Museu Théo Brandão

Museu Théo Brandão

Horário(s) Terça a sexta, das 9h às 17h; sábados, das 14h às 17h.

Endereço
Avenida da Paz, 1490, 57020-440

Telefone (82) 3221-2651

Criado em 1975 e reinaugurado em 2001, o Museu Théo Brandão de Antropologia e Folclore possui um acervo com mais de três mil peças, incluindo objetos da cultura de norte a sul do Brasil e países como México, Espanha e Portugal. Mesmo assim, o destaque fica para as peças nordestinas, principalmente alagoanas, que incluem moringas, brinquedos populares, cerâmica, objetos de cultos, entre outras.

O nome do museu é relacionado ao professor e folclorista Théo Brandão, que doou grande parte do acervo à Universidade Federal de Alagoas. Um arquivo audiovisual e de documentos pertencentes a ele, com conteúdo sobre as antigas manifestações da cultura popular, também faz parte do material reunido no museu. O local oferece exposições permanentes e de curta duração. Não há estacionamento e o valor para a entrada do visitante é de R$2,00 (opcional).

Foto: Divulgação

Atualizado em 4 Mai 2012.

Compartilhe

Mapa do local

Comentários

Explore ao redor

War Zone Paintball

War Zone Paintball

4554m

Notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA