Guia da Semana
Arte
Por Redação Guia da Semana

Viagem ao Centro da Terra

Que tal participar de uma peça teatral em um teatro a 15 metros de profundidade? Sim, esse lugar existe: é o Teatro do Centro da Terra.

Em Outrokê, pessoas da plateia são convidadas a participar da peça (Ana Fuccia)

Viagem ao Centro da Terra

Preço(s) Sob consulta.

Horário(s) 9h às 18h; bilheteria, 2h antes dos espetáculos.

Endereço
Rua Piracuama, 19, 05017-040

Telefone (11) 3675-1595

Um teatro com palco de um lado e público de outro. Igualzinho a muito teatro que encontramos por aí. Mas, como esse é o Guia Não Óbvio, esse é um teatro com algumas particularidades que fazem dele assiiiim...uma Brastemp. Primeiro: a participação do público nas peças. Sim, algumas pessoas da plateia são convidadas a interagir com os atores no meio da peça. E outro detalhe que chama a atenção: o palco fica no subsolo do prédio, a 15 metros de profundidade: é o Teatro do Centro da Terra, que fica no Sumaré.

A história do teatro, embora lembre o livro Viagem ao Centro da Terra, do escritor francês Julio Verne, é mais paulistana e fruto da pesquisa do diretor de teatro Ricardo Karman. "Eu costumava ensaiar em uma sala no quarto subsolo de um prédio que fica ao lado de onde é o teatro hoje", lembra. Isso foi o começo de seu grupo teatral Kompanhia de Teatro Multimídia de São Paulo, em 1989. Sempre buscando a inovação, as peças dirigidas por Karman têm na interatividade com o público sua característica mais marcante, além da utilização de recursos multimídia.

Utilizando as instalações do prédio vizinho, onde Karman já ensaiava e que ficava em um terreno muito inclinado, ele fez toda a escavação e estruturação para a construção do teatro, no quarto subsolo do edifício. Com capacidade para 100 pessoas, o teatro é considerado uma das melhores salas de São Paulo e recebe apresentações de diversos grupos, com propostas que variam das peças tradicionais - com auditório de um lado e palco do outro - até as peças de Karman, em que as pessoas são convidadas a participar. "O público fica no centro do espetáculo, é também artista e não fica somente olhando. Mas não é nada compulsório", avisa.

Karman explica que o público não se espanta com os acontecimentos inusitados que acontecem na peça - pelo contrário, espera por isso. "As pessoas geralmente já sabem do que se trata, vêm preparadas e com conhecimento prévio. Para quem não sabe, a gente explica". Porque não basta ser um teatro embaixo da terra e somente ser plateia, tem que participar.


Mapa do local

Explore ao redor

Central das Artes

Bares (antigo)

Espaço Cultural Pró-TV

Viagens

Museu da Televisão

Arte

Cortás Espeto e Pastel

Restaurantes

Bar dos Menine

Bares (antigo)

Emagrecentro - Pompéia

Na Cidade

Notícias recomendadas

Conheça a 'Transe', plataforma digital que promove e conecta agentes das artes visuais no Brasil

Arte

Cirque du Soleil lança site especial durante a quarentena; saiba tudo!

Arte

15 museus brasileiros para visitar online

Arte

8 lives de galerias e museus para você curtir arte em casa

Arte

Curitiba recebe visita de museu egípcio itinerante; saiba mais!

Arte

Google Arts & Culture disponibiliza tour virtual e coleções digitais do acervo do Museu Nacional

Arte