Guia da Semana
Pet
Por Redação Guia da Semana

Outubro Rosa: saiba tudo sobre câncer de mama em pets

Cachorros e gatos estão vulneráveis a ter câncer de mama: entenda as diferenças e saiba como prevenir a doença.

Fotos: Shutterstock

No mês de outubro começa a campanha Outubro Rosa para a prevenção do câncer de mama em mulheres. Mas, você sabia que o tumor mamário é o que mais atinge os cachorros e gatos? O assunto é sério e exige monitoramento constante dos donos.

Ao contrário do que se pensa, ainda existem inúmeras dúvidas em torno do assunto. Afinal, qual a diferença entre câncer de mama entre mulheres e animais?

Para esclarecer questões sobre o tema, o Guia da Semana entrevistou a veterinária da Cobasi, Carla Storino Bernardes, que esclareceu essas e outras dúvidas muito comuns sobre o assunto! Confira:
 

Câncer de Mama só atinge fêmeas?

"Grande parte dos tumores mamários acometem as fêmeas, sendo extremamente raro em machos. Devido a influencias hormonais, a presença de receptores hormonais como estrógeno e progesterona tem papel importante para excitação hormonal no desenvolvimento de tumores".
 

A maioria dos tumores é benigno ou maligno? E como identificá-los?

"Aproximadamente 80 ou 90% dos tumores de mama são malignos. Para identificar o tumor, o tutor nota uma massa nodular firme".
 

Quais são os sintomas que o animal apresenta?

"O tutor nota uma massa nodular firme que pode aderir a pele, mas não a parede abdominal; mamas edemaciadas e vermelhas e em alguns casos pode apresentar exsudato (muco), e em casos mais graves apresentem ulceração de pele".
 

Como é feito o diagnóstico da doença?

"O diagnóstico da doença, ou seja, a confirmação se de fato existe um tumor, é através de imagem e biopsia preliminar".
 

Uma vez diagnosticado, como é feito o tratamento?

"O tratamento para o câncer de mama é através da Mastectomia, isto é, a retirada da cadeia mamaria e castração para retirar os fatores hormonais".
 

Existe uma prevenção contra o câncer de mama?

"Segundo a médica, a prevenção é feita através da castração das fêmeas".

 


Por Redação Guia da Semana

Atualizado em 4 Out 2018.

Mais notícias

Entenda porque seu cachorro não pode comer chocolate

Pet

Saiba o endereço dos Hospitais Veterinários Públicos de São Paulo

Pet

São Paulo inaugura em outubro mais uma unidade do Hospital Veterinário Público

Pet

13 receitas para você preparar para o seu pet

Pet

De cerveja a hambúrguer: 4 lugares em São Paulo com cardápio para os pets

Pet

Hamburgueria em SP inova com lanche especial para cachorro; saiba mais!

Pet