Guia da Semana

Dicas de como fazer cerveja em casa

Saiba quais são os segredos de uma das práticas que mais crescem no mundo.

Reunir os amigos para tomar uma cerveja é a atividade preferida de muitos brasileiros. Enfrentar filas em bares e pagar um pouco mais caro em marcas “gourmet” não são grandes sacrifícios, mas incomodam em algumas situações.

E se você pudesse tomar uma cerveja de excelente qualidade sem sair de casa? O Guia da Semana conversou com o Tom Silva, mestre cervejeiro do restaurante Les 3 Brasseurs, em São Paulo, para conhecer algumas dicas para fazer cerveja artesanal. Mãos à obra! 

Image and video hosting by TinyPic

Por onde começar?

Assim como em quase tudo nessa vida, um bom começo para se tornar um cervejeiro é procurar livros e referências de quem já está há algum tempo no mercado. Entender do seu produto final é fundamental para partir para o processo de produção.

Tom Silva nos fez a indicação do livro “1001 Cervejas para Beber Antes de Morrer”. Nele são demonstrados diferentes estilos e sabores que vão ajudar a desenvolver o seu.

Outro ponto importante a ser trabalhado é a sua autoconfiança: qualquer um pode se tornar um cervejeiro, basta ter comprometimento em alguns pontos cruciais.

“Qualquer um com compromisso com a higiene e um bom fogão pode fazer. Conhecimento anterior é necessário, uma boa leitura sobre o que a pessoa irá fazer já dá alguma vantagem na hora de fazer a cerveja. Beber também é importante. Cervejeiro que não bebe torna a vida mais difícil”, realça Tom.

Ferramentas

A qualidade das ferramentas está diretamente ligada à qualidade da sua cerveja. Um dos maiores investimentos de todo o processo será feito aqui, por isso não compensa fazer grandes economias. Isso pode comprometer todo o resto.

Segundo Tom Silva, as ferramentas essenciais são: Fogão de alta pressão, Panelas de cozinha industrial de alumínio ou inox, válvulas extratoras, mangueiras atóxicas, cilindro de Co2, moinho de condimentos e alguns outros itens de medição tipo termômetros e densímetros.

Os melhores lugares para comprar essas ferramentas não estão nos shoppings, mas na internet. Tom deu destaque para a Sinnatrah, em São Paulo, e Os Lamas, de Campinas. Se a grana estiver realmente curta, a sugestão é economizar nas panelas. Os kits completos são mais caros, então pode ser que consiga melhores preços indo de loja em loja.

Sabores

Nada disso vai valer a pena se o cervejeiro não chegar ao sabor desejado. É importante saber que a sua cerveja não será igual àquelas oferecidas em open bar’s de festas. Ainda bem. Vamos a algumas características da cerveja artesanal segundo Tom Silva:

- Mais alma

- Mais corpo

- Mais Sabor

- Aparência turva (pode assustar quem não está acostumado)

Para sentir tudo isso, é preciso saber como degustar. A melhor forma para fazer isso é chamar os amigos e prestar atenção nas diferentes mudanças de sabor.

O teor alcoólico também está totalmente no controle do cervejeiro. Se o seu objetivo é colocar seus amigos em coma, saiba que o excesso de álcool influencia no sabor e podedeixar sua bebida impossível de ser tomada.

Preços

As sugestões para compra de matéria prima são as mesmas das ferramentas: a internet. Romper preconceitos com produtos brasileiros também é uma boa forma de economizar sem perder qualidade.

“Eu economizaria no malte tipo pilsen existem maltes deste tipo nacional que são bons e baratos”, indica Tom Silva. Isso varia também de acordo com os sabores que você busca, claro.

O preço gasto ao final do processo será de: R$ 1200 a 2000.

Atualizado em 20 Out 2014.

Por Ezio Jemma
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Novidade: Restaurante Kyokuto, em Pinheiros, aposta em pratos típicos do Japão e Coreia

Rafael Dalla é quem assina o cardápio itinerante

4 restaurantes em São Paulo para comer bem e ainda ajudar refugiados

Conheça casas que oferecem comidas típicas dos lugares de onde seus proprietários vieram

Restaurante no Eataly lança novo cardápio com pizzas gourmet; confira!

Ovos mexidos, pera, quinoa e azeite trufado estão entre os ingredientes inusitados

Casquinha, sundae e milk-shake: Burger King lança linha de sobremesas com creme de avelã; confira!

Novidades já estão disponíveis em todas as lojas da rede por tempo indeterminado

Com pizzas de estilo napolitano e mais de 15 sabores de gelato, Forneria Pellegrini é nova opção gastronômica em SP

Casa no Baixo Pinheiros é opção para os amantes da culinária italiana

KFC lança sanduíche inédito no Brasil; confira!

Com hash brown na lista de ingredientes, o Dirty Louisiana já está disponível em todas as lojas da rede ;)