Guia da Semana
Na Cidade
Por Lid Capitani

15 exposições imperdíveis em São Paulo em janeiro de 2020

Que tal começar o ano visitando uma exposição de arte incrível? São Paulo tem muitas opções para você descobrir!.

Foto: Divulgação (via assessoria - Conteúdo Comunicação) I Divulgação (via assessoria - Press à Porter)

Começo de 2020 está repleto de boas exposições para visitar, seja de pintura, de instalações, multimídia, cinema, fotografia, música e até de quadrinhos. Por falar nesse assunto, os fãs de quadrinhos têm o que comemorar: neste mês ocorrem as exposições ‘Batman 80 anos’ e “Olá! Maurício”, sobre a Turma da Mônica.

Janeiro também está repleto de exposições de artes visuais e instalações, como ‘Tarsila para Crianças’, “Leonardo da Vinci - 500 anos de um gênio” e outras de arte contemporânea. Para os amantes de fotografia, há muitas exposições legais para descobrir os trabalhos de Susan Meiselas e Anna Bella Geiger, fotógrafas consagrados, entre outras tantas exposições.

Ficou curioso(a) para saber mais exposições? Com certeza você vai achar uma que te interessa. O Guia da Semana fez um roteiro de exposições imperdíveis para visitar em São Paulo em janeiro de 2020. Confira:

LEONARDO DA VINCI – 500 ANOS DE UM GÊNIO, MIS EXPERIENCE

Fotos: Divulgação (via Assessoria de Imprensa - Secretaria Especial de Comunicação do Governo de SP)

“Leonardo da Vinci - 500 anos de um gênio” é uma experiência imersiva, em que o visitante vai conhecer mais da vida e trabalho do gênio Leonardo da Vinci. A mostra conta com projeções, animações gráficas dos desenhos de Da Vinci, conteúdo multimídia, narrativas em áudio e muito mais. A exposição ainda traz uma análise da mais famosa pintura do artista “Os segredos de Mona Lisa”.

Quando: até 1 de março de 2020
Onde: MIS Experience (Rua Vladimir Herzog, 75 – Água Branca)
Quanto: R$30 (inteira) e R$15 (meia) | sábados, domingos e feriados, R$40 (inteira) e R$20 (meia) | às terças, a entrada é gratuita e sujeita à lotação.


MUSICAIS NO CINEMA, MIS

A exposição ‘Musicais no cinema”, concebida pelo Musée de la Musique - Philharmonie de Paris e inédita na América, segue em cartaz no MIS. A mostra faz um panorama do gênero cinematográfico nacional e internacional, desde os primórdios até os filmes mais recentes. A partir de fotografias, vídeos, cartazes, documentos de produção, figurinos e depoimentos, a exposição reúne filmes musicais de diferentes partes do mundo, e destaca grandes sucessos como "Cantando na chuva" (1952), "Amor, sublime amor" (1961) e "Dançando no escuro" (2000).

Quando: até 16 de fevereiro de 2020
Onde: MIS
Quanto: R$30 (inteira) e R$15 (meia). Às terças a entrada é gratuita (sujeita a lotação).


► RATOS E URUBUS, CCSP

Foto: Divulgação (via assessoria - Adelante Comunicação Cultural)

A exposição “Ratos e Urubus”, inaugurada dia 23 de novembro, fica em cartaz no CCSP até março de 2020. A mostra reúne obras de arte contemporânea que conversam com o desfile “Ratos e Urubus, larguem minha fantasia” (1989), da Escola de Samba Beija-Flor de Nilópolis, concebido pelo artista carnavalesco Joãosinho Trinta, cujo carro abre-alas foi o Cristo Mendigo. São obras de artistas como Arnaldo Antunes, Augusto de Campos, Barbara Wagner e Benjamin de Burca, Edu Marin, João Simões e mais, que reanimam o manifesto que gerou o desfile.

Quando: até 1º de março de 2020
Onde: CCSP
Quanto: Entrada gratuita


► MY NAME IS IVALD GRANATO EU SOU, SESC BELENZINHO

Esta é a primeira exposição do artista Ivald Granato após sua morte, em 2016, aos 66 anos. Ivald Granato era fluminense e trabalhou durante cinco décadas. A exposição mostra sua visão multi-perspectiva, destacando sua expressão pessoal e como ela se reflete em suas telas, sua forma de se relacionar com o mundo e a ligação direta de seus traços marcantes, as cores vivas e a gestualidade presentes em suas obras. Trata-se de uma seleção de pinturas, objetos, desenhos e cadernos do artista, com recursos multimídia, para captar a essência deste artista multifacetado.

