Guia da Semana

Tradição kashrut

Conheça o código que permeia a preparação de toda a culinária judaica.

Foto: Wikipedia / Aviv Hod
 



Com a chegada de mais um Rosh Hashaná, o ano novo judaico, os israelenses exaltam a importância de sua culinária. De costumes bem diferentes de outras existentes, a cozinha kasher baseia-se na kashrut, uma espécie de código de preparação dos pratos e que segue preceitos religiosos.

As rígidas regras ordenam, por exemplo, a separação de laticínios e carne em uma mesma refeição ou que só é possível comer animais que tenham o casco dividido em duas partes e que ruminem. Também é no ano novo que os doces têm participação importante - maça com mel é uma das sobremesas que garantem 365 dias fatos e doces.

Carnes: São proibidos animais que rastejem, comam restos ou andem pelo lixo. Os judeus ortodoxos acreditam na morte sem violência ou sofrimento da criatura. Também é fundamental que a carne esteja sem sangue e sem gordura. Para o abate, existem profissionais específicos, os soichets. Ao final, o rabino tem de certificar a pureza do alimento. Carne de porco, por exemplo, não é usada. Destaque para a kishke, uma linguiça "falsa", feita para iludir os que queriam identificar judeus para denunciá-los.

Kebabs: Advindos dos árabes, os kebabs são uma das maneiras mais baratas de se comer carne. O item é feito a partir de carne de carneiro e leva salsinha, nozes e canela, além de tempero secreto.

Pães: Integrante nobre, o pão é alimento básico e estrela de cerimônias religiosas. Há a pita, tradicional pão do Oriente; a challá (foto), servida a cada sexta ao pôr-do-sol, no início do Shabat. No Rosh Hashaná, é moldada na forma redonda, mas pode vir à mesa como trança e rosca. Os bagels também são populares, seja em Tel Aviv ou Nova Iorque.

Temperos: Grande paixão dos judeus, a pimenta-malagueta está presente em diversas receitas. Há também a harissa, capaz de espalhar um calor por todo o corpo. É bom saboreá-la junto de pita.

Confira aqui a receita de hummus , a pasta de grão-de-bico.

Onde Encontrar

Em São Paulo, é possível encontrar comida judaica nos restaurantes AK Delicatessen, Nur e Z Deli.

Atualizado em 7 Ago 2012.

Por Angela Miguel
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Novidade: Restaurante Kyokuto, em Pinheiros, aposta em pratos típicos do Japão e Coreia

Rafael Dalla é quem assina o cardápio itinerante

4 restaurantes em São Paulo para comer bem e ainda ajudar refugiados

Conheça casas que oferecem comidas típicas dos lugares de onde seus proprietários vieram

Restaurante no Eataly lança novo cardápio com pizzas gourmet; confira!

Ovos mexidos, pera, quinoa e azeite trufado estão entre os ingredientes inusitados

Casquinha, sundae e milk-shake: Burger King lança linha de sobremesas com creme de avelã; confira!

Novidades já estão disponíveis em todas as lojas da rede por tempo indeterminado

Com pizzas de estilo napolitano e mais de 15 sabores de gelato, Forneria Pellegrini é nova opção gastronômica em SP

Casa no Baixo Pinheiros é opção para os amantes da culinária italiana

KFC lança sanduíche inédito no Brasil; confira!

Com hash brown na lista de ingredientes, o Dirty Louisiana já está disponível em todas as lojas da rede ;)