Guia da Semana
Arte
Por Redação Guia da Semana

A Febre do Samba - Terça

Projeto oferecido pelo Teatro SESI Centro faz retrospectiva dos melhores sambas do carnaval carioca.

Espetáculos do projeto A Febre do Samba revivem enredos do carnaval carioca (Divulgação)

Este evento terminou

A Febre do Samba - Terça

Data 17 Jan 2012-14 Fev 2012
17 de janeiro a 16 de fevereiro.

Preço(s) R$ 5.

Horário(s) Terça, 19h.

Shows: Samba

Avenida Graça Aranha, 1, 20030-002

Telefone (21) 2563-4163

Relembrar as melodias que fizeram história na música carioca é a forma como o Teatro SESI Centro vai festejar o Carnaval 2012. Entre os dias 17 de janeiro e 16 de fevereiro, às terças e quintas, o espaço vai receber uma série de espetáculos previstos no projeto A Febre do Samba – O Samba Enredo do Século XX.

Dividido em dois blocos e levado aos palcos por um time de músicos e atores, o repertório traz nas noites de terça-feira clássicos do samba, que marcam época entre os anos 30 e 70. Confira abaixo os destaques reservados para as terças-feiras:

Anos 30

1929 – “Ando sofrendo” (Deixa Falar) e “Chega de demanda” (Mangueira)

1930 – “Linda demanda” (Mangueira) e “Eu quero é nota” (Mangueira)

1934  – “Divina dama” (Mangueira)

1936 – “Não quero mais amar a ninguém” (Mangueira) e “Natureza bela do meu Brasil (Unidos da Tijuca)

1937 – “Linda Guanabara” (Portela)

1939 – “Teste ao samba” (Portela)

 

Anos 40/50

1949 – “Exaltação a Tiradentes (Império Serrano)

1953 – “Sessenta e um anos de República” (Império Serrano)

1955 – “As quatro estações do ano” – (Mangueira)

 

Anos 60

1960 – “Quilombo dos Palmares” (Salgueiro)

1963 – “As três capitais” (Imperatriz Leopoldinense) e “Xica da Silva” (Salgueiro)

1964 – “Chico Rei” (Salgueiro) e “Aquarela brasileira” (Império Serrano)

1965 – “Cinco bailes da história do Rio” (Império Serrano)

1967 – “O mundo encantado de Monteiro Lobato” (Mangueira)

1968 –“Sublime pergaminho” (Unidos Lucas) e “Quatro séculos de moda e costumes” (Unidos de Vila Isabel)

1969 – “Yayá do cais dourado” (Unidos de Vila Isabel) e “Bahia de todos os deuses” (Salgueiro)

 

Anos 70

1970 – “Lendas e mistérios da Amazônia” (Portela)

1971 - “Lapa em três tempos” (Portela) e “Festa para um Rei Negro” (Salgueiro)

1972 – “Mangueira, minha madrinha querida” (Salgueiro), “Alô, Alô taí Carmem Miranda” (Império Serrano); “Ilu Ayê (Terra da vida) (Portela); “Martim Cererê” (Imperatriz Leopoldinense); “Onde o Brasil aprendeu a liberdade” (Unidos de Vila Isabel)

1973 – “Lendas do Abaeté” (Mangueira)

1974 – “A festa do divino” (Mocidade Independente de Padre Miguel); “O mundo melhor de Pixinguinha” (Pizindin) (Portela)

1975 – “Festa do Círio de Nazaré (Unidos de São Carlos)

1976 – “A lenda das sereias rainhas do mar” (Império Serrano), “Os sertões” (Em Cima da Hora) e “A arte negra na lendária Bahia” (Unidos de São Carlos)

1976 - “Sonhar com rei dá leão” (Beija-Flor)


Mapa do local

Explore ao redor

Margutta Città

Restaurantes

Academia Brasileira de Letras

Turismo

Casa Villarino

Bares

Delírio Tropical - Santa Luzia

Restaurantes

Zacks - Centro

Restaurantes

Bezamat

Bares

Notícias recomendadas

B3 cede obras de grandes nomes do movimento modernista ao MASP

Arte

Inhotim lança duas novas exposições virtuais no Google Arts & Culture

Arte

Google Arts&Culture disponibiliza obras do artista plástico e militante político Antonio Benetazzo; saiba mais!

Arte

Agora você pode visitar a exposição dos 20 anos de Harry Potter em uma plataforma online do Google; saiba mais!

Arte

Museu da Empatia chega a São Paulo com instalação interativa; saiba mais!

Arte

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Arte