Guia da Semana
Restaurantes
Por Redação Guia da Semana

Eu quero batata

Popularíssima, a batata cai bem em qualquer ocasião, das simples porções até os mais refinados pratos.



Batata é bom e todo mundo gosta. Frita, assada, cozida, recheada ou na salada, não tem quem não fique feliz com uma porção dela bem crocante. Originária do Peru, é um dos vegetais mais utilizados no mundo após o arroz, o trigo e o milho. Servida como acompanhamento em alguns pratos, ou até como estrela principal, sempre é bem vinda nas refeições.

Coringa de qualquer cozinha, o tubérculo apresenta muitos nutrientes como vitamina C e B6, cobre, magnésio e fibras. Além disso, recebe diferentes nomes conforme o local. No Chile, por exemplo é chamada de araucano ou poni; na Colômbia recebe o nome de Tony; na Espanha é papa; na Itália simplesmente patata; e na Irlanda de irish potato ou white potato.

A verdade é que não importa muito o nome ou como ela é servida, o que não pode faltar é batata. O Guia da Semana selecionou alguns pratos que a tem como foco principal ou acompanhamento. A difícil tarefa é decidir-se apenas por uma. De qualquer forma, devore-as.

La Mar

O restaurante de gastronomia peruana tem em seu cardápio o prato Causa Mixta, pequenas bolinhas de purê de batata, misturadas com pasta de aji, azeite, suco de limão e sal, além de recheadas com abacate.




Zucco Restaurante

Costeleta suína com raviolini de batata é a receita do italiano Zucco. A carne é servida ao molho de azeite, mostarda cremona e vinho branco, acompanhada pelos ravioles de batatas molhados com manteiga quente e sálvia.



Maní

Restaurante de cozinha contemporânea, o Maní traz em seu cardápio um delicioso prato de filet mignon com manteiga de ervas e especiarias, com redução de vinho do Porto e gratin de batatas e rúcula.



Café Piu Piu

O cardápio do Café Piu Piu serve de petiscos a sanduíches. O destaque fica para o Latkes, bolinhos fritos de batata ralada. A receita é tradicionalíssima e provém da cozinha judaica.



Che Bárbaro

Representante da culinária argentina, no Che Bárbaro um dos principais acompanhamentos é a Papa Quimérica. A batata é amassada, deixando uma massa mais concentrada para que se faça um furo e coloque o recheio de requeijão com parmesão ou roquefort com requeijão e depois gratinado.



Outback

Com um cardápio que inclui porções generosas e variadas de steaks, opções de peixe, camarão, frango, carne suína, cordeiro, massas, sanduíches, sopas e saladas, o acompanhamento não poderia deixar de ser outro, que não a batata. Uma das opções do menu é o Garlic Mashed Potato, um purê de batata rústico, amassado no garfo e temperado com alho.



  O tradicional ganha ares de refinado
Existem muitas receitas com batata, mas tem muita gente que gosta mesmo é do básico. Pensando nisso, o chef francês Olivier Anquier abriu o bistrô L'Entrecôte de Ma Tante, onde é servido um único prato, o favorito de muita gente: bife com batata frita. Tradicional da cozinha francesa, o entrecôte consiste em um corte nobre de carne bovina, acompanhado por um molho que varia de acordo com cada família ou cozinheiro. O prato saipor R$37,00 e é acompanhado por salada e batatas frita à vontade. No menu também está incluso cinco opções de sobremesas, sendo o mousse de chocolate servido na quantidade que o cliente desejar.


Atualizado em 7 Ago 2012.

Mais notícias

11 restaurantes em São Paulo perfeitos para o almoço de domingo em família

Restaurantes

Starbucks lança novos produtos especiais para o verão; saiba mais!

Restaurantes

Abbraccio oferece pizza em dobro para celebrar a chegada de 2019

Restaurantes

14 lugares com sobremesas geladas para se refrescar no verão

Restaurantes

Mais de 20 lugares para tomar drinks refrescantes no verão

Restaurantes

Vezpa Pizzas, tradicional e descolada rede carioca, chega a São Paulo; saiba mais

Restaurantes