90 com o nome de.

Baseado no icônico mangá e anime, que fez sucesso no Brasil durante a década de 90 com o nome de “Super Campeões”, Captain Tsubasa: Rise of New Champions chegou na última sexta-feira, 28. Desenvolvido pela TAMSOFT CORPORATION e publicado pela BANDAI NAMCO Entertainment , o título, como seu material de origem, aborda o futebol, oferecendo gameplay diferenciado no que se diz respeito a um jogo de esportes.

Jogamos bastante e temos muito para contar. Pegue seu meião e sua chuteira e entre em campo para descobrir se a jogabilidade única será o bastante para agradar tanto fãs como iniciantes na franquia, em mais uma resenha do Pizza Fria!

Captain Tsubasa: Rise of New Champions: simples e divertido

O gameplay de Captain Tsubasa: Rise of New Champions lembra muito o de um jogo de futebol “realista”. Existem botões para chutar, tocar a bola, cruzar, desarmar o adversário e correr.

Mas algumas simplificações, no entanto, estão lá. Não existem faltas nas partidas de Captain Tsubasa: Rise of New Champions e o juiz só para a partida no caso de impedimentos. Além disso, não existem combinações de botões para usar dribles, com um botão sendo mapeado exatamente para isso.

Isso pode sugerir que as partidas do título são caóticas, com jogadas ofensivas sendo privilegiadas por conta da ausência de faltas. No entanto, o sistema de ataque e defesa é balanceado e interessante de se aprender.

Captain Tsubasa: Rise of New Champions
Os chutes com barra carregada desencadeiam bonitas animações. (Imagem: Divulgação)

Marcamos o gol ao esgotar a barra de defesa do goleiro. Isso é feito com sucessivos chutes e manobras ofensivas destinadas ao mesmo. O medidor é reabastecido quando o goleiro sofre um gol ou quando um dos tempos da partida se encerra.

Quando estamos diante de um jogador adversário, ele pode tentar parar o atacante apertando o botão de correr ou o de defesa, que corresponde ao de drible no atleta com a bola. Se os dois apertarem o mesmo botão, o defensor consegue reivindicar a posse da bola. Se apertarem botões diferentes, o ataque prevalece.

Se um mesmo jogador conseguir driblar dois oponentes em um curto espaço de tempo, ele ganha uma melhoria temporária na velocidade e na rapidez em que prepara o chute. Assim, usuários são encorajados a arriscar dribles sucessivos para aumentar as chances de gol, ao mesmo tempo que arriscam levar um contra-ataque, já que um drible falho tira o jogador de ação por alguns instantes.

Faça jogadas incríveis no ataque, tanto quanto na defesa, em Captain Tsubasa: Rise of New Champions. (Imagem: Divulgação)
Faça jogadas incríveis no ataque, tanto quanto na defesa, em Captain Tsubasa: Rise of New Champions (Imagem: Divulgação)

Um medidor de stamina também impede que um único jogador execute muitas ações de ataque ou defesa, forçando-nos a recorrer a atletas menos habilidosos.

Assim, Captain Tsubasa: Rise of New Champions oferece um balanço entre ataque e defesa, bem como a jogadas individuais e em equipe. Arriscar um gol rápido com um bom jogador driblando três oponentes em seguida ou fazer uma jogada mais lenta, com toques de bola e menos risco na condução da bola até o gol adversário? As duas alternativas são válidas.

Futebol com gosto de RPG

A primeira vista, parece que Captain Tsubasa: Rise of New Champions é determinado apenas pela ação e habilidades motoras dos usuários. Porém, certos elementos estratégicos têm bastante peso. É muito difícil, por exemplo, diminuir a barra de defesa de um bom goleiro com um atacante que tem estatísticas medíocres na potência do chute. Outros jogadores conseguem conservar mais stamina após dribles, garantindo mais chance de uma manobra ofensiva ser bem-sucedida, alguns tem a velocidade maior do que a média, se deslocando pelo campo com agilidade, etc.

Existem, também, habilidades passivas, que aumentam status dos jogadores em determinadas condições; e ativas, com zagueiros tendo investidas mais eficientes na tomada de bola, por exemplo.

Executar manobras ofensivas e defensivas com sucesso alimentam um medidor especial, a “Zona V”. Ao ativar tal barra, todos os jogadores do time em questão recebem benefícios dependentes da habilidade especial de seu capitão. No geral, significa uma grande vantagem, que deve ser aproveitada para correr atrás de marcar um gol necessário para a vitória. Alternativamente, pode-se gastar a barra para impedir que o oponente marque, ativando uma defesa milagrosa do goleiro ou zagueiros.

Captain Tsubasa: Rise of New Champions
Goleiros podem executar uma defesa milagrosa se gastarmos o medidor especial de maneira defensiva. (Imagem: Divulgação)

Como podemos ver, apesar da superfície simples da jogabilidade, existe um sistema surpreendentemente complexo, quando nos aprofundamos em busca de melhorar e tomar proveito do tudo o que o título oferece.

O modo tutorial, inclusive, é excelente. Contendo todo tipo de jogada e sendo bem explicativo tanto sobre os comandos como acerca dos momentos em que devemos executá-los.

Conte sua história

O modo história de Captain Tsubasa: Rise of New Champions se divide em dois: o primeiro reconta a saga no campeonato juvenil do anime, na qual tomamos controle do Nakatsu F.C. e do protagonista da série, Tsubasa Ozora. Os eventos são contados por uma série de cenas animadas, e, apesar de longas, podem ser puladas por quem não tem interesse no enredo. Em contrapartida, novatos na franquia que desejarem saber mais sobre os personagens, podem acessar um menu separado, com informações mais detalhadas sobre cada um.