Quando: até 26 de janeiro de 2020
Onde: Sesc Belenzinho
Quanto: gratuito


► ANTONIO BANDEIRA, MAM

Recém-inaugurada, a exposição de Antonio Bandeira fica instalada no MAM até março de 2020. São 700 obras do artista de Fortaleza, Ceará, nascido em 1922, que trilhou um caminho incomum na arte brasileira. Suas obras tratam de sensibilidade e de arte abstrata, com muita inspiração na natureza. O acervo expõe telas, guaches e aquarelas – abarcando diferentes momentos de sua produção artística, das primeiras pinturas figurativas às grandes telas de densas tramas e gotejamentos dos últimos anos.

Quando: até 01 de março de 2020
Onde: MAM
Quanto: R$ 10,00. Gratuidade aos sábados. Meia-entrada para estudantes e professores, mediante identificação.


ANNA BELLA GEIGER, MASP E SESC PAULISTA

Foto: Silvia Balady/Divulgação (via assessoria Balady Comunicação)

Anna Bella Geiger é uma artista brasileira pioneira que cruza dimensões e simbologias de ordens política e pessoal, corporal e conceitual, formal e estética. O ponto de partida da exposição é a obra mais emblemática da artista “Brasil nativo/Brasil alienígena” (1976/1977), em que a artista se apropriou de cartões-postais que representam de forma idealizada o cotidiano dos Bororo, povo indígena do Mato Grosso. A exposição esta dividida em dois locais, conta com sete espaços divididos em temáticas, no MASP, e instalações importantes da artista no SESC Paulista.

Quando: até 1 de março de 2020
Onde: MASP (Av. Paulista, 1578 - Bela Vista) e Sesc Paulista
Quanto: R$ 40 a inteira; R$ 20 a meia (terça a entrada é gratuita)


► SUSAN MEISELAS: MEDIAÇÕES, IMS

Iniciada dia 15 de outubro no IMS, a exposição é uma retrospectiva do trabalho da fotógrafa americana Susan Meiselas. São obras que datam de 1970 até os dias atuais, entre fotos, vídeos, filmes e documentos. Integrante da agência Magnum desde 1976, ela cobre uma vasta área, desde direitos humanos, identidade cultural até indústria do sexo. A exposição chama atenção para indivíduos e comunidades sujeitos à violência e à opressão na América Central, retrata a diáspora do povo curdo e também expõe as mulheres sobreviventes de abuso doméstico no Reino Unido.

Quando: até 1 de março de 2020
Onde: IMS São Paulo
Quanto: entrada gratuito


► O PASQUIM 50 ANOS, SESC IPIRANGA

A exposição “O Pasquim 50 anos”, no Sesc Ipiranga, celebra os 50 anos da primeira edição do Pasquim, periódico que marcou o jornalismo brasileiro por seu humor, liberdade, irreverência e criatividade. A exposição é gratuita e é possível reservar uma visita guiada para saber toda a história do jornal que marcou o jornalismo brasileiro.

Quando: até 12 de abril 2020
Onde: Sesc Ipiranga
Quanto: entrada gratuita


► EXPOSIÇÃO OLÁ MAURÍCIO!, FIESP

Foto: Divulgação (via assessoria - Press à Porter)

Os fãs de Turma da Mônica têm o que celebrar em janeiro de 2020. A Fiesp está com exposição sobre a vida e carreira do célebre autor da turminha mais encantadora do Brasil. A mostra comemora os 60 anos de trajetória do autor e quase 500 personagens criados. São personagens que fazem parte da cultura brasileira e que protagonizam histórias com importantes temas, como acessibilidade e sustentabilidade.

Quando: até 16 de fevereiro de 2020
Onde: Fiesp
Quanto: gratuito


► TARSILA PARA CRIANÇAS, FAROL SANTANDER

Está em cartaz no Farol Santander a exposição Tarsila Para Crianças, que utiliza tecnologia sensorial, cenários imersivos e narrativas integradas para retratar o imaginário de seres, cores e formas da pintora modernista Tarsila do Amaral. São dois andares, divididos em sete estações temáticas, que proporcionam uma viagem onírica para crianças e adultos adentrarem no universo construída por uma das maiores artistas brasileiras.