As partidas contra o computador também possuem cenas que são ativadas após certos eventos específicos, como um jogador específico ir para o ataque ou deixar um certo atleta adversário chegar muito perto do nosso gol. A maioria, porém, não é obrigatória. Poucas, além disso, alteram a partida com gols.

A mecânica não chega a ser frustrante, pois as cenas são rápidas e bem-feitas, além de não obrigatórias. Levar um gol vindo de uma animação, muitas vezes só significa que levaríamos tal gol da mesma maneira, pois o atacante adversário precisaria estar perigosamente perto do nosso goleiro para ativá-la.

Após concluirmos essa parte do enredo, nos voltamos ao prato principal: a “história novo herói”. Aqui, temos a oportunidade de criar nosso próprio personagem, escolher sua posição (entre zagueiro, meio campista e atacante), além de um entre três colégios onde começaremos nossa jornada.

Captain Tsubasa: Rise of New Champions
A criação de personagens em Captain Tsubasa: Rise of New Champions conta com muitas opções de customização (Imagem: Divulgação)

Diferente do habilidoso Tsubasa, nosso personagem começa com status bem ruins, que precisam ser refinados durante cada partida, através de ações e missões específicas. Jogar mal em certa área significa menos evolução em um aspecto do nosso futebol. Por exemplo, executar poucos chutes a gol, mas várias divididas resultará em acréscimo na nossa capacidade defensiva, ao mesmo tempo que deixamos a desejar no perigo ao gol do oponente.

Além disso, devemos equipar “cards da amizade”, equipamentos especiais que fortalecem nosso vínculo com personagens da série, tornando possível para nosso personagem aprender habilidades ligadas a tais jogadores. Também estão disponíveis itens específicos que aumentam nossa experiência por partida. Conseguimos esses equipamentos ao gastar “pontos de jogador”, obtidos em partidas do multiplayer ou contra a CPU.

Nosso personagem possui uma limitada quantidade de partidas para aprender habilidades e melhorar seus status, pois não é possível repetir partidas do modo história. Assim, deve-se tomar um cuidado extra para garantir sua boa performance, além de ter em mente jogadores da história que possuem habilidades desejáveis.

Após o fechamento do modo história de Captain Tsubasa: Rise of New Champions, nosso personagem é finalizado, com as habilidades e status conseguidos ao longo da campanha. Se não jogamos bem, contaremos, infelizmente com um personagem mediano.

O sistema é bem único e mais justo do que apenas gastar pontos e deixar nosso herói criado com todos as habilidades no máximo. Embora, admitidamente, pode ser frustrante gastar várias horas no desenvolvimento de um personagem para vê-lo não chegar ao potencial máximo.

As campanhas combinadas não são muito grandes, com 15 horas sendo suficientes para completar ambas. No entanto, a história do novo herói tem múltiplos finais, dependendo da escola que você escolhe para começar a carreira e escolhas feitas ao longo da mesma. Assim, o título estimula jogar mais de uma vez, o que também dá a oportunidade de fazer um personagem ainda mais habilidoso que o anterior.

O maior time do mundo é o meu

Todo o trabalho na criação de personagens leva ao multiplayer, outra parte importante de Captain Tsubasa: Rise of New Champions. Podemos criar nossa própria equipe, desde emblemas até uniformes. Usando tanto nossos jogadores criados como personagens da série. Alguns, inclusive, ganham benefícios ao jogarem no mesmo time, obtendo acesso a manobras ofensivas especiais. Um fator a mais que deve ser considerado quando montamos nosso esquadrão.

Como forma de evitar que todos usemos os melhores atletas disponíveis, há um limitador. Cada jogador possui uma quantidade de pontos atribuída a ele. Com aqueles que se destacam mais recebendo uma pontuação mais elevada. Não podemos, assim, ter o somatório de pontos maior que o permitido. Esse limite, porém, se torna maior conforme vamos avançando nas partidas ranqueadas online. Mais uma vez, Captain Tsubasa: Rise of New Champions se prova consciente, regulando um aspecto que poderia desbalancear a experiência.

Super Campeões
A Seleção Brasileira é uma das atrações de Captain Tsubasa: Rise of New Champions (Imagem: Divulgação)

Vale a pena comprar Captain Tsubasa: Rise of New Champions?

Captain Tsubasa: Rise of New Champions prova que é possível fazer jogos de qualidade juntando elementos de gêneros bem diferentes. Fãs da franquia certamente encontrarão muita diversão por aqui, assim como fãs de jogos de futebol em geral, que procuram uma experiência inovadora e diferente, ainda que simplificada em alguns aspectos.

Por fim, Captain Tsubasa: Rise of New Champions está disponível para para PlayStation 4, PC, via Steam, e Nintendo Switch. No Metacritic, o título alcançou uma média de 71 pontos na versão avaliada.

*Review elaborada em um PlayStation 4 padrão, com código fornecido pela Bandai Namco.

Pizza Fria

Reviews, notícias e tudo sobre o mundo dos games

Por João Gabriel Marques, Pizza Fria

Atualizado em 11 Set 2020.

Mais notícias

RollerCoaster Tycoon 3 Complete Edition grátis na Epic Games Store

Jogos

Amazon anuncia Luna, plataforma de jogos em nuvem

Jogos

DOOM Eternal chegará ao Xbox Game Pass em 1º de outubro

Jogos

Mafia: Definitive Edition | Review

Jogos

Super Mario 3D All-Stars | Review

Jogos

Tennis World Tour 2 | Review

Jogos
Guia da Semana Premium
Nosso conteúdo na melhor forma!

Aproveite o Guia da Semana de forma mais rápida, sem banners ou publicidade digital!