Quando: até 26 de fevereiro de 2020
Onde: Farol Santander
Quanto: de R$12,50 a R$25


► ENTREVENDO - CILDO MEIRELES, SESC POMPEIA

A exposição Entrevendo - Cildo Meireles traz obras do artista desde quando ele iniciou sua carreira, em 1960, até os dias atuais, em diversas formas de expressão. Sua arte enquadra no movimento contemporâneo e de importante expressão para o Brasil e internacionalmente. O artista brinca com os sentidos e com a percepção, jogando brincadeiras com o espectador, além de brincar com a forma e conteúdo, poesia e política, abstração e figuração.

Quando: até 2 de fevereiro 2020
Onde: Sesc Pompeia
Quanto: gratuito


BATMAN 80, MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA

Foto: Divulgação (via assessoria Combo Comunicação)

A mostra "Batman 80", no Memorial da América Latina, traz uma experiência completamente imersiva, na qual o visitante pode visitar lugares como a Mansão Wayne, a Batcaverna, o apartamento da Mulher-Gato e o covil do Coringa. Além da cenografia, a exposição ainda reúne quadrinhos, itens raros, incluindo alguns da coleção de Marcio Escoteiro, o maior colecionador de Batman do país, e textos explicativos que contam a história e a relevância de um dos personagens mais famosos do mundo.

Quando: de terça a sexta, das 12h às 21h; sábados, domingos e feriados, das 10h às 21h [até 2 de fevereiro de 2020]
Onde: Memorial da América Latina
Quanto: R$17,50 a R$45,00


► EXPOSIÇÃO LINHAS DA VIDA, CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL

O CCBB de São Paulo recebe uma exposição incrível da artista japonesa Chiharu Shiota, que trata sobre conexão, memórias e reflexões sobre a vida. A mostra faz uma retrospectiva do trabalho da artista desde seu início até os dias atuais. São 70 obras entre pinturas, fotografias, performances e instalações, que frequentemente são emaranhados de linhas. São cinco núcleos que convidam o visitante a mergulhar em reflexões e sensibilidade.

Quando: de quarta a segunda, das 9h às 21h *até 27 de janeiro.
Onde: CCBB SP
Quanto: entrada gratuita


► OCUPAÇÃO ALCEU VALENÇA, ITAÚ CULTURAL


Foto: Divulgação (via assessoria - Conteúdo Comunicação)

Da série Ocupações no Itaú Cultural, a 48º Ocupação é dedicada à Alceu Valença e segue até 2 de fevereiro de 2020. A exposição mostra todo o universo de Alceu, dos versos às rimas, do baião ao frevo, do circo ao cinema, perpassando toda a sua vida e obra. A exposição apresenta ao público fotografias, poemas, músicas, audiovisuais, objetos e produções literárias de sua autoria.

Quando: Até 2 de fevereiro de 2020 | de terça a sexta, das 9h às 20h (permanência até 20h30) | Sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h
Onde: Itaú Cultural
Quanto: entrada gratuita


► FRANZ WEISSMANN: O VAZIO COMO FORMA, ITAÚ CULTURAL

Até 9 de fevereiro, o Itaú Cultural recebe a exposição Franz Weissmann: o vazio da forma. São três andares que faz um recorte da obra de Franz Weissmann, com cerca de 800 peças dispostas em cada andar, sem ordem cronológica, mas de forma antológica. Em um dos pisos, estão as obras em maior escala. Desenhos, a passagem do figurativo para o abstrato, Amassados e cubos, em outro. Por fim, maquetes e estudos, linha do tempo e uma obra pública em realidade virtual ocupam o -2.

Quando: Até 9 de fevereiro de 2020 I Terças-feiras a sextas-feiras, das 9h às 20h (permanência até as 20h30) I Sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h
Onde: Itaú Cultural
Quanto: entrada gratuita


Por Lid Capitani

Atualizado em 16 Jan 2020.

Mais notícias

Saiba tudo sobre a CCXP Worlds: A Journey of Hope

Na Cidade

Confira a programação online e gratuita de setembro

Na Cidade

Mais de 15 eventos drive-in em São Paulo em setembro de 2020

Na Cidade

11 eventos drive-in imperdíveis em São Paulo em agosto

Na Cidade

Confira o melhor da programação grátis e virtual em agosto de 2020

Na Cidade

'Botafogo Xperience' é opção de empreendimento charmoso no bairro de Botafogo, no Rio de janeiro; saiba tudo!

Na Cidade
Guia da Semana Premium
Nosso conteúdo na melhor forma!

Aproveite o Guia da Semana de forma mais rápida, sem banners ou publicidade digital